Campeonatos

Por Victor de Abreu, para o TechTudo


A MIBR perdeu para a Complexity Gaming em sua estreia na DreamHack Open Anaheim 2020, torneio de Counter-Strike:Global Offensive (CS:GO). A partida aconteceu na noite desta sexta-feira (21) e foi válida pelo Grupo B da competição. Os brasileiros não tiveram uma boa atuação na Dust2, enfrentaram muitas dificuldades com o bom lado CT da CoL e foram derrotados pelo placar de 16-11. Com o resultado, ao próximo jogo da MIBR será contra ENCE em uma série de eliminação do Grupo B. O duelo acontece nesse sábado (22) às 19h, horário de Brasília.

Mais cedo, a FURIA Esports estreou com vitória na DreamHack. A partida em questão foi contra a Endpoint e foi válida pelo Grupo A. Apesar de um começo pouco promissor, a FURIA não tomou conhecimento da equipe britânica e está no confronto dos vencedores de seu grupo. Sua próxima partida acontece ainda nesta sexta-feira (21) às 22h, horário de Brasília.

MIBR foi derrotada em sua estreia na DreamHack Open Anaheim 2020 — Foto: Divulgação/MIBR Twitter MIBR foi derrotada em sua estreia na DreamHack Open Anaheim 2020 — Foto: Divulgação/MIBR Twitter

MIBR foi derrotada em sua estreia na DreamHack Open Anaheim 2020 — Foto: Divulgação/MIBR Twitter

O jogo foi na Dust2. A CoL iniciou vencendo o primeiro round pistol, mas a MIBR empatou com um round forçado e teve a oportunidade de abrir uma boa vantagem no mapa. No entanto, a CoL mostrou um forte lado CT e foi superior nas trocações contra a MIBR nos rounds seguintes. Em especial, com a boa atuação de Valentin "poizon" Vasilev encaixando seus disparos com a AWP. Os brasileiros não conseguiram se recuperar e foram para a virada de lados com uma desvantagem de sete rounds no placar.

Como CT, a MIBR mostrou uma postura diferente, venceu o segundo round pistol e cresceu para cima da equipe norte-americana. A sequência de rounds foi interrompida por um clutch realizado pelo dinamarquês Benjamin "BlameF" Bremer, mas a MIBR logo voltou a diminuir a vantagem no placar. Infelizmente, em um round com cinco eagles, a CoL buscou uma vitória importante que os colocou de volta no jogo. Os brasileiros ainda buscaram um round com boa jogada de Vito "kNgV-" Giuseppe, mas a Col teve a calma para vencer o match point e fechar a Dust2 em 16-11.

A FURIA Esports estreou mais cedo, às 16h, horário de Brasília. Seu jogo foi contra a Endpoint no mapa Inferno. O começo foi à favor da Endpoint, que logo abriu 3-0 no placar, mas a FURIA fez valer a experiência em torneios presenciais, confirmou o favoritismo emplacando sete rounds seguidos e fechou a primeira metade em 10-5. Depois, pelo lado CT, o domínio se repetiu e, com atuação de destaque para Yuri "yuurih" Santos, a equipe brasileira fechou o confronto em um tranquilo 16-6 e avançou para jogar contra a North.

A DreamHack Open Anaheim 2020 começou nesta sexta-feira (21) e se encerra no domingo (23). A competição conta com MIBR e FURIA representando o Brasil e outras seis equipes em busca da taça. A premiação total do torneio é de US$100 mil (cerca de R$430 mil em conversão direta).

Mais do TechTudo