Por Felipe Vinha, para o TechTudo


A E3, maior e principal feira de games do mundo, teve sua edição 2020 cancelada, por conta do coronavírus. O surto do COVID-19 era motivo de preocupação com a saúde de participantes, imprensa e expositores. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (11) em comunicado oficial da ESA, entidade responsável pelo evento, que ocorreria entre os dias 9 e 11 de junho, em Los Angeles, nos Estados Unidos, repercutindo nos principais veículos especializados e entre o público. A ESA explica ainda que vai providenciar reembolso de valores para expositores e pessoas que já compraram ingresso para esta edição.

E3 teve sua edição de 2020 cancelada pela ESA — Foto: Divulgação/ESA

Quer comprar jogos e consoles mais baratos na Semana do Consumidor? Confira o Compare TechTudo

Para a edição de 2020 eram esperados anúncios relacionados aos novos consoles, Xbox Series X e PlayStation 5 (PS5). A Sony já havia confirmado que não participaria ativamente e presencialmente da E3 neste ano, mas poderia apresentar informações sobre o aparelho em evento separado ou apresentação online, como já fez em outras ocasiões. O que acontecerá agora ainda é incerto.

Esta é a primeira vez que a E3 não será realizada desde sua criação, em 1995, ainda que a feira tenha passado por mudanças drásticas em alguns anos, como em 2007 e 2008, com mudança de local e redução de espaço. Anualmente, a E3 é responsável por reunir as principais empresas de videogames – como Sony, Microsoft, Nintendo, Ubisoft, EA, entre outras – para que possam anunciar e exibir suas principais novidades ao público e para a imprensa.

A ESA também revelou que pretende realizar um tipo de “experiência online” na época em que seria realizada a E3 2020, mas não deu detalhes sobre como isso vai ocorrer. Empresas como Microsoft e Ubisoft já confirmaram que realizarão apresentações via streaming para divulgar novidades.

Via E3

Mais do TechTudo