Campeonatos
Publicidade

Por Leandro Eduardo, para o TechTudo


A Liga Brasileira de Free Fire é o novo campeonato oficial do jogo Battle Royale no país. A Garena anunciou o torneio, que substituirá a Free Fire Pro League, nesta sexta-feira (24), em evento em São Paulo. A competição será dividida entre séries A, B e C, sendo que a primeira será a principal e vai promover partidas semanais no complexo dos Estúdios Quanta, na capital paulista. A primeira edição da Liga Brasileira de FF começa no dia primeiro de fevereiro, com horário ainda não revelado.

A desenvolvedora também anunciou que a final do Free Fire World Series 2020 acontecerá novamente no Brasil, em novembro, mas ainda não revelou em qual cidade. Em 2019, o Mundial de Free Fire consagrou a equipe do Corinthians como campeã e o jogador Bruno “Nobru” Goes como MVP. A competição teve mais de 2 milhões de visualizações simultâneas mundialmente e se tornou a maior audiência da história do YouTube.

A Liga Brasileira de Free Fire começará no dia 1º de fevereiro com partidas semanais — Foto: Divulgação/Garena

Quer comprar jogos, consoles e PCs com desconto? Conheça o Compare TechTudo

A primeira edição da série A da Liga Brasileira de Free Fire contará com 12 equipes: B4, Black Dragons, Corinthians, FURIA, INTZ, LOUD, paiN Gaming, PRG, Red Canids, SKS, Team Liquid e Vivo Keyd. Nesse momento, a competição ainda não terá série B, que será composta futuramente por equipes que subirem da Série C e caírem da Série A. A Garena adiantou que a Série C será composta por centenas de times de entrada.

Nas últimas semanas, o cenário competitivo de Free Fire contou com várias transferências de line ups para organizações de esports que disputarão a Série A da Liga Brasileira. A FURIA, por exemplo, contratou os ex-jogadores da RyZe xCry, que ficou em sexto lugar na tabela da FFPL Season 3. Já a Vivo Keyd, que ficou em quarto, renovou seu quadro de jogadores integrando a equipe da GOD. A recém-chegada no cenário de Free Fire Team Liquid contratou a equipe que representava a B8, que ficou posicionada em quinto na classificação final do torneio brasileiro.

LBFF contará com equipes veteranas, como Red Canids e Vivo Keyd, e recém-chegadas, como Team Liquid e SKS — Foto: Reprodução/Garena

As partidas da Liga Brasileira de Free Fire serão transmitidas na plataforma BOOYAH!, que também foi anunciada no evento desta sexta-feira. O serviço possibilita que a comunidade crie, descubra e compartilhe livestreams e vídeos relacionados ao jogo. Entre as funções exclusivas da plataforma estão sistema automatizado de entrega de brindes, captura automática de melhores momentos da partida e stream nativo direto para outros serviços. O app já está disponível para baixar nas lojas do Android e iPhone (iOS).

O que é Free Fire Rampage? Comente no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo