Jogos de ação

Por Rafael Monteiro, para o TechTudo


Os jogadores de Cyberpunk 2077 poderão criar personagens independente de gênero e escolher quais características colocam em seus corpos, que podem ser trocadas como se fossem peças de uma máquina. Na última sexta-feira (18), em entrevista para o site The Gamer, o designer de quests da produtora CD Projekt Red Mateusz Tomaszkiewicz comentou sobre a existência dos aumentos (augments) de órgãos genitais no jogo, que é destinado a maiores de 18 anos. Assim como o próprio game, eles são inspirados pelo sistema de RPG Cyberpunk 2020, e têm nomes como "Mr. Stud" para o crescimento peniano e "Mrs. Midnight" para o vaginal, além de outros para seios e mais.

A gangue das Moxes administra os negócios de prostituição em Cyberpunk 2077 — Foto: Reprodução/Cyberpunk 2077

Quer comprar jogos, consoles e PC's com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Durante o game, o usuário pode usar aumentos de vários tipos ao implantar tecnologia em seu personagem, porém pode desenvolver "cyberpsicose" se exagerar. Vale lembrar que o título já havia recebido uma classificação para maiores de 18 anos no Brasil por violência, drogas e conteúdo sexual.

Tomaszkiewicz comentou também sobre como funciona a prostituição em Night City. Locais chamados de "Doll Houses" podem realizar as mais profundas fantasias dos clientes ao explorar seu subconsciente e usar esses aumentos para terem qualquer aparência que deseje.

Novos trailers de Cyberpunk 2077 mostram gangues e cartões postais da cidade — Foto: Reprodução/Cyberpunk 2077

As Doll Houses são parte da gangue das Moxes, um grupo de mulheres que inclui profissionais do sexo. Segundo a descrição do game no órgão de classificação etária dos Estados Unidos, a ESRB, haverá muitas cenas de teor sexual no jogo.

O lançamento de Cyberpunk 2077 está marcado para 19 de novembro de 2020. O game chega ao PlayStation 4 (PS4), Xbox One e PC, com versões melhoradas no PlayStation 5 (PS5), Xbox Series X e Series S em 2021.

PS5: saiba tudo sobre o novo console

PS5: saiba tudo sobre o novo console

Mais do TechTudo