Fones de ouvido

Por Filipe Garrett, para o TechTudo


Sony WF-1000XM3 é um fone Bluetooth lançado em 2019 e que está à venda no Brasil por R$ 1.299. Por conta do preço e do design totalmente sem fio, o produto concorre diretamente com os AirPods, da Apple, e o Galaxy Buds, da Samsung. O acessório da Sony oferece cancelamento de ruído ativo e promete som de qualidade, além de contar com autonomia de até seis horas com uma única carga.

Em relação aos recursos, vale destacar o suporte ao aplicativo Headphone Connect, da própria marca, e a integração com os assistentes virtuais Google Assistente e Siri, disponíveis em celulares Android e iPhone (iOS). Confira a seguir mais informações a respeito do Sony WF-1000XM3 e saiba se ele é uma boa opção de compra para você.

Fone de ouvido: cinco dicas para conservar melhor o acessório

Fone de ouvido: cinco dicas para conservar melhor o acessório

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Ficha técnica Sony WF-1000XM3:

  • Lançamento no Brasil: julho de 2019
  • Preço: R$ 1.299
  • Peso: 17 gramas
  • Cores: prata e preto
  • Frequência de resposta dos drives: 20 Hz a 20 kHz
  • Impedância: não informado
  • Sensibilidade: não informado
  • Frequência de resposta do microfone: não informado
  • Sensibilidade do microfone: não informado
  • Conectividade: Bluetooth 4.1

Design

Sony promete design ergonômico e confortável — Foto: Divulgação/Sony

O WF-1000XM3 apresenta design que promete boa ergonomia e, apesar de maior em relação a alguns concorrentes, não deve chamar muita atenção. Segundo a Sony, o fone foi desenhado para apoiar em três pontos diferentes da orelha, o que garante um encaixe mais justo e confortável. Dessa forma, o modelo promete um bom isolamento acústico, além do próprio cancelamento de ruído.

Além do visual elegante, o acessório deve ficar bem fixo, o que é interessante para quem gosta de ouvir músicas enquanto pratica esportes. Os fones permitem ainda a troca das ponteiras para melhorar o encaixe e são vendidos com três pares de pontas de silicone, em tamanhos pequeno, médio e grande.

Som

Fone vem com tecnologias de processamento de áudio e cancelamento de ruídos para som de melhor qualidade — Foto: Divulgação/Sony

O fone da Sony vem com tecnologia de cancelamento de ruído e oferece drivers de 6 mm em cada ouvido, o que deve garantir uma boa qualidade de áudio. Além disso, segundo a Sony, o acessório consegue cobrir uma faixa de frequência de resposta que vai de 20 Hz a 20 kHz. Essa faixa determina as frequências de som que o produto consegue reproduzir e, em geral, quanto mais larga, maior a capacidade do fone em reproduzir sons de diferentes tipos.

A Sony aplica ainda uma série de recursos que visam aprimorar o som. O DSEE HX, por exemplo, tem como função aprimorar a qualidade de áudio de arquivos de som compactados, como é típico em músicas do celular. Essa característica aproxima conteúdos do tipo daquilo que seriam arquivos de maior qualidade. A marca também afirma que a tecnologia de processamento de som atua para entregar áudio com menos ruídos.

Microfone

Microfone embutido permite interagir com assistentes de voz — Foto: Divulgação/Sony

O modelo da Sony vem com microfones embutidos, permitindo ao usuário atender chamadas e realizar comandos de voz com os assistentes Google Assistente e Siri. Outra função interessante dos componentes é captar o som exterior, que pode ou não ser reproduzido, de acordo com as configurações do cancelamento de ruído ativo e pelos recursos de processamento do WF-1000XM3.

Funcionalidades

Além do suporte às assistentes de voz, o fone de ouvido da Sony permite uso do Headphone Connect, aplicativo oficial da marca que oferece ajustes de reprodução e relacionados ao cancelamento de ruído. Outra possibilidade é criar perfis de equalização específicos para uma melhor qualidade de acordo com o usuário.

O fone também pode ser controlado pela superfície sensível ao toque, e os comandos podem ser configurados por meio do app. Dessa forma, é possível automatizar algumas operações para não precisar tirar o celular do bolso, por exemplo.

Bateria

Fone tem seis horas de autonomia e estojo garante mais 18 horas de som — Foto: Divulgação/Sony

Os earbuds em si podem reproduzir músicas por até seis horas seguidas, de acordo com a Sony. Além disso, o estojo carregador do conjunto permite mais 18 horas de uso, totalizando 24 horas de autonomia – ou três recargas completas. Uma vez na case, o fone promete recarga rápida, sendo necessários 10 minutos de carga para entregar até 90 minutos de música.

Preço

O Sony WF-1000XM3 está à venda por R$ 1.299 na loja oficial da fabricante, mesmo preço praticado no varejo eletrônico brasileiro, de acordo com o Compare TechTudo. Com esse valor, o modelo fica na mesma faixa dos AirPods 2, da Apple, que custam R$ 1.349 na opção mais simples, e do Freebuds 3, da Huawei, que aparece pelos mesmos R$ 1.299.

O Galaxy Buds, da Samsung, por sua vez, pode ser encontrado por, pelo menos, R$ 795 no e-commerce nacional, enquanto os AirPods de primeira geração são vendidos por a partir de R$ 972. Vale lembrar que a Samsung lançou recentemente o Galaxy Buds+, que chega ao Brasil com preço oficial de R$ 999.

Qual fone de ouvido é bom para uso geral? Tire suas dúvidas no Fórum do TechTudo

Quer saber tudo sobre o universo de celulares, jogos, aplicativos e demais eletrônicos? É só dar uma olhada no nosso canal no YouTube:

Mais do TechTudo