Veículos

Por Filipe Garrett, para o TechTudo


Flying Gondola é um projeto da empresa japonesa Aeronext, que revela um tipo de drone voador que pode carregar uma pessoa. O veículo lembra propostas de carros voadores do Uber e algumas outras empresas. O dispositivo aplica uma tecnologia que oferece a comodidade de aeronaves de decolagem vertical (VTOL), com a velocidade e eficiência das aeronaves de asas fixas. Apresentado na CES 2020 como um conceito, o Flying Gondola ainda depende da adesão de outras empresas ao projeto para que o drone seja fabricado em versões finais, destinadas ao transporte urbano.

Conceito da Aeronext promete viagem confortável: sensores garantem voo estável — Foto: Aline Batista/TechTudo

Para se diferenciar dos demais protótipos de carros voadores, o Flying Gondola é equipado com a tecnologia 4D Gravity, que foi patenteada pela fabricante. Este recurso permite que o drone use sensores, que funcionam em tempo real. Estes sensores conseguem controlar o balanceamento do veículo. Assim, o passageiro fica sempre na posição horizontal, em relação ao solo. Mantendo o equilíbrio do drone sob controle, a promessa da Aeronext é tornar a viagem mais segura e confortável.

Interior do Flying Gondola revela itens para maior conforto; aeronave pode ganhar versão para quatro ocupantes — Foto: Aline Batista/TechTudo

Outro destaque do Flying Gondola é a estrutura que dá suporte aos motores. Com a capacidade de alterar os ângulos durante o voo, o drone vai conseguir atingir velocidades maiores, sem comprometer a decolagem vertical (VTOL) do modelo. Essa característica faz do Flying Gondola um veículo com traços que lembram um avião, por exemplo.

Mesmo com os detalhes de voo divulgados, a fabricante não deu pistas sobre as especificações gerais do drone. A Aeronext também não revelou qual é a velocidade que o drone pode voar e também não foi anunciada a autonomia de voo do modelo.

O vídeo a seguir mostra o drone em ação e dá uma ideia de como a aeronave opera:

O modelo exposto na CES 2020 é a opção que consegue carregar apenas um passageiro. Mas, segundo a Aeronext, é possível modificar o design do Flying Gondola. Com a mudança, o drone conseguirá receber até quatro pessoas. Nesta disposição, os passageiros ocupariam seus assentos em duplas e, entre eles, existirá uma pequena mesa.

Via Aeronext

Melhores do Ano TechTudo 2019: conheça os eletrônicos vencedores

Melhores do Ano TechTudo 2019: conheça os eletrônicos vencedores

Cabify vs Uber: qual o melhor no Brasil? Opine no Fórum do TechTudo.

Mais do TechTudo