Por Victor de Abreu, para o TechTudo


O remake do mapa Cache, do Counter Strike: Global Offensive (CS:GO), foi apresentado neste domingo (29) durante a ESL One New York 2019. O novo cenário foi revelado em um showmatch entre jogadores Evil Geniuses, que venceu a competição, da Astralis, da Team Liquid, entre outros convidados. O mapa ganhou um novo visual, um pouco mais colorido do que o anterior, e passou por algumas mudanças no lado Terrorista, o que pode impactar o competitivo.

Além disso, a ESL publicou, via Twitter, um vídeo mostrando estes e outros detalhes do remake para os fãs de CS:GO. A nova Cache será lançada no dia 10 de outubro, mas ainda não há data definida para o mapa retornar à rotação competitiva.

Nova Cache no CS:GO — Foto: Divulgação/Valve Corporation Nova Cache no CS:GO — Foto: Divulgação/Valve Corporation

Nova Cache no CS:GO — Foto: Divulgação/Valve Corporation

Diferente de outros mapas, onde não há tantas variações de cores, a nova Cache chega um pouco mais iluminada e colorida, com destaque para a vegetação que aparece em quase todos os cantos do cenário. Vale destacar também a remoção do graffiti que pertencia ao jogador Oleksandr "s1mple" Kostyliev. A homenagem era uma referência à sua jogada com a AWP sem scope na ESL One Cologne 2016.

Quanto ao competitivo, os desenvolvedores levaram em consideração o fato da Cache ser um mapa mais favorável ao lado Terrorista e fizeram algumas modificações baseadas nisso. Por exemplo, um dos caminhos que levam ao Bombsite A agora ganhou mais ângulos de visão para ajudar sua defesa e até uma caixa foi adicionada para a proteção e dar mais vantagens para os Contra-Terroristas.

O remake também apresenta novos pontos para os AWPers e para a utilização de granadas. E apesar do foco ser dar um pouco mais de vantagem para o lado CT, o lado TR também recebeu algumas mudanças, como um ponto específico no bombsite B que permitirá aos jogadores observarem as entradas do local.

A Cache foi retirada do competitivo em março de 2019 e deu lugar no competitivo para a Vertigo. A mudança gerou polêmica nas redes sociais, pois ela seria bastante favorável à equipe da Astralis, então melhor do mundo na época e uma equipe que constantemente vetava o mapa. A expectativa é que Cache retorne à rotação competitiva após alguns testes iniciais, que serão realizados após seu lançamento no CS:GO no dia 10 de outubro.

Via Win.GG e Dexerto

Mais do TechTudo