Por Filipe Garrett, para o TechTudo


A Samsung está desenvolvendo uma bateria de grafeno para os próximos celulares. Segundo Evan Blass, conhecido por revelar informações de smartphones antes do lançamento, o suposto componente teria a capacidade de completar a carga em apenas meia hora e seria um substituto às baterias de lítio. A expectativa é de que a novidade chegue em telefones da marca em 2020 ou 2021. A fabricante ainda não se posicionou sobre o assunto.

Samsung está desenvolvendo bateria de grafeno, segundo Evan Blass — Foto: Filipe Garrett/TechTudo Samsung está desenvolvendo bateria de grafeno, segundo Evan Blass — Foto: Filipe Garrett/TechTudo

Samsung está desenvolvendo bateria de grafeno, segundo Evan Blass — Foto: Filipe Garrett/TechTudo

A ideia do uso do grafeno busca encontrar uma tecnologia viável para substituir os atuais compostos de lítio, usados nas baterias atuais, a fim de trazer uma carga mais rápida e maior durabilidade ao componente. Além disso, a expectativa é de que o componente ofereça mais segurança aos usuários.

A Samsung vem explorando a tecnologia já há alguns anos. Em 2017, a companhia apresentou um substrato de grafeno capaz de carregar cinco vezes mais rápido do que uma bateria comum. Apesar de todas essas vantagens, segundo Blass, ainda não há uma data exata para a comercialização do novo componente, uma vez que ainda há etapas a serem cumpridas para viabilizá-lo ao público.

Via Cnet e Mashable

Mais do TechTudo