Telefonia

Por Thássius Veloso, do home office

Pedro Vital/TechTudo

A migração da marca NET para o guarda-chuva de serviços da Claro tem data para ser concluída: abril de 2020. Assinantes já perceberam que, aos poucos, os decodificadores da TV por assinatura passaram a exibir a marca avermelhada característica da Claro. De acordo com a operadora, todo o processo deve levar mais um mês.

As pesquisas a respeito da NET virar Claro tiveram três picos ao longo de março na busca do Google. Apesar do timing, o TechTudo apurou que a quarentena imposta pelo coronavírus não afetou o planejamento feito ainda em 2019.

Interface do decodificador da Claro após migração — Foto: Pedro Vital/TechTudo

A Claro explica ao TechTudo com exclusividade que o “Projeto Transformação” resulta na incorporação dos serviços residenciais da NET. Todo o processo levará menos de um ano, tido como rápido por analistas do setor. Ainda segundo a empresa, “todos os equipamentos da Claro Net HD irão apresentar a nova interface” num futuro breve.

Clientes notaram a diferença. Na interface mais recente, o canal inicial traz as seguintes opções de navegação: busca, assistir TV, Now, guia, apps, música, notificações e configurações. A plataforma online de filmes Now continua existindo tanto na TV quanto em app.

Claro NET HD: clientes notaram diferença e pesquisaram na internet — Foto: Pedro Vital/TechTudo

Quando a iniciativa foi anunciada, muitos consumidores ficaram em dúvida sobre modificações em preços e pacotes. Na ocasião, a companhia garantiu que não faria modificações que prejudicassem os assinantes.

A Claro e a NET integram a mesma empresa desde 2015 no Brasil. São 7,6 milhões de assinantes de TV paga em território nacional. A equipe de comunicação não informou qual percentual de clientes já conta com a nova interface no televisor de casa.

A empresa saiu na frente na pesquisa de satisfação realizada pela Agência Nacional de Telecomunicações. Os consumidores atribuíram nota 7,44 no levantamento de 2019, ligeiramente à frente de Vivo (7,38) e Sky (7,34), entre outras do setor.

Home office: veja ferramentas para trabalhar em casa no coronavírus

Home office: veja ferramentas para trabalhar em casa no coronavírus

O que diz a Claro

Confira a resposta integral enviada ao TechTudo:

"A mudança nos decoders da Claro é parte do Projeto Transformação, iniciado em 2019 quando a marca Claro incorporou os serviços residenciais da NET em seu portfóflio.

A operadora reforça que vem divulgando todas as ações e informa que em breve todos os equipamentos da Claro NET HD irão apresentar a nova interface com a identidade de marca da Claro.

A mudança não altera o funcionamento dos equipamentos e deve ser concluída no próximo mês."

Mais do TechTudo