Sistemas operacionais

Por Marvin Costa, para o TechTudo


Os smartphones fabricados pela Nokia estão recebendo mais atualizações do Android do que aparelhos de outras marcas, como Samsung e Xiaomi, de acordo com estudo publicado pela Counterpont Research, empresa de análise de dados sobre tecnologia. A fabricante aparece na liderança do ranking com maior suporte de segurança e software para o Android, sendo a que mais libera atualizações para o sistema operacional do Google.

Os dispositivos da Nokia também costumam estar entre os primeiros a receber os updates, liderando a lista das marcas que levam menos tempo para liberar as atualizações. A expectativa é que o suporte ao Android 10 chegue em breve aos mais de 15 aparelhos confirmados pela empresa. O novo sistema começou a ser liberado pelo Google nesta terça-feira (3), para usuários do Pixel e de smartphones selecionados.

Smartphones da Nokia lideram a lista de modelos que recebem atualizações para o Android — Foto: Divulgação/Nokia Smartphones da Nokia lideram a lista de modelos que recebem atualizações para o Android — Foto: Divulgação/Nokia

Smartphones da Nokia lideram a lista de modelos que recebem atualizações para o Android — Foto: Divulgação/Nokia

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

De acordo com a pesquisa da Counterpoint, cerca de 96% dos aparelhos vendidos pela Nokia desde o lançamento do Android 9.0 (Pie) ofereciam atualizações para o sistema, liberado pelo Google em 2018.

Segundo o estudo, a Nokia é a fabricante que mais oferece suporte de segurança e recursos de software para seus clientes. Porém, esse desempenho é seguido de perto pela Samsung, com 89%, e pelas chinesas Xiaomi e Huawei, com 84% e 82%, respectivamente. Outras fabricantes, como Lenovo e Oppo, mantêm menos de 50% de seus modelos atualizados. A Nokia é, também, a marca com mais aparelhos prontos para receber o Android 10 — veja a lista.

Segundo o diretor de pesquisas da Counterpoint, Peter Richardson, as empresas não estão dando a devida atenção ao problema. "As atualizações do sistema operacional e de segurança são um aspecto que recebe pouca atenção". Ele lembra que, além de garantir mais segurança para o usuário, as atualizações são importantes para o desempenho dos aparelhos. "Muitos dos principais recursos, como a duração da bateria, processamento, câmera e memória, estão relacionados ao desempenho do sistema operacional", acrescenta Richardson.

Pesquisa indica que a Nokia lidera a lista de modelos de smartphones que recebem mais atualizações do Android — Foto: Divulgação/Counterpoint Pesquisa indica que a Nokia lidera a lista de modelos de smartphones que recebem mais atualizações do Android — Foto: Divulgação/Counterpoint

Pesquisa indica que a Nokia lidera a lista de modelos de smartphones que recebem mais atualizações do Android — Foto: Divulgação/Counterpoint

Quando o catálogo inteiro das marcas é analisado, o panorama se torna ainda pior para a maior parte das fabricantes. Ainda assim, as marcas Nokia, Lenovo e Xiaomi surgem com mais da metade de todos os seus aparelhos executando a versão 9.0 do Android. Em primeiro lugar, a Nokia também costuma ser a mais rápida a liberar as atualizações.

A pesquisa ainda aponta que consumidores estão optando por ficar mais tempo com smartphones até decidir por trocá-los por um novo. Seguindo essa tendência, à medida que o tempo passa, usuários podem estar cada vez mais expostos às falhas de segurança relacionadas às versões desatualizadas do Android.

Dados sobre o total de aparelhos das fabricantes atualizados com a versão mais recente do Android — Foto: Divulgação/Counterpoint Dados sobre o total de aparelhos das fabricantes atualizados com a versão mais recente do Android — Foto: Divulgação/Counterpoint

Dados sobre o total de aparelhos das fabricantes atualizados com a versão mais recente do Android — Foto: Divulgação/Counterpoint

Manter seus aparelhos com suporte a versões atuais do Android é algo a ser enfrentado pelas fabricantes. Em média, os smartphones com o sistema tendem a receber atualizações de software por até três anos. Esse tempo pode ser melhorado, principalmente se comparado ao suporte médio dado pela Apple, que costuma chegar a mais de quatro anos, a depender da versão do iPhone (iOS).

O Google tem oferecido cada vez mais suporte para que fabricantes possam liberar atualizações oportunas. A empresa também passou a exigir que aparelhos populares recebam ao menos dois anos de atualizações de segurança.

Android 10 (Q) vs iOS 13: veja recursos dos sistemas

Android 10 (Q) vs iOS 13: veja recursos dos sistemas

iOS realmente vale a pena ou é status? Opine no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo