TV

Por Yuri Hildebrand, do Home Office


A LG anunciou nesta terça-feira (18) as novas TVs OLED 2020 no mercado brasileiro. Os modelos trazem resolução 4K, design premium da marca e recursos interessantes para usuários gamer, sendo a primeira do mercado com tecnologia G-Sync, da Nvidia, e com taxa de atualização de 120 Hz. Além disso, os produtos prometem otimizar imagens em qualidade inferior e oferecem assistentes de voz integrados, como Alexa, da Amazon, e Google Assistente.

São duas opções que chegam ao Brasil: a CX, com opções de 55", 65" e 77 polegadas, e a GX, top de linha com espessura de 20 mm e tamanho único de 65 polegadas. A primeira tem preços que começam em R$ 8.399, enquanto a segunda, disponível para comprar a partir de setembro, chega às lojas por R$ 19 mil.

Novas TVs OLED da LG chegam ao Brasil por a partir de R$ 8.399 — Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

O modelo GX traz como principal novidade a proposta de instalação "no gap", ou seja, sem espaço entre a tela e a parede. Com 20 mm de espessura, o produto promete se transformar em uma obra de arte, a exemplo do que acontece na linha The Frame, da Samsung, que foi atualizada recentemente.

Vale lembrar que as TVs OLED da LG costumam vir com uma caixa na parte de trás que vai até pouco menos da metade da tela, enquanto o restante do painel fica livre, exibindo o design fino. Na nova GX, essa parte maior fica de fora, e a TV deve ficar praticamente "colada" na parede.

Modelo GX promete ficar bem próximo à parede, e traz espessura de 20 mm como diferencial em relação às outras TVs OLED — Foto: Divulgação/LG

Já as CX trazem um visual mais tradicional, seguindo outras gerações de televisores OLED. A base do produto é grande e pesada, garantindo uma boa estabilidade ao aparelho quando instalado em uma superfície plana. Seu apoio frontal é bastante elegante e ocupa praticamente toda a região abaixo da tela.

As telas de ambos os modelos trazem recursos interessantes para usuários gamer. Com resolução 4K, 120 Hz de atualização, 1 ms de tempo de resposta e tecnologias G-Sync e FreeSync, os televisores devem rodar muito bem jogos em consoles como Playstation 4 (PS4), Xbox One e Nintendo Switch.

Novas TVs OLED da LG prometem bons recursos para jogos; opção CX se mostrou muito boa em jogos de aventura — Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo

O TechTudo recebeu a versão de 55 polegadas da OLED CX para testes, e o modelo funcionou muito bem para jogar. Com modo de imagem Jogo ativado, o televisor foi capaz de exibir imagens com boa definição de cores, além de taxas de brilho e contraste bastante interessantes para jogar títulos de diferentes estilos. Em games de aventura, por exemplo, que trazem muitos ambientes de baixa iluminação, essa característica faz uma grande diferença.

Essa boa exibição também vale para curtir filmes e séries na TV. O Filmmaker Mode, por exemplo, é um dos recursos oferecidos pela marca para reproduzir os conteúdos mantendo a qualidade desejada por seus produtores.

Há ainda o Dolby Vision IQ, que otimiza brilho e contraste considerando o ambiente em que a TV está instalada e números predefinidos. O áudio também merece destaque, já que separa bem graves, médios e agudos, passando inclusive uma certa noção espacial de distância e proximidade em alguns contextos.

Sistema webOS traz diversas opções de apps de streaming — Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo

O sistema operacional webOS, já bastante comum em televisores da LG, oferece uma boa oferta de aplicativos. Dessa forma, os principais apps de streaming do mercado estão disponíveis, como Netflix, Amazon Prime Video, Globoplay, entre outros. Há inclusive botões específicos para os dois primeiros serviços no controle remoto.

O usuário também pode utilizar as TVs OLED para controlar outros dispositivos conectados pela casa por meio da plataforma ThinQ AI, da própria LG. Seja por comandos de voz ou pelo painel de controle do sistema, é possível incluir o televisor em rotinas, assim como regular as luzes da sala, desligar aparelhos de som, entre outros exemplos. A GX vem, inclusive, com recurso Hands Free, ou seja, não precisa de botões para acessar o assistente proprietário da marca.

Controle remoto tem botões específicos para Netflix e Amazon Prime Video — Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo

A integração com Alexa e Google Assistente também se mostrou bem positiva, facilitando a experiência com produtos de outras marcas. Outro destaque de software é o suporte ao AirPlay 2.0, permitindo espelhar a tela do iPhone ou MacBook no display de maneira simples.

A OLED CX, mais "básica", chega em três opções de tamanho, custando de R$ 8.399 na versão de 55", R$ 15.999 na de 65" e R$ 39.999, valor sugerido pelo televisor de 77 polegadas. Já a GX, em tamanho único de 65", vai desembarcar no Brasil por R$ 19.999.

Testamos a LG Signature OLED R, smart TV enrolável que some da sua sala

Testamos a LG Signature OLED R, smart TV enrolável que some da sua sala

Qual é a melhor Smart TV da LG? Tire suas dúvidas no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo