Veículos

Por Paulo Alves, para o TechTudo


A Uber anunciou nesta quinta-feira (3) o início das operações do Uber Copter, serviço de transporte por aplicativo que usa helicóptero. Lançado em junho e em fase testes nos Estados Unidos há cerca de dois meses, o novo modal começa com oferta restrita: por enquanto, há apenas um trajeto disponível, entre um heliporto no centro de Manhattan e o aeroporto JFK, em Nova Iorque. A viagem dura cerca de oito minutos.

Corridas poderão ser solicitadas a partir da próxima segunda-feira (7), com preço que vai de US$ 200 a US$ 225 por pessoa, o equivalente a R$ 818 a R$ 920 no câmbio do dia, incluindo transporte terrestre. Por enquanto, a novidade funciona apenas no iPhone (iOS), mas deve ser liberado em breve no Android. Ainda não há previsão de chegada ao Brasil.

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Uber Copter começa a operar nos Estados Unidos com corridas por cerca de US$ 200 — Foto: Divulgação/Uber Uber Copter começa a operar nos Estados Unidos com corridas por cerca de US$ 200 — Foto: Divulgação/Uber

Uber Copter começa a operar nos Estados Unidos com corridas por cerca de US$ 200 — Foto: Divulgação/Uber

Os helicópteros trazem identidade visual da Uber, mas são operados pela empresa parceira HeliFlite Shares. Antes de embarcar, o passageiro faz um check-in rápido no heliporto, onde deve seguir as instruções de segurança da viagem, que são similares a dos aviões. A corrida de helicóptero pode ser compartilhada com até quatro pessoas e é possível levar consigo apenas uma mala pequena, que deve ser nos mesmos padrões da bagagem de mão aceita pela maioria das companhias aéreas.

Um dos atrativos do Uber Copter frente a rivais é a facilidade de uso, com procedimento todo feito pelo aplicativo. Ao reservar uma viagem de helicóptero, o usuário agenda automaticamente um UberX ou Uber Black para chegar até o heliporto onde o serviço opera em Manhattan. Lá, o helicóptero pode ser identificado pelo número impresso na cauda. Um segundo carro fica à espera no aeroporto de chegada para levar o passageiro até o destino.

Segundo testes conduzidos pelo portal especializado CNET, o Uber Copter é oferecido pelo aplicativo automaticamente, uma vez que o usuário solicita uma corrida por um trajeto compatível com o serviço. A viagem inteira, incluindo as trocas de veículos, é acompanhada pelo app como uma única corrida.

UberCopter pode ser dividido entre até quatro pessoas — Foto: Divulgação/Uber UberCopter pode ser dividido entre até quatro pessoas — Foto: Divulgação/Uber

UberCopter pode ser dividido entre até quatro pessoas — Foto: Divulgação/Uber

A Uber ainda não divulgou planos de expandir o serviço para o Brasil. Em 2016, o serviço chegou a ser testado no país por um mês. Por enquanto, uma das alternativas é um serviço semelhante da Cabify em parceria com a Voom. É possível voar, na cidade de São Paulo, entre 7h30 e 20h em dias de semana, ou de 10h às 15h aos fins de semana. A solução promete valores até 80% mais barato em relação aos serviços tradicionais de táxi aéreo.

Uber muda e tem novidades no Brasil: saiba tudo

Uber muda e tem novidades no Brasil: saiba tudo

Via Reuters e CNET

Cabify vs Uber: qual o melhor no Brasil? Comente no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo