Lançadores e buscadores

Por Ana Letícia Loubak, para o TechTudo


O Google comemora os 30 anos da queda do Muro de Berlim com um Doodle especial neste sábado (9). A data é um marco histórico e simboliza o fim da divisão do mundo entre os regimes capitalista e socialista. A ilustração na página inicial do buscador, assinada pelo artista alemão Max Guther, mostra um muro em ruínas e duas pessoas se abraçando sobre a fronteira. Ao clicar na imagem, o usuário é redirecionado para uma lista de resultados sobre o Muro de Berlim, na Alemanha.

Construída em 13 de agosto de 1961, a grande parede de concreto dividiu a Alemanha em dois lados – Ocidental (capitalista) e Oriental (socialista). A estrutura de 45 quilômetros e 3,6 metros de altura foi erguida às pressas pelo governo da Alemanha Oriental a fim de cessar a onda de pessoas que fugiam da ditadura comunista.

Google celebra 30º aniversário da queda do Muro de Berlim com Doodle — Foto: Reprodução/Goodle Google celebra 30º aniversário da queda do Muro de Berlim com Doodle — Foto: Reprodução/Goodle

Google celebra 30º aniversário da queda do Muro de Berlim com Doodle — Foto: Reprodução/Goodle

Símbolo da Guerra Fria, disputa geopolítica iniciada ao fim da Segunda Guerra Mundial entre os Estados Unidos (liderando o bloco capitalista) e a União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (à frente do bloco socialista), o Muro de Berlim durou até 9 de novembro de 1989. Nesta data, o governo da Alemanha Oriental avisou para a população que, a partir da meia-noite, não havia mais a proibição de sair do país.

A notícia se espalhou rapidamente, e os berlinenses se aglomeraram em ambos os lados do muro muito antes da vigésima quarta hora. Quando a meia-noite chegou, os alemães do lado leste começaram a passar pelo posto de controle. O momento foi repleto de abraços entre maridos e esposas, pais e filhos e amigos que não se viam há 28 anos, separados pelo paredão. Logo em seguida, milhares de jovens derrubaram o muro a golpes.

'Espero que as pessoas comecem a combater os muros em todo o mundo', diz criador do Doodle

A queda é considerada o mais icônico acontecimento do fim da Guerra Fria e levou à reunificação da Alemanha. O marco inspirou o artista alemão Max Guther, criador do Doodle. Ele conta que, mesmo não pertencendo à geração que testemunhou o nascimento desse aniversário histórico, sente-se profundamente impactado pela queda do muro.

"Esse tópico significa muito para mim, e eu espero que nunca haja outro momento em que eu ou qualquer outra pessoa tenha que morar em um país com muros que trancam as pessoas dentro ou mantêm pessoas fora", contou Guther em entrevista ao Google.

Para ilustrar o Doodle, o artista buscou referências em histórias e fotografias antigas de seus pais, que testemunharam a queda do Muro de Berlim. O desejo de Guther é que a arte na página inicial do buscador inspire as pessoas a adotar posturas solidárias.

"Espero que as pessoas comecem a combater os muros fronteiriços em todo o mundo, ajudando aqueles que vivem em países divididos ou separados e dando refúgio aos que fogem de seus países de origem porque não têm escolha", afirmou.

Mais do TechTudo