Campeonatos

Por Tainah Tavares*, de Bangkok, Tailândia


O Brasil é o campeão do Streamers Showdow de Free Fire Battlegrounds, campeonato mundial do modo Contra Squad do jogo mobile da Garena. O time venceu a equipe da Indonésia Eagle neste sábado (21), em Bangkok, na Tailândia. Everton ''UBiTa'' Lima, Samuel "Level Up", Daniel "Pfonn" Pereira, Bárbara "Babi" Passos, Carolina Voltan e Ernani "Weedzao vestiram a camisa verde e amarela para representar a equipe canarinho na competição. O elenco de streamers e pro players foi convidado pela desenvolvedora para jogar na Tailândia.

Free Fire é um game mobile disponível para download grátis em celulares Android e iPhone (iOS). Também é possível jogar o Battle Royale no PC usando emuladores. O Contra Squad foi liberado nos servidores brasileiros em agosto de 2019. Com a vitória dos brasileiros, a desenvolvedora revelou que o modo ficará disponível no país até o dia 16 de outubro mês.

Brasileiros vencem Streamer Showdow na Tailândia — Foto: Tainah Tavares/TechTudo Brasileiros vencem Streamer Showdow na Tailândia — Foto: Tainah Tavares/TechTudo

Brasileiros vencem Streamer Showdow na Tailândia — Foto: Tainah Tavares/TechTudo

Quais são os piores jogos para celular? Opine no Fórum do TechTudo

Final

A decisão do torneio foi uma melhor de três (MD3). As duas equipes finalistas chegaram invictas para decisão. Com UBiTa, Level Up, Pfonn e Babi na escalação, as rodadas iniciais do primeiro jogo foram mais lentas, os dois times marcaram muito suas posições no mapa e as kills demoraram para acontecer. O time asiático, no entanto, saiu na frente e conquistou os dois primeiros pontos. Os brasileiros reagiram no terceiro round e, com a economia estabilizada, empataram o placar em 2-2. A virada veio na quinta rodada e o jogo terminou em 4-2 para o Brasil, com destaque para a atuação de UBiTa, Babi e Level Up.

Com uma vitória, os players brasileiros chegaram mais confiantes para o segundo jogo e logo fizeram dois pontos. A reação da Indonésia veio no terceiro round: os asiáticos venceram sem sofrer nenhum abate. Com o placar em 2-1, Level Up voltou a brilhar e, com quatro kills na conta, ajudou o Brasil a fazer mais um ponto. A Indonésia ensaiou uma reação no quinto round, mas o jogo terminou com o placar de 4-2 para os brasileiros.

Elenco brasileiro no Streamers Showdow, primeiro mundial do Contra Squad — Foto: Tainah Tavares/TechTudo Elenco brasileiro no Streamers Showdow, primeiro mundial do Contra Squad — Foto: Tainah Tavares/TechTudo

Elenco brasileiro no Streamers Showdow, primeiro mundial do Contra Squad — Foto: Tainah Tavares/TechTudo

Brasil na fase de grupos

O torneio seguiu o formato de pontos corridos. Assim, os oito times participantes foram divididos em dois grupos, e cada equipe jogou contra todos os adversários da própria chave. As partidas foram melhores de uma (MD1). Ao fim da etapa, os times com mais vitórias em cada grupo seguiriam para a final. O Brasil ficou no Grupo B.

O primeiro jogo do elenco brasileiro foi contra a Malásia. Para a partida, foram escalados UBiTa, Level Up, Pfonn e Weedzao. A série começou no Estaleiro (Shipyard), e os brasileiros dominaram totalmente os rounds seguintes. Com direito a uma double kill de Pfonn na segunda rodada, o elenco canarinho não teve dificuldades para fechar o placar rapidamente em 4-0.

Para o segundo embate, contra a Indonésia Rhino, Voltan substituiu Weedzao como suporte. O time brasileiro abriu a série com uma vitória fácil e marcou o segundo ponto também sem muitas dificuldades. Na terceira rodada, no entanto, a Indonésia reagiu depois de Pfonn rushar e eliminou três brasileiros. UBiTa ficou sozinho e, com pouca vida, chegou a conseguir uma kill, mas acabou abatido também. Com o placar em 2-1, os brasileiros voltaram a dominar o jogo, fizeram mais um ponto e, em um quinto round mais lento, fecharam a série em 4-1.

O Brasil enfrentou a Tailândia Titan no último e terceiro jogo da fase de grupos, com Babi na posição de quarta player. O jogo começou diferente dos anteriores, e os asiáticos que abriram o placar. Mas no segundo round os brasileiros conseguiram fazer três eliminações, com destaque da double kill de Pfonn, e logo levaram Evos Sandee, que era o último sobrevivente. Com uma boa economia para a rodada seguinte, Babi e companhia não tiveram dificuldades para virar o placar. A partida terminou em 4-1 para o Brasil e a vitória garantiu a classificação do time para a final.

Quer comprar jogos, consoles e PCs com desconto? Conheça o Compare TechTudo

*A jornalista viajou para a Tailândia a convite da Garena

Mais do TechTudo