Por Rubens Achilles, do home office


TikTok, WhatsApp e Zoom foram os aplicativos para celular mais baixados em todo o mundo no mês de março de 2020. A rede social de vídeos curtos e o mensageiro mais popular do Brasil mantiveram as primeiras posições garantidas em fevereiro. O app de chamadas de vídeo é uma das novidades da lista, embora tenha sido alvo de golpes e enfrentado polêmicas de privacidade durante o isolamento para o combate à Covid-19.

O levantamento, feito pela consultoria Sensor Tower e divulgado nesta quarta-feira (8), leva em conta downloads únicos feitos nas lojas Google Play Store e App Store, mas desconsidera jogos ou aplicativos pré-instalados nos celulares Android e iPhone (iOS).

TikTok, WhatsApp e Zoom estão entre apps mais baixados de março — Foto: Divulgação/Sensor Tower

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

No caso do TikTok, foram mais de 115 milhões de downloads, quase o dobro do mesmo período de 2019. O Brasil corresponde a 9,4% das instalações. O WhatsApp foi baixado pouco mais de 76 milhões de vezes, das quais 8,5% têm origem brasileira. A Índia é o país que mais baixou ambos os apps no período.

A lista geral também traz o trio Facebook, Messenger e Instagram, além do SHAREit, app para Android que permite compartilhar documentos entre dispositivos com o sistema operacional do Google. Outra novidade é o Google Classroom, que monta uma sala de aula virtual entre professor e alunos.

No ranking específico da loja da Apple, surgiram algumas surpresas em relação aos meses anteriores. Em terceiro, está o DingTalk, plataforma de comunicação e colaboração para empresas desenvolvida pelo grupo chinês Alibaba. Também aparecem na lista o VooV Meeting, app para videoconferência, o Microsoft Teams, para reuniões de equipes, e o Houseparty, aplicativo de chamadas de vídeo que foi acusado de roubar senhas de usuários.

Crescimento de delivery e streaming no Brasil com a quarentena

Enquanto o uso de aplicativos que promovem aulas virtuais e videoconferências cresce em nível global, observa-se no Brasil o crescimento de número de downloads de apps das categorias de fitness, e-commerce, finanças, streaming e delivery. Segundo pesquisa da Inteligência Mobile do RankMyAPP, essas categorias somadas acumularam cerca de 9 milhões de downloads só em março.

A mudança tem relação direta com o isolamento social, já que a quarentena voluntária fez surgir necessidades como adotar a entrega a domicílio e usar o Internet Banking em vez de ir ao banco. Já o streaming seria uma alternativa para entretenimento com o aumento do tempo livre em casa, enquanto o crescimento de fitness é reflexo do fechamento de academias e centros de atividade física.

Lista geral

App Store

Google Play Store

Home office: veja ferramentas para trabalhar em casa no coronavírus

Home office: veja ferramentas para trabalhar em casa no coronavírus

Mais do TechTudo