Celulares

Por Milena Garcia, para o TechTudo

iPhone XR é à prova d’água? Entenda o nível de proteção do celular iPhone XR é à prova d’água? Entenda o nível de proteção do celular
Bruno De Blasi/TechTudo

Ao contrário do que muita gente pensa, nem todos os smartphones são à prova d’água. A maioria apresenta apenas determinada resistência ao líquido, contando com limites de profundidade e tempo de imersão que não devem ser ultrapassados. Mesmo que esse seja o termo pelo qual os aparelhos são popularmente conhecidos, a classificação adotada pela indústria é de “resistente à água”, já que estão sujeitos a danos se expostos a condições extremas. No caso do iPhone XR, a classificação que indica esse tipo de proteção é o IP67. Isso significa que o produto pode resistir a respingos acidentais de líquidos comuns e determinado grau de submersão.

Vale ressaltar que essa não é uma condição permanente e pode diminuir com o tempo. Além disso, danos por líquido não são cobertos pela garantia da Apple, mas podem ter os seus direitos garantidos pelo Código de Defesa do Consumidor. Saiba mais a seguir.

iPhone XS, iPhone XS Max e iPhone XR: Apple faz lançamento de celulares

iPhone XS, iPhone XS Max e iPhone XR: Apple faz lançamento de celulares

Desvendando o IP67

Para saber se o aparelho é realmente à prova d’água, é preciso primeiro entender o que significa a certificação IP. Criada pela Comissão Eletrotécnica Internacional, a sigla tem origem em “Ingress Protection”, traduzido como “Proteção de Entrada”. Seu papel é indicar o quanto as entradas do aparelho são protegidas e o seu nível de resistência a partículas líquidas e sólidas. Esse índice é sempre composto por dois números: o primeiro está relacionado à poeira e vai de 1 a 6, enquanto o segundo algarismo diz respeito à água e vai de 1 a 8. Quanto maior esse valor, mais resistente é o aparelho.

No caso do IP67, é válido dizer que os aparelhos com essa classificação são resistentes à poeira, já que o valor para tal deve ser igual a 6. Sobre o contato com a água, o índice aponta que o dispositivo está protegido em coluna de água de até 1 metro por um período de até 30 minutos.

Apesar de já existirem diversos produtos saindo de fábrica com IP68, como é o caso dos iPhone XS e XS Max, a diferença entre a resistência dos modelos é sutil: esses aparelhos conseguem aguentar até 30 minutos abaixo de até 2 metros de água.

Teste de resistência

Uma experiência realizada pelo portal americano CNET colocou a proteção do iPhone XR à prova. O teste consistiu em mergulhar o aparelho, juntamente ao iPhone XS, em água salgada por alguns minutos ao longo de quatro rodadas: a primeira a 2 metros de profundidade, a segunda a 3 metros, a terceira a 5 metros e a última a 8 metros.

Por incrível que pareça, o teste mostrou que o iPhone XR pode funcionar excepcionalmente bem embaixo d’água, inclusive além da recomendação do fabricante. Isso porque o aparelho só começou a demonstrar problemas graves após 3 minutos imerso a uma profundidade de 8 metros. O dispositivo indicou problemas com cartão SIM e, pouco tempo depois, chegou a apagar completamente.

A resistência à água do iPhone XR foi colocada à prova ao lado do iPhone XS — Foto: Foto: Reprodução/ CNET A resistência à água do iPhone XR foi colocada à prova ao lado do iPhone XS — Foto: Foto: Reprodução/ CNET

A resistência à água do iPhone XR foi colocada à prova ao lado do iPhone XS — Foto: Foto: Reprodução/ CNET

Cuidados necessários

A própria Apple listou as medidas para evitar possíveis danos por líquidos. São elas:

  • Não nadar ou tomar banho com o iPhone;
  • Não expor o aparelho à a água pressurizada ou em alta velocidade;
  • Não utilizar o celular dentro da sauna, seja ela seca ou à vapor;
  • Não submergir o iPhone a água intencionalmente;
  • Evitar operar o aparelho sob condições de umidade extrema ou fora das faixas de temperatura sugeridas (entre 0 e 35 °C).
  • Tomar cuidado para não deixar o smartphone cair ou sujeitá-lo a outros impactos;
  • Não desmontar o produto, inclusive a remoção de parafusos.

A Apple ainda reforça a importância de não expor o iPhone a sabão, detergentes, ácidos ou alimentos de alta acidez. Além disso, vale lembrar que o aparelho não deve ser conectado ao carregador caso não esteja completamente seco.

Sobre o iPhone XR

Lançado em setembro de 2018, o aparelho traz a proposta de ser uma versão mais acessível dos modelos disponibilizados na mesma data, o iPhone XS e XS Max. O telefone conta com tela de 6,1 polegadas com notch em resolução HD (1792 x 828 pixels) e pode ser encontrado em uma grande variedade de cores: vermelho, azul, amarelo, preto, branco e coral.

iPhone XR: lançamento de 2018 — Foto: Bruno De Blasi/TechTudo iPhone XR: lançamento de 2018 — Foto: Bruno De Blasi/TechTudo

iPhone XR: lançamento de 2018 — Foto: Bruno De Blasi/TechTudo

Quando o assunto é fotografia, o iPhone XR sai de fábrica com câmera traseira de 12 MP e frontal de 7 MP, para as selfies. Além disso, o smartphone possui processador A12 Bionic em sua ficha técnica e opções de armazenamento de 64 GB ou 128 GB.

A boa notícia é que, com o recente lançamento do iPhone 11, o produto agora pode ser encontrado com até R$ 900 reais de desconto em relação ao valor inicial. Isso é, o aparelho que anteriormente era vendido a valores a partir de R$ 5.199 (64 GB) hoje está disponível na loja oficial da marca por R$ 4.299 (64 GB) ou R$ 4.599 (128 GB). Por outro lado, a variante de 256 GB foi abandonada.

Com informações: Apple e CNET

Mais do TechTudo