Celulares

Por TechTudo

Divulgação/Apple

O iPhone SE 2 é a nova aposta da Apple para concorrer com celulares mais baratos. Pelo preço no Brasil a partir de R$ 3.699, o smartphone repete o visual do iPhone 8 e a ficha técnica do iPhone 11, cujos componentes são compatíveis com as necessidades de consumidores em pleno 2020. Está de volta o botão físico para desbloquear o aparelho, que tinha ficado de lado com a chegada do iPhone X, há três anos. Com a novidade, a empresa repete a estratégia usada com o popular iPhone SE original em 2016.

As vendas começam na próxima sexta-feira (17) nos Estados Unidos. São três cores: preto, branco e vermelho. O aparelho já aparece no site da Apple para o Brasil. A empresa se limita a dizer que as entregas serão “em breve”. Veja os preços praticados no mercado doméstico:

  • iPhone SE 2 com 64 GB: R$ 3.699
  • iPhone SE 2 com 128 GB: R$ 3.999
  • iPhone SE 2 com 256 GB: R$ 4.499

iPhone SE 2 é vendido nas cores preto, branco e vermelho (parte da iniciativa Red) — Foto: Divulgação/Apple

Aparência de iPhone 8

Consumidores vão perceber que o telefone traz uma diminuta tela LCD de 4,7 polegadas com resolução Retina HD (1334 x 750 pixels). Ela não ocupa todos os cantos da superfície frontal do aparelho, ao contrário do que virou hábito em praticamente todos os celulares lançados nos últimos anos. Marca presença o recurso TrueTone que deixa as tonalidades mais agradáveis à luz ambiente.

Abaixo do display está o botão Home com biometria do Touch ID. Diz a fabricante que o “design familiar” está de volta com uso de cristal para proteger o sensor que reconhece as impressões digitais.

De acordo com a fabricante, a estrutura do telefone é construída em vidro e alumínio. Ele pode entrar na água por até 30 minutos, desde que na profundidade máxima de um metro.

Câmera simples

A traseira do iPhone SE 2020 conta com somente uma câmera de 12 MP e abertura f/1.8. Ela tem ângulo mais aberto, sendo uma opção de lente wide para quem prefere capturar uma parcela maior da paisagem – no entanto, não chega a ser ultra wide. De acordo com a Apple, o telefone é capaz de tirar fotos com Modo Retrato, em que a pessoa fica nítida e o fundo aparece desfocado. Também conta com gravação de vídeo em resolução 4K. O Smart HDR auxilia em registros com contraste mais evidente.

Já a câmera frontal tira selfies de 7 MP (f/2.2) e grava vídeos em resolução Full HD (1080p). Ela é compatível com a função de QuickTake, que rapidamente possibilita ao usuário travar a gravação de vídeo – ideal para Stories. Representantes disseram ao TechTudo que o sensor frontal conta ainda com estabilização de vídeo.

Hardware de iPhone 11

Apesar do visual antigo, o iPhone SE 2 conta com processador de ponta: o cérebro computacional dele é o chip a A13 Bionic, o mesmo visto no iPhone 11, no iPhone 11 Pro e no iPhone 11 Pro Max. Alguns testes de benchmark colocam a potência deste componente no mesmo patamar de alguns notebooks.

Numa sessão online reservada a jornalistas, representantes da Apple explicaram que o chip é 2,4 vezes mais potente que o processador do SE original.

iPhone SE chega a 2020 em nova versão — Foto: Divulgação/Apple

O processador tem oito núcleos e dá conta de tarefas com machine learning, um dos princípios da Inteligência Artificial. Também há promessa de uma bateria “ótima”, com direito a suporte a carregamento sem fio, desde que o carregador seja no padrão Qi. Um representante explicou ao TechTudo que a autonomia é comparável à do iPhone 8. A Apple diz ainda que o iPhone SE 2 consegue repor 50% da carga em 30 minutos.

Os anúncios de hoje frustraram a expectativa de quem esperava por um celular chamado iPhone 9. Também não foi apresentado nenhum modelo com display maior, apelidado nos bastidores do mercado como iPhone 9 Plus.

A Apple aproveitou a data para remover do catálogo os celulares iPhone 8 e iPhone 8 Plus. Eles não são mais vendidos pela marca, mas talvez sejam encontrados nas demais redes de varejo.

Ficha técnica do iPhone SE 2 (2020)

  • Tamanho da tela: 4,7 polegadas
  • Resolução da tela: 1334 x 750 pixels
  • Painel da tela: LCD
  • Câmera principal: 12 megapixels
  • Câmera frontal (selfie): 7 megapixels
  • Sistema: iOS 13
  • Processador: Apple A13 Bionic
  • Memória RAM: não informado
  • Armazenamento (memória interna): 64 GB, 128 GB e 256 GB
  • Cartão de memória: sem suporte
  • Capacidade da bateria: não informado
  • Telefonia: suporte a SIM card e eSIM
  • Peso: 148 gramas
  • Cores: preto, branco e vermelho (Product Red)
  • Anúncio global: 15 de abril de 2020
  • Preço de lançamento no Brasil: R$ 3.699

iPhone 11, 11 Pro e Pro Max no Brasil: veja a tabela de preços e outros detalhes

iPhone 11, 11 Pro e Pro Max no Brasil: veja a tabela de preços e outros detalhes

Mais do TechTudo