Celulares

Por Annelize Demani, para o TechTudo


Ícone de uma época, o Nokia 3310 ficou conhecido pela robustez a ponto de ganhar o título de “celular indestrutível”. Lançado em 2000 e imortalizado pelo famoso jogo da cobrinha, o aparelho já passou por diversos testes na internet e demonstrou uma incrível resistência a danos. Desta vez, o canal TechRax no YouTube fez um teste de queda com modelo ao lado do Galaxy Fold e do iPhone 11 Pro Max. O resultado vem causando surpresa: a destruição no telefone da Nokia foi maior que no iPhone.

O vídeo mostrando cada detalhe desse experimento foi publicado em 19 de outubro, apesar de não ser um teste científico, vem ganhando muitos acessos: quase 700 mil até a publicação desta matéria. Eles foram lançados do alto de uma escada de 20 andares.

Nokia 3310, Samsung Galaxy Fold e iPhone 11 Pro Max são lançados de 20º andar em teste na internet — Foto: Reprodução/TechRax Nokia 3310, Samsung Galaxy Fold e iPhone 11 Pro Max são lançados de 20º andar em teste na internet — Foto: Reprodução/TechRax

Nokia 3310, Samsung Galaxy Fold e iPhone 11 Pro Max são lançados de 20º andar em teste na internet — Foto: Reprodução/TechRax

O mais novo smartphone da Apple, sucessor do iPhone XS Max, foi o primeiro a ser testado. Apesar de ter ficado com várias rachaduras e sem uma parte da superfície traseira, ele continuou funcionando normalmente, assim como todas as três câmeras do aparelho.

Parte traseira do Iphone 11 Pro Max — Foto: Reprodução/TechRax Parte traseira do Iphone 11 Pro Max — Foto: Reprodução/TechRax

Parte traseira do Iphone 11 Pro Max — Foto: Reprodução/TechRax

Depois, foi a vez do celular dobrável da Samsung. Uma das telas do Galaxy Fold parou totalmente de funcionar e parte do display da segunda tela ficou com certa resistência ao toque. Várias rachaduras também tomaram o aparelho, principalmente na parte de trás.

Uma das telas do Galaxy Fold sem funcionar após o primeiro teste. — Foto: Reprodução/TechRax Uma das telas do Galaxy Fold sem funcionar após o primeiro teste. — Foto: Reprodução/TechRax

Uma das telas do Galaxy Fold sem funcionar após o primeiro teste. — Foto: Reprodução/TechRax

Por fim, o Nokia 3310 foi testado e – surpreendentemente – não resistiu. O celular foi dividido em várias partes, o teclado se desprendeu, a tela quebrou e a parte de trás da capa rachou.

Nokia 3310 detonado — Foto: Reprodução/TechRax Nokia 3310 detonado — Foto: Reprodução/TechRax

Nokia 3310 detonado — Foto: Reprodução/TechRax

Como se não bastasse, o vídeo mostra outro teste, desta vez com iPhone 11 Pro Max e Galaxy Fold. Eles foram lançados em queda livre juntos e, de novo, o aparelho da Apple resistiu. O Galaxy Fold ficou completamente detonado, parou de funcionar e parte da tela se soltou do aparelho. Enquanto isso, o iPhone ganhou mais rachaduras.

Galaxy Fold com parte da tela solta — Foto: Reprodução/TechRax Galaxy Fold com parte da tela solta — Foto: Reprodução/TechRax

Galaxy Fold com parte da tela solta — Foto: Reprodução/TechRax

Ao contrário do que se pensava, o teste do canal TechRax mostra que o icônico “Nokia indestrutível” pode não ser tão indestrutível assim e ainda reafirma o que a própria Apple disse sobre o iPhone 11 ser um dos smartphones mais duráveis já criados.

Iphone 11 Pro Max se mantém funcionando, apesar de rachaduras — Foto: Reprodução/TechRax Iphone 11 Pro Max se mantém funcionando, apesar de rachaduras — Foto: Reprodução/TechRax

Iphone 11 Pro Max se mantém funcionando, apesar de rachaduras — Foto: Reprodução/TechRax

iPhone 11, 11 Pro e Pro Max no Brasil: veja a tabela de preços e outros detalhes

iPhone 11, 11 Pro e Pro Max no Brasil: veja a tabela de preços e outros detalhes

Mais do TechTudo