Atletas

Por Victor de Abreu, para o TechTudo


O jogador norte-americano Brandon “Sixless” Cole Patterson foi banido de torneios oficiais de PUBG Mobile até o fim de 2020. O caso foi explicado pelo próprio pro player no último domingo (26) em um vídeo publicado no YouTube. O ban aconteceu depois de o atleta ter jogado um qualificatório da PUBG Mobile Club Open (PMCO) em uma conta de terceiro e em uma equipe em que ele não estava afiliado. As infrações desrespeitam normas básicas de games competitivos.

Embora esteja banido até 2021, Sixless pareceu pouco se importar com sua punição temporária no vídeo. Além de sorrir constantemente, como se estivesse achando a situação cômica, o pro player ainda jogou um pouco de água em seu rosto para fingir que estava chorando enquanto anunciava a suspensão. O atleta também disse que estava chorando muito desde que recebeu o seu ban no competitivo.

Sixless foi banido após infringir regra básica em jogos competitivos — Foto: Divulgação/Tencent

Quer comprar jogos, consoles e PC's com desconto? Conheça o Compare TechTudo

O jogador, que estava atuando na equipe Pittsburgh Knights, admitiu seu erro e afirmou que jogou duas partidas no qualificatório em questão. No vídeo, o pro player também leu um comunicado da Tencent, desenvolvedora do Battle Royale, explicando que ele havia sido denunciado com provas vindas de screenshots, mensagens no jogo e transmissões online.

Impedido de entrar em torneios oficiais, o pro player lembrou aos seus seguidores que a punição mudou seus planos futuros por poucas semanas e que terá mais tempo para fazer mais transmissões. Sixless tem em seu histórico passagens por equipes como Cloud9 e Spacestation Gaming. Recentemente, ele competia na PUBG Mobile World League (PMWL) West como um jogador substituto da Pittsburgh Knights. Até a última rodada disputada, eles estavam na quarta colocação de uma competição com o total de 20 times. Vale destacar que nem Pittsburgh Knights e nem a Tencent emitiram notas oficiais a respeito do ocorrido com o jogador.

Mais do TechTudo