Streamers

Por Leandro Eduardo, para o TechTudo


Flávio “Jukes” Fernandes está banido da Twitch. O ex-pro player de League of Legends (LoL) e streamer brasileiros levou um ban de sete dias depois de usar um termo racista em live realizada na última quarta-feira (25). Jukes foi suspenso por proferir a palavra “nigger”, termo pejorativo que é considerado insulto racial, enquanto jogava uma partida de LoL. O anúncio da punição foi feito nesta segunda-feira (30) pela conta StreamerBans no Twitter.

O TechTudo entrou em contato com a equipe de Jukes, que declarou que “entende o peso que essa palavra tem e o dano que isso pode ter causado nas pessoas" e por isso lamenta o episódio. A equipe classificou a situação como “muito infeliz” e afirmou que aceita a suspensão aplicada pela Twitch.

O streamer foi banido da Twitch após proferir o termo inglês "nigger", considerado um insulto racial — Foto: Reprodução/Cloud 9

Ainda de acordo com a equipe, Jukes sempre teve o hábito de trocar palavras e nome dos campeões do LoL aleatoriamente durante as suas lives. Na partida em questão, Jukes afirmava que aplicava zero de dano e que só conseguiria causar dano aos inimigos se comprassem o item Black Cleaver. Foi então que o streamer trocou a palavra “cleaver” por “nigger”. O termo em inglês é considerado um insulto racial e normalmente é direcionado contra pessoas negras. A equipe de Jukes alegou que o uso da palavra “não foi algo intencional e nem teve um significado por trás”.

Em suas Diretrizes da Comunidade, a Twitch não tem tópico específico sobre racismo. No entanto, infrações como essa se encaixam como “conduta de ódio”. Pelas regras, a conduta de ódio é “qualquer conteúdo ou atividade que promova, encoraje ou facilite discriminação, difamação, objetificação, assédio ou violência”. A plataforma considera uma violação com tolerância zero.

Flávio Fernandes é um dos streamers mais populares no Brasil. De acordo com TwitchMetrics, o seu canal é o quinto mais visualizado em língua portuguesa e conta com mais de 1 milhão de seguidores. Jukes foi o responsável por tornar o slogan “tá mec” popular nas transmissões dele e de outros streamers brasileiros. No cenário competitivo, o ex-pro player se destacou pela atuação na rota do topo pela Cloud9 Academy em 2019, mas já defendeu a camisa da Vivo Keyd, em 2016, e Submarino Stars, no final de 2017.

Saiba como mandar bem em sua primeira partida de LoL:

Nunca jogou LoL? Saiba como mandar bem em sua primeira partida

Nunca jogou LoL? Saiba como mandar bem em sua primeira partida

Quer saber tudo sobre o universo de celulares, jogos, aplicativos e demais eletrônicos? É só dar uma olhada no nosso canal no YouTube:

Mais do TechTudo