Celulares

Por Rodrigo Roddick, para o TechTudo


A pequena empresa de celulares Essential anunciou nesta quarta-feira (12) o fim das atividades. A decisão repercute no mercado de tecnologia porque o projeto era tocado por Andy Rubin, considerado o pai do sistema Android. Na época em que deixou o Google, o executivo conseguiu cerca de US$ 330 milhões (equivalente a R$ 1,4 bilhão) para tocar a nova fabricante. O principal produto em desenvolvimento era o GEM, um smartphone com formato similar ao de um controle remoto.

Smartphone da Essential muda de cor dependendo do ângulo — Foto: Reprodução Smartphone da Essential muda de cor dependendo do ângulo — Foto: Reprodução

Smartphone da Essential muda de cor dependendo do ângulo — Foto: Reprodução

Em outubro do ano passado, Andy Rubin divulgou imagens do smartphone GEM no Twitter. O vídeo mostrava ao público que um modelo diferente dos que comumente se encontra no mercado. O GEM lembra um controle remoto que muda de cor conforme o ângulo. A nota da empresa também atualiza os clientes que o projeto GEM será encerrado porque a empresa não vislumbra um meio viável para entregá-lo ao público, mas não especifica o motivo exato.

Pelo que o texto sugere, a inviabilidade do GEM está ligado com a continuação da Essential e, por isso, a empresa optou por encerrar as atividades. Entretanto, a companhia já havia lançado um smartphone em 2017, o Essential Phone.

BlackBerry Key2 LE: testamos o celular retrô com teclado

BlackBerry Key2 LE: testamos o celular retrô com teclado

O post traz esclarecimentos sobre o futuro do aparelho ao explicar que ele vai continuar operando, mas que a empresa não lançará atualizações para o sistema. A última foi disponibilizada em 3 de fevereiro.

A Essential fecha as portas mesmo após ter sido considerada uma das fabricantes mais promissoras do Vale do Silício. Ele já foi avaliada em US$ 1 bilhão em outro momento e cortejada pela Amazon e pelo Wallmart, segundo o jornal The New York Times.

Quer saber tudo sobre o universo de celulares, jogos, aplicativos e demais eletrônicos? É só dar uma olhada no nosso canal no YouTube:

Mais do TechTudo