Navegadores

Por Louise Rodrigues, da Redação


O Google deu um passo importante para evitar a hipersexualização de mulheres lésbicas. Após constatar que resultados com o termo francês "lesbienne" e suas variações traziam resultados ligados à pornografia, a empresa promoveu uma mudança em seu algoritmo. O objetivo é fornecer mais informação e conteúdo instrutivo.

As mudanças fazem parte de uma série de melhorias constantes que o Google se dedica a fazer em todo o mundo para potencializar os resultados de busca. Os reflexos, segundo a empresa, também serão sentidos em outros termos e suas palavras correlatas. Isso porque, com base na experiência de observação das pesquisas pela expressão "lesbienne", foi possível detectar outros pontos sensíveis, que não foram divulgados.

Google faz mudanças no algoritmo para evitar resultados pornográficos na pesquisa pelo termo "lésbica" — Foto: Constância García/TechTudo Google faz mudanças no algoritmo para evitar resultados pornográficos na pesquisa pelo termo "lésbica" — Foto: Constância García/TechTudo

Google faz mudanças no algoritmo para evitar resultados pornográficos na pesquisa pelo termo "lésbica" — Foto: Constância García/TechTudo

Segundo o Google, a prioridade é oferecer ao usuário exatamente o conteúdo que ele buscar. Um dos pontos sensíveis mapeados, e que levaram à mudança do algoritmo, foi a diferença entre os resultados oferecidos para pesquisas sobre o público LGBTQ+. O tipo de conteúdo ofertado quando o foco eram homens ou pessoas com diferentes identidades de gênero era potencialmente diferente quando envolvia mulheres.

Por exemplo, ao pesquisar por "gay", "homossexual" ou "trans" as sugestões costumavam ser a Wikipedia ou páginas de informação. Conteúdos pornográficos eram oferecidos apenas se a busca fosse direcionada para isso. Porém, alguns dos conteúdos priorizados pelo Google para o termo "lésbica" eram sexuais ou sugestivos, ainda que a palavra não estivesse acompanhada de nenhuma outra relacionada à pornografia.

Ao TechTudo, o Google confirmou a informação por meio de nota. Leia:

“Trabalhamos muito para evitar que conteúdo potencialmente ofensivo apareça nos resultados da Busca quando os usuários não estiverem pesquisando explicitamente por esse conteúdo. Reconhecemos que os resultados para a consulta “lesbienne” em francês estão abaixo das nossas expectativas e, como parte de nosso trabalho contínuo para melhorar a Busca, desenvolvemos uma solução algorítmica para que possamos fornecer resultados de alta qualidade não apenas para essa consulta, mas para vários outros tipos.”
— Google

Google Play Store parou? Saiba como resolver lendo as dicas dos usuários do Fórum TechTudo.

🚌 Quer usar o Google Maps para saber se o seu ônibus está chegando? O TechTudo te ensina como fazer👇

Como saber se o ônibus está chegando com o Google Maps

Como saber se o ônibus está chegando com o Google Maps

Mais do TechTudo