TV

Por Filipe Garrett, para o TechTudo


QLED é uma tecnologia presente em telas de TVs Samsung e TCL, concorrendo diretamente com displays OLED, presentes em modelos de LG, Sony, entre outras. O padrão promete consumir menos energia e gerar imagens com maiores níveis de brilho, além de ter uma fabricação mais simples. Apesar disso, detalhes como a exibição de cores e a espessura mais grossa em relação ao padrão concorrente podem deixar a desejar para usuários mais exigentes. Veja a seguir como o QLED funciona e quais são suas principais vantagens.

QLED 8K de 98 polegadas: conheça a maior TV da linha da Samsung

QLED 8K de 98 polegadas: conheça a maior TV da linha da Samsung

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

QLED: O que é e como funciona

QLED aparece na tela da Samsung Q60, vencedora do Melhores do Ano 2019 do TechTudo — Foto: Divulgação/Samsung QLED aparece na tela da Samsung Q60, vencedora do Melhores do Ano 2019 do TechTudo — Foto: Divulgação/Samsung

QLED aparece na tela da Samsung Q60, vencedora do Melhores do Ano 2019 do TechTudo — Foto: Divulgação/Samsung

A tecnologia foi criada pela Sony e revelada em 2013, mas é a Samsung quem mais utiliza o padrão em seus televisores. QLED, por exemplo, é o nome utilizado para para a linha de TVs da fabricante sul-coreana equipada com painéis desse tipo. Apesar disso, é possível encontrar produtos de outras marcas com telas QLED, já que a Samsung licencia o uso do termo ou simplesmente vende seus displays para terceiros utilizarem em seus televisores.

QLED é uma sigla para “Quantum Dot Light Emitting Diode”, ou “diodo emissor de luz com pontos quânticos”. Em um primeiro momento, parece que as telas de TVs desse tipo são formadas por pontos quânticos, o que não é exatamente verdade. Ao contrário dessa tecnologia, em que cada LED na tela emitiria sua própria luz, os painéis QLED usam basicamente o mesmo design de displays LCD comuns.

Ou seja: há LEDs que emitem luz por trás da tela de cristal líquido, que, por sua vez, regula quanto dessa iluminação pode atravessá-lo. Dessa forma, são criados diferentes níveis de brilho, cor e contraste para formar as imagens exibidas como resultado final. E é nesse processo de filtragem da luz que as TVs com tela QLED se destacam, já que utilizam um composto formado de pontos quânticos e acentuam o brilho e a intensidade de cor dos pixels que formam a imagem exibida.

QLED da Samsung funciona aplicando um filtro que regula com precisão brilho e intensidade de cor — Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo QLED da Samsung funciona aplicando um filtro que regula com precisão brilho e intensidade de cor — Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo

QLED da Samsung funciona aplicando um filtro que regula com precisão brilho e intensidade de cor — Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo

As TVs de LED comuns, por exemplo, usam filtros mais rústicos, que permitem a passagem apenas das cores azul, verde e vermelho. Combinadas, elas formam a imagem exibida, com menor precisão e intensidade em relação às telas QLED, mais granular e preciso. O display atinge níveis de brilho maiores, contraste mais intenso e cores mais vivas, e, por conta disso, aparece em TVs 4K com tecnologias como HDR Premium e Dolby Vision, que exigem uma exibição mais fiel.

Vantagens e desvantagens

Samsung aposta no QLED para suas TVs top de linha: modelos 8K da marca usam a tecnologia — Foto: Tainah Tavares/TechTudo Samsung aposta no QLED para suas TVs top de linha: modelos 8K da marca usam a tecnologia — Foto: Tainah Tavares/TechTudo

Samsung aposta no QLED para suas TVs top de linha: modelos 8K da marca usam a tecnologia — Foto: Tainah Tavares/TechTudo

Tecnologias de tela são um pouco complicadas de entender, sobretudo para quem está começando a se informar no assunto. Isso porque, parece haver diferenças entre LCD e LED, quando, na verdade, ambos os padrões são basicamente a mesma coisa – e também base para painéis mais avançados, como os QLED. Na prática, esse tipo de tela não é totalmente recente, mas sim uma versão aprimorada e corrigida do LCD/LED convencional.

Do ponto de vista do consumidor, o QLED tem algumas grandes vantagens. A primeira delas, e que deve se manifestar com o passar do tempo e a maior adesão em torno do formato, é o preço. Ao contrário do OLED, as telas QLED são mais fáceis de fabricar, e tendem a ser mais baratas. Além disso, a tecnologia rende displays mais eficientes, com menor consumo de energia.

Outro ponto interessante é que essas telas menos sujeitos ao burn-in, em que uma imagem exibida por muito tempo fica "impressa" para sempre na tela, problema mais provável em televisores OLED depois de alguns anos de uso sob brilho intenso. Em relação à qualidade de imagem, o QLED chega até a bater telas OLED em intensidade máxima de brilho, com modelos atuais da Samsung superando os 2.000 nits de brilho máximo. Apesar disso, a tecnologia presente em modelos da LG ainda registra níveis de contraste e intensidade de preto maiores que as telas LED, seja com ou sem filtro por nanocristais quânticos.

O que é melhor para você?

Mais resistente ao burn-in, tela QLED pode render televisores mais duráveis — Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo Mais resistente ao burn-in, tela QLED pode render televisores mais duráveis — Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo

Mais resistente ao burn-in, tela QLED pode render televisores mais duráveis — Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo

Essa decisão depende de diversos fatores, entre eles o nível de exigência do usuário. Apesar disso, a grande maioria dos consumidores teria dificuldade em encontrar defeitos em TVs de qualidade como QLEDs ou OLEDs.

Do ponto de vista prático, o padrão utilizado em televisores de Samsung e TCL pode ser uma escolha interessante de custo-benefício, já que saem mais em conta em relação ao padrão rival e prometem maior segurança em relação a problemas como o burn-in. Mas, em termos de qualidade de exibição, vale ressaltar que os televisores OLED devem entregar uma fidelidade maior na exibição de cor e uma boa definição de imagem mesmo em conteúdos muito escuros ou muito claros.

Smart TV Samsung Q60, Q70 ou LG SM9000? Tire suas dúvidas no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo