Campeonatos

Por Cleiton Madruga, para o TechTudo


Os jogos do Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL) 2020 e do Circuito Desafiante estão suspensos por causa da pandemia do coronavírus (COVID-19). A Riot Games confirmou o adiamento das partidas do primeiro split dos torneios nesta segunda-feira (16) em comunicado oficial. Segundo a desenvolvedora, a decisão foi tomada com base nas recomendações do Ministério da SaúdeBrasileiro e da Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo, e tem como objetivo garantir a segurança e proteção de todos os jogadores e membros das organizações que participam no torneio. A suspensão tem duração inicial de 15 dias.

CBLoL é suspenso devido ao surto de COVID-19 por 15 dias — Foto: Divulgação/Riot Games

Quer comprar consoles, jogos e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

O CBLoL teria sua sétima semana nos dias 21 e 22 de março, com Vivo Keyd liderando de forma isolada, e Flamengo, paiN Gaming e Prodigy Esports logo atrás. Na parte de baixo da tabela, INTZ, Redemption, KaBuM dividem a lanterna do campeonato, com FURIA Uppercut apenas um ponto acima. A competição se encaminhava para o momento decisivo da primeira fase.

Apesar de ser realizado de forma online, o primeiro split do Circuíto Desafiante 2020 também foi suspenso temporariamente. O torneio também se encaminhava para a sétima semana, com a equipe do Santos figurando na primeira colocação. Além disso, Depois do Nexus, programa semanal realizado pela Riot Games, também teve sua produção interrompida.

Diversos campeonatos de esports estão sendo cancelados em todo o mundo com a epidemia global de coronavírus (COVID-19). Recentemente, a Riot Games também suspendeu campeonatos realizados no exterior, como a LEC (League of Legends European Championship) e a LCS (League of Legends Championship Series). A EA Games também anunciou o adiamento da Apex Legends Global Series e FIFA 20 Global Series, e suspendeu todos os campeonatos que não pudessem ser realizados remotamente. Outras empresas organizadoras de torneios profissionais, como Capcom e Blizzard, também optaram por adiar os torneios profissionais de seus títulos.

Mais do TechTudo