Battle Royale

Por Leandro Eduardo, para o TechTudo


Free Fire, jogo Battle Royale da Garena disponível para download em celulares Android e iPhone (iOS), recebeu na atualização de junho de 2020 um novo sistema anti-hack. O sistema promete suspender permanentemente as contas de jogadores que baixem e usem aplicativos de terceiros para obter vantagens no jogo. Nos últimos meses, o Free Fire tem sido bombardeado com milhares de hacks, gerando diversas críticas de jogadores nas redes sociais da desenvolvedora. Entenda, a seguir, o novo sistema anti-cheat da Garena.

Nova atualização de junho de 2020 implementou um novo sistema anti-cheat para combater jogadores trapaceiros — Foto: Reprodução/Garena

Quer comprar jogos, consoles e PC's com desconto? Conheça o Compare TechTudo

O novo sistema anti-cheat do Free Fire atua contra softwares, APKs e macros. Esses programas ajudam na jogabilidade, modificam os arquivos do jogo, aumentam velocidade dos personagens e aprimoram a mira das armas. A medida busca combater o uso de Wallhacks, Mod Vip e Script, que geralmente são disponibilizados gratuitamente em fóruns na Internet.

As contas de usuários que forem flagradas usando métodos para obter vantagens serão suspensas de forma permanente do Free Fire. De acordo com a página de suporte da Garena, “usar software de terceiros, explorar bugs, fazer modificações no usuário, e qualquer outro comportamento que dê vantagem indevida sobre outros jogadores será considerado fraude”. Nas notas de atualização, a desenvolvedora reafirmou que não será possível reverter a suspensão.

Além do novo anti-cheat, a Garena já vinha adotando uma série de medidas contra jogadores trapaceiros. A desenvolvedora havia aumentado a equipe anti-cheat e mobilizado várias frentes para garimpar novos softwares e códigos usados para trapacear, até mesmo aqueles que não são comuns ou que nunca foram denunciados. Desde que adotou o novo sistema anti-trapaças, Free Fire já suspendeu mais de 3,8 milhões de contas de jogadores que utilizam algum tipo de hack.

Além do novo sistema anti-cheat , os jogadores também podem continuar contribuindo para suspensão de hacks no Free Fire. Players que estiverem usando aplicativos de terceiros podem ser denunciados por outros usuários dentro do próprio jogo no “Modo Espectador”. No modo, clique em “Denunciar” e selecione a opção “Hack”. A denúncia também pode ser feita na página de suporte da Garena (https://ffsuporte.garena.com/hc/pt-br).

Via Garena (1, 2)

Mais do TechTudo