Celulares

Por Paulo Alves, para o TechTudo

Galaxy Fold: celular mais caro do Brasil volta a ser vendido Galaxy Fold: celular mais caro do Brasil volta a ser vendido
Thássius Veloso/TechTudo

O Galaxy Fold, primeiro celular dobrável do país, está de novo à venda. Apesar do preço alto, a Samsung avalia que o primeiro lote foi um sucesso, com todos os telefones vendidos em 24 horas. A empresa, entretanto, se nega a revelar a quantidade de unidades comercializadas. Com isso, o smartphone retorna à loja online da marca pelo mesmo preço de antes: R$ 12.999. Por esta cifra, o modelo superan o iPhone 11 Pro Max, da Apple, oferecido por R$ 9.599 na versão de 512 GB.

Galaxy Fold: veja curiosidades do celular com tela dobrável da Samsung

Galaxy Fold: veja curiosidades do celular com tela dobrável da Samsung

O smartphone tem duas telas e pode se comportar como telefone ou tablet, dependendo da ocasião. O usuário pode acessar um aplicativo no display externo de 4,6 polegadas e continuar a tarefa no painel interno de 7,3 polegadas. Ao contrário do rival Motorola Razr, que deve chegar ao Brasil em breve e traz formato flip, o Galaxy Fold abre e fecha como um livro, com dobra horizontal.

Ele também conta com hardware de ponta, com diversas especificações coincidindo com as versões mais potentes do Galaxy S10. A ficha técnica traz memória RAM de 12 GB, armazenamento de 512 GB e bateria de 4.380 mAh, além de processador Snapdragon 855, da Qualcomm. O telefone conta com seis câmeras no total: uma na frente, três na traseira e duas na parte interna.

Além do telefone em si, compradores do dobrável ganham acesso a uma categoria superior de pós-venda da Samsung chamada Serviços Premium Galaxy Fold. Trata-se de um pacote que inclui atendimento de especialistas disponível 24 horas por dia e benefícios na assistência técnica em caso de necessidade de reparos, como fila expressa, serviço leva e traz e smartphone reserva.

Tela interna do Galaxy Fold tem 7,3 polegadas e formato que lembra tablet — Foto: Thássius Veloso/TechTudo Tela interna do Galaxy Fold tem 7,3 polegadas e formato que lembra tablet — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Tela interna do Galaxy Fold tem 7,3 polegadas e formato que lembra tablet — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

O lançamento do celular, vale lembrar, chegou a ser adiado por conta de defeitos na tela dobrável. A Samsung diz ter corrigido o problema que afetava o display, mas ainda pairam dúvidas sobre a durabilidade do material flexível. Em outubro, o portal especializado CNET realizou um teste mostrando que o aparelho não foi capaz de dobrar as 200 mil vezes prometidas pela fabricante.

Com informações da Samsung

Quer saber tudo sobre o universo de celulares, jogos, aplicativos e demais eletrônicos? É só dar uma olhada no nosso canal no YouTube:

Mais do TechTudo