Redes sociais

Por Ana Letícia Loubak, para o TechTudo


"Conta comprometida" no Instagram é uma mensagem de erro que exige a redefinição da senha para voltar a acessar a rede social. Em geral, o aviso é enviado para pessoas que realizaram atividades consideradas não autênticas, como usar aplicativos de terceiros para ganhar likes e seguidores.

Ações manuais não costumam levar ao comprometimento da conta, mas há relatos de usuários que receberam o alerta após recorrerem a ferramentas de automação para publicar posts. A seguir, o TechTudo traz perguntas e respostas sobre contas comprometidas no Instagram e mostra dicas para resolver o problema.

Instagram Direct: como usar GIFs e stickers em conversas diretas

Instagram Direct: como usar GIFs e stickers em conversas diretas

Quer comprar celular, TV e outros eletrônicos com desconto? Aproveite as ofertas da Semana do Consumidor no Compare TechTudo

Por que a minha conta foi comprometida?

A resposta mais simples para essa pergunta é que você provavelmente está usando aplicativos de terceiros para ganhar mais likes ou aumentar o número de seguidores. Usuários que têm a conta comprometida recebem a seguinte mensagem ao abrir o Instagram: "Parece que você compartilhou sua senha com um serviço para ajudar a obter mais curtidas ou seguidores, o que viola nossas Diretrizes da Comunidade. Altere sua senha para continuar a usar o Instagram. Se você compartilhar sua nova senha com um desses serviços, poderá ter os recursos de seguir curtir ou comentar bloqueados."

Ao longo dos anos, a rede social vem reprimindo atividades não-autênticas em sua plataforma. Em novembro de 2018, a empresa de Zuckerberg anunciou que adotaria uma postura ainda mais rígida para as contas que recorrem a serviços não-oficiais para aumentar sua popularidade de maneira artificial.

Instagram pune usuários que realizam atividades não-autêntica para garantir a segurança da comunidade de membros — Foto: Rodrigo Fernandes/TechTudo

Isso porque, segundo o Instagram, a prática não apenas introduz um comportamento ruim na comunidade de usuários, como também deixa as contas mais vulneráveis, já que é preciso compartilhar o nome de usuário e senha com os aplicativos de terceiros.

A rede social utiliza ferramentas de aprendizado de máquina para identificar contas que usam esses serviços e remover as atividades não autênticas. No entanto, de acordo com relatos na Internet, alguns usuários começaram a receber o alerta após o uso de aplicativos para agendar a publicação de conteúdos no Instagram, como o Sprout Social. Isso indica que ferramentas de automação também podem levar ao comprometimento da conta.

Vale ressaltar que, segundo os termos da rede social, as informações dos usuários cadastrados só podem ser compartilhadas entre empresas do Facebook e com anunciantes, parceiros de mensuração, pesquisadores acadêmicos e autoridades legais, se necessário.

Que atividades podem comprometer a minha conta?

Em comunicado no site de suporte, o Instagram afirmou que está reduzindo atividades não autênticas que violam as diretrizes da comunidade. Em outras palavras, podem ser punidos os usuários que:

  • Realizam ações de curtir e seguir por meio de bots;
  • Compram likes para tornar determinada postagem mais popular;
  • Compram seguidores para impulsionar a popularidade do perfil;
  • Recorrem a bots para fazer e postar comentários automaticamente.

Como resolver o problema?

Usuários com contas comprometidas precisam redefinir a senha do Instagram — Foto: Marvin Costa/TechTudo

Em primeiro lugar, é preciso redefinir a senha do Instagram. Para isso, basta tocar sobre o botão azul logo abaixo da mensagem de conta comprometida. Se você participa de algum serviço de compra de seguidores, interrompa o uso imediatamente e revogue o acesso do aplicativo à sua conta. Vale lembrar que o uso de apps que revelam informações como quem visualizou o seu perfil também viola os termos de uso do Instagram e pode levar ao bloqueio temporário.

Para evitar ter a conta comprometida outra vez, experimente também reduzir a intensidade das ações de curtir, seguir e comentar nas horas seguintes ao desbloqueio. Além disso, é válido interromper temporariamente o uso de ferramentas que automatizam a publicação de conteúdos, como mLabs e Postgrain. Se não puder abrir mão de programar os posts, utilize o Estúdio de Criação para o Instagram.

Vincule o perfil do Instagram ao Facebook para evitar ter a conta comprometida — Foto: Reprodução/Helito Beggiora

Por fim, conecte sua conta pessoal ou comercial ao seu perfil ou página do Facebook. É comum que as contas do Instagram criadas ou mantidas por bots não estejam associadas a nenhuma conta da outra rede social de Zuckerberg. Ao conectar ambos perfis, você mostra ao Instagram que é uma pessoa real e reforça a credibilidade das suas ações.

Não consegue postar vídeos no Instagram? Veja como resolver no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo