Armazenamento

Por Raquel Freire, para o TechTudo


Comprar um SSD Kingston de 240 GB pode ser ideal para aumentar a velocidade do PC ou notebook. Com essa capacidade, a fabricante oferece dois modelos no Brasil, o A400 e o UV500, mas há ainda opções com espaço aproximado, como o A2000, com 250 GB, e o KC600, de 256 GB. Os produtos têm preços a partir de R$ 370 no varejo nacional, mudando de acordo com as especificações, formatos e interfaces disponíveis.

A capacidade pode ser menor que os tradicionais 1 TB em HD, bastante comuns em laptops à venda no país, por exemplo. Apesar disso, o SSD promete ser interessante para entregar uma inicialização mais rápida do sistema ou até mesmo abrir arquivos com mais facilidade. Confira a seguir mais detalhes sobre os SSDs Kingston de 240 GB e saiba tudo sobre os modelos antes de comprar.

Conheça os SSDs de 240 GB da Kingston — Foto: Adriano Hamaguchi/TechTudo

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Kingston A400

Modelo de entrada da Kingston, o A400 é indicado para quem está fazendo a transição do HD para o SSD. O dispositivo está disponível em formatos de 2,5 polegadas, a R$ 447,80, e M.2, à venda por R$ 525, que podem ser instalados tanto em desktops quanto em notebooks. Suas velocidades são de até 500 MB/s de leitura e até 350 MB/s de gravação, cerca de 10 vezes acima de um HD tradicional. Por ser um produto simples, o A400 não conta com recursos avançados como criptografia ou controlador específico.

SSD de 240 GB Kingston, modelo A400 M.2 2280, é até 10 vezes mais rápido que o HD convencional — Foto: Divulgação/Kingston

Kingston UV500

O UV500 é um modelo mais avançado que o anterior, contando com formatos de 2,5", M.2 e mSATA. Um dos principais diferenciais do produto é a presença de autocriptografia AES de 256 bits, baseada no sistema TCG Opal 2.0. De acordo com fabricante, o padrão protege os dados de possíveis hackers de ponta a ponta no próprio componente, sem usar os recursos do PC.

Outra vantagem é o controlador Marvell 88SS1074, que trabalha em conjunto com a NAND 3D TLC para oferecer maior desempenho. O resultado são taxas de transferência de até 520 MB/s e 500 MB/s na leitura e gravação, respectivamente. Nos dados aleatórios, a taxa é de até 79.000 IOPS na leitura e até 25.000 IOPS na gravação.

SSD Kingston UV500 de 240 GB é vendido nos formatos 2,5", M.2 e mSATA — Foto: Divulgação/Kingston

Um pouco acima de 240 GB:

Kingston A2000

O Kingston A2000 é fabricado apenas no formato M.2 2280 e possui interface PCIe NVMe. Isso significa que seu desempenho é 3 vezes superior ao de um SSD SATA, além de ter menor gasto de energia e, por consequência, esquentar menos. Ele é indicado para usuários corporativos ou para quem precisa de alta performance, sendo compatível com notebooks, ultrabooks e PC de formatos pequenos (SFF).

O armazenamento possui autocriptografia baseada em hardware XTS-AES de 256 bits, modo de código de bloqueio mais avançado que os normalmente empregados em criptografias de 256 bits. Ele também possui compatibilidade com o TCG Opal 2.0 e suporte ao eDrive, especificação para uso com BitLocker, ferramenta de criptografia do Windows.

SSD Kingston A2000 de 250 GB possui autocriptografia, sistema que impede seus dados de serem roubados — Foto: Divulgação/Kingston

A unidade de entrada do A2000 possui 250 GB de espaço, apresentando taxas de leitura de até 2.000 MB/s e até 1.100 MB/s na gravação. A leitura máxima de dados aleatórios (IOMETER), por sua vez, é de até 150.000 IOPS, ao passo que a gravação chega a 180.000 IOPS.

Kingston KC600

Outro modelo com capacidade próxima aos 240 GB é o KC600. Com versão de entrada de 256 GB, a unidade de armazenamento está disponível no formato de 2,5" e conta com interface SATA III. Sua velocidade sequencial chega a 550 MB/s na leitura e 500 MB/s na gravação, enquanto os dados de leitura e gravação aleatórios são de 90.000 e 80.000 IOPS, respectivamente. Ele traz os mesmos recursos de segurança do A2000, entregando autocriptografia XTS-AES 256 bits, TCG Opal e eDrive.

SSD Kingston KC600 de entrada tem capacidade de 256 GB — Foto: Divulgação/Kingston

Formatos

As linhas de SSD apresentadas usam interface SATA 3 e NVMe PCIe 3.0. A primeira, presente nos modelos A400, UV500 e KC600, têm taxa de transmissão de dados de até 6 GB/s. Já o protocolo PCIe, adotado no Kingston A2000, chega a 32 GB/s.

Como é possível notar, as linhas A400 e UV500 contam com diferentes formatos: 2,5", M.2 e mSATA. Esses termos são referentes aos conectores físicos do SSD, e não interferem na velocidade de transferência de dados. Antes de comprar um modelo, é preciso verificar quais tamanhos são suportados pela placa-mãe.

SSDs de 240 GB da Kingston são encontrados nos formatos 2,5", M.2 e mSATA com interface SATA e PCIe — Foto: Divulgação/Kingston

Durabilidade

Duas variáveis são muito importantes para definir a vida útil de um SSD. A que parece mais óbvia é a "expectativa de vida útil", que, em quase todos os modelos acima, é de 1 milhão de horas MTBF (sigla para Mean Time Between Failures, tempo médio entre falhas em português). A exceção é para o A2000, que possui expectativa de 2 milhões de horas MTBF. Apesar disso, esse número não indica quantas horas um SSD demora para parar de funcionar, e sim o percentual de chance de apresentar defeitos. O cálculo é complexo e varia de acordo com a fabricante, mas vale a regra: quanto maior o MTBF, maior a confiabilidade do componente.

Outro parâmetro que deve ser levado em consideração é o total de bytes gravados, indicado pela sigla TBW. Ele avalia a quantidade de dados gravados antes que o armazenamento comece a apresentar problemas, tendo em vista que a memória Flash (ou qualquer outra) sofre desgaste conforme as informações são escritas e apagadas.

SSD Kingston A2000 é modelo com maior durabilidade — Foto: Divulgação/Kingston

Assim como no MTBF, valores maiores de TBW significam dispositivos mais duráveis. Nos SSDs apresentados, o que tende a apresentar maior durabilidade é o modelo A2000, com 150 TB TBW e 2 milhões de horas MTBF. Em segundo lugar vem o KC600, que também tem 150 TB TBW e a metade de horas MTBF. Os modelos A400 e UV500 possuem 80 TB e 100 TB TBW, respectivamente.

Vale ressaltar que os valores são estimados em laboratório, a partir de condições específicas de uso, e que podem mudar de acordo com cada consumidor. Um armazenamento usado para tarefas simples do dia a dia, como navegar na internet, por exemplo, é menos exigido do que um empregado por quem trabalha com programas como Photoshop ou Premiere. É possível monitorar a saúde da peça por meio de ferramentas como o SSD Manager, software próprio da Kingston que permite verificar o desempenho, avaliar a estimativa de vida útil e até atualizar o firmware do componente.

Concorrentes

Há várias marcas além da Kingston para quem quer comprar SSD de 240 GB no Brasil. Uma das opções mais em conta é o Maxtor Z1, da Seagate, que pode ser encontrado com preços a partir de R$ 330 nas lojas. O modelo, que usa interface SATA III e é fabricado apenas no formato de 2.5", apresenta velocidades sequencial de 540 MB/s na leitura e 425 MB/s na gravação.

SSD Western Digital WD Green de 240 GB nos formatos de 2,5" e M.2 2280 — Foto: Divulgação/Western Digital

Na mesma faixa de preço está o WD Green, da Western Digital. A capacidade de 240 GB é vendida nos formatos de 2,5" e M.2 2280, por preços a partir de R$ 330 e R$ 490, respectivamente. Usando interface SATA III, o armazenamento da WD traz entrega velocidade de até 540 MB/s na leitura e até 465 MB/s na gravação.

Outra alternativa é o Crucial BX500, SSD de com interface SATA III comercializado no formato 2,5". Um pouco mais rápido na gravação, o armazenamento consegue atingir 500 MB/s nesta especificação, enquanto a leitura chega a 540 MB/s. Seu preço médio no varejo nacional é de R$ 370.

SSD 240 GB da Kingston

A400 UV500 A2000 KC600
Formatos 2,5’’ e M.2 2280 2,5’’, M.2 2280 e mSATA M.2 2280 2,5"
Capacidade 240 GB 240 GB 250 GB 256 GB
Preço oficial R$ 447,80 (2,5’’) e R$ 525 (M.2 2280) R$ 370 (2,5"), R$ 501,90 (M.2 2280) e R$ 538,80 (mSATA) R$ 521,50 R$ 690,80
Preço nas lojas a partir de R$ 350 a partir de R$ 490 a partir de R$ 470 a partir de R$ 470
Interface SATA III (6 Gb/s); compatível com SATA II (3 Gb/s) SATA III (6 Gb/s); compatível com SATA II (3 Gb/s) NVMe PCIe 3.0 x 4 Pistas SATA III (6 Gb/s); compatível com SATA II (3 Gb/s)
NAND 3D TLC 3D TLC 3D TLC 3D TLC
Velocidade sequencial (ATTO) leitura até 500 MB/s; gravação até 350 MB/s leitura até 520 MB/s; gravação até 500 MB/s leitura até 2.000 MB/s; gravação até 1.100 MB/s leitura até 550 MB/s; gravação até 500 MB/s
Velocidade máxima aleatória 4K (IOMETER) não informado leitura até 79.000 IOPS; gravação até 25.000 IOPS leitura até 150.000 IOPS; gravação até 180.000 IOPS leitura até 90.000 IOPS; gravação até 80.000 IOPS
Criptografia Não AES de 256 bits XTS-AES 256-bit XTS-AES 256 bits
Consumo de Energia 0,195 Watts Inativo / 0,279 Watts Média / 0,642 Watts (Max leitura) / 1,535 Watts (Max gravação) 0,195 Watts Inativo / 0,5 Watts Média / 1,17 Watts (Max leitura) / 2,32 Watts (Max gravação) 0,0032 Watts Inativo / 0,08 Watts Média / 1,7 Watts (Max leitura) / 4,5 Watts (Max gravação 0,06 Watts Inativo / 0,2 Watts Média / 1,3 Watts (Max leitura) / 3,2 Watts (Max gravação)
Expectativa de vida útil 1 milhão de horas MTBF 1 milhão de horas MTBF 2 milhões de horas MTBF 1 milhão de horas MTBF
Garantia 3 anos 5 anos 5 anos 5 anos
Total bytes gravados 80 TB 100 TB 150 TB 150 TB
Dimensões 100 x 69,9 x 7 mm (2,5”) / 80 x 22 x 1,35 mm (M.2) 100,1 x 69,85 x 7 mm (2,5’’) / 80 x 22 x 3,5 mm (M.2) / 50,8 x 29,85 x 4,85 mm (mSATA) 80 x 22 x 3,5 mm 100,1 x 69,85 x 7 mm
Peso 41 gramas (2,5’’) / 6,7 gramas (M.2) 41 gramas (2,5’’) / 6,7 gramas (M.2) / 6,7 gramas (mSATA) 6,6 gramas 40 gramas
Como descobrir o modelo de sua placa-mãe

Como descobrir o modelo de sua placa-mãe

SSD vale a pena? Comente no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo