Por Victor de Abreu, para o TechTudo


A conta oficial do DotA 2 no Twitter anunciou, na terça-feira (11), que mais de 40 mil contas foram banidas do MOBA. Segundo a desenvolvedora, a nova onda de suspensões de jogadores ocorreu por conta abuso do matchmaking do game. O sistema é usado para colocar players com habilidades parecidas nas mesmas partidas. A Valve ainda não confirmou exatamente como o abuso do matchmaking aconteceu.

Contas smurfs e o elojob são duas práticas proibidas que afetam diretamente o matchmaking de MOBAs e podem ter sido as principais razões dos banimentos. Smurfs são contas novas criadas por jogadores que já têm certa experiência no jogo. Alguns usuários fazem essas contas extras para testar novas estratégias sem prejudicar os resultados da conta principal, outros usam os perfis com intuito de vendê-los. Já elojob (ou eloboosting) é o ato de evoluir o elo da conta de terceiros, seja de forma gratuita ou cobrando pelo serviço.

Mais de 40 mil contas foram banidas do DotA 2 — Foto: Divulgação/Valve Mais de 40 mil contas foram banidas do DotA 2 — Foto: Divulgação/Valve

Mais de 40 mil contas foram banidas do DotA 2 — Foto: Divulgação/Valve

Quer comprar jogos, consoles e PCs com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Em suas últimas atualizações, a Valve buscou deixar o matchmaking do jogo mais consistente. Nesse sentido, o combate às contas smurf e também ao elojob buscam melhorar a experiência dos jogadores em geral. Uma outra onda de banimentos ocorreu em janeiro de 2019, quando mais de 17 mil contas foram banidas também por burlarem o sistema de matchmaking.

Além disso, em setembro de 2019, diversos jogadores foram banidos por 20 anos, a pena máxima do DotA 2. Entre as razões, estavam o alto número de denúncia de outros jogadores, que diminuiu a credibilidade de suas contas, a quebra dos termos de serviço da Steam, que pode ter ocorrido por causa da compra e venda de contas, e também as trapaças para adquirir vantagens em partidas.

Qual é o seu herói favorito em DotA 2? Comente no Fórum do TechTudo

Quer saber tudo sobre o universo de celulares, jogos, aplicativos e demais eletrônicos? É só dar uma olhada no nosso canal no YouTube:

Mais do TechTudo