Celulares

Por Paulo Alves, para o TechTudo


A Apple mudou a forma como os iPhones mais recentes lidam com troca de bateria. Caso o procedimento tenha sido realizado por uma assistência técnica não autorizada, os celulares de 2018iPhone XR, iPhone XS e iPhone XS Max – com iOS 12 e iOS 13 Beta passam a exibir um alerta de que a troca ocorreu fora do ambiente controlado pela companhia, mesmo que a peça seja original. O componente continua funcionando normalmente, mas o telefone deixa de indicar a saúde da bateria na seção dedicada a isto dentro dos Ajustes de sistema.

O alerta foi descoberto pela rede de reparos iFixit. A suspeita é de que a Apple esteja ativando os avisos para estimular que as substituições de bateria ocorram somente nas lojas parcerias.

Apple passa a emitir alerta no iPhone quando bateria é trocada por terceiros — Foto: Thássius Veloso/TechTudo Apple passa a emitir alerta no iPhone quando bateria é trocada por terceiros — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Apple passa a emitir alerta no iPhone quando bateria é trocada por terceiros — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Segundo o canal do YouTube TheArtofRepair, que investigou o caso mais a fundo, o responsável pela mensagem de alerta é um controlador na bateria. Ele funciona como meio de verificação de identidade de um técnico da Apple ou credenciado pela empresa. Se a mesma bateria for trocada por alguém que opera fora da cadeia autorizada, o componente ordena o alerta ao sistema operacional. O aviso pede que o usuário leve o smartphone para a assistência mesmo que a bateria seja completamente nova.

A bateria do iPhone vem sendo alvo de críticas há algum tempo, quando começaram a surgir casos de aparelhos que pararam de funcionar depois que o componente havia sido trocado por terceiros. Mais tarde, a Apple admitiu que deixava os celulares mais lentos para preservar a longevidade da peça. Após reclamações de usuários, a empresa reduziu os preços de baterias novas por um ano: a troca teve preço de R$ 149, um desconto de R$ 300 frente ao valor original.

A medida, no entanto, trouxe um resultado negativo para as finanças da companhia. No balanço divulgado no começo de 2019, a Apple mencionou a facilidade de trocar baterias como um dos motivos pela queda no faturamento proveniente da venda de iPhones: para aproveitar a oferta, uma quantidade grande de consumidores teria decidido reparar seus smartphones em vez de investir na compra de um novo.

Mais do TechTudo