Video game

Por Rafael Monteiro, para o TechTudo


O Xbox Series S é o novo console da Microsoft que foi revelado recentemente como uma versão menor e mais barata do Xbox Series X. Após um vazamento durante a madrugada da última terça-feira (8), a empresa confirmou as especificações técnicas, o preço e a data de lançamento do videogame. O aparelho deve rodar os mesmos jogos do irmão mais potente, apesar de provavelmente reproduzir gráficos mais modestos em resoluções menores.

O Xbox Series S desembarca nos Estados Unidos em 10 de novembro por US$ 299 (cerca de R$ 1.588, em conversão direta e sem impostos), enquanto o Xbox Series X chega na mesma data por US$ 499 (em torno de R$ 2.650 sem impostos). Vale lembrar que ainda não há previsão de início das vendas no Brasil.

Xbox Series S: Microsoft confirma preço e design do novo console

Xbox Series S: Microsoft confirma preço e design do novo console

Quer comprar jogos, consoles e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Processador (CPU)

Segundo a Microsoft, o Xbox Series S conta com o mesmo processador Zen 2 de 8 núcleos do Xbox Series X. Porém, em vez de rodar a 3,8 GHz como seu irmão maior, ele tem frequência de 3,6 GHz (ou 3,4 GHz com Multithreading simultâneo ligado). Para fins de comparação, o número ainda é um pouco maior do que o concorrente PlayStation 5 (PS5), que roda a 3,5 GHz. O videogame acompanha 10 GB de memória RAM GDDR6, enquanto as especificações técnicas do Xbox Series X confirmam 16 GB do mesmo tipo de memória para o console.

Placa de vídeo (GPU)

O vídeo de análise do Xbox Series S divulgado pela Microsoft menciona que a principal diferença do Xbox Series S está na GPU. Trata-se de uma placa diferente, com algumas das mesmas capacidades do Xbox Series X, mas com certas limitações. Enquanto o Xbox Series X é voltado para resolução de 4K nativo, a placa de vídeo do Xbox Series S é focada em oferecer resolução de 1440p. O console ainda é capaz de reproduzir mídia em 4K, como filmes.

Em uma TV 4K, o Xbox Series S pode utilizar upscaling para redimensionar a resolução, sem a mesma definição do 4K nativo. A capacidade de processamento da GPU do Xbox Series S é de aproximadamente 4 Teraflops, bem abaixo dos 12 Teraflops confirmados para o Xbox Series X. A versão Series S ainda conta com suporte à tecnologia de iluminação Ray Tracing e taxa de quadros de até 120 FPS. A diferença visual pode não ser tão grande em TVs abaixo de 4K, pois o Xbox Series X precisa gastar boa parte de seu processamento para atingir uma resolução quatro vezes maior.

Diferenças para o Xbox Series X

No vídeo oficial do Series S, é possível perceber algumas diferenças em relação ao Xbox Series X. A mais óbvia é o seu tamanho: o console é 60% menor do que seu irmão poderoso. O armazenamento SSD de 1 TB também foi substituído por um de 512 GB, ainda do tipo SSD, o que oferece loadings mais rápidos.

A principal diferença do Xbox Series S para oXbox Series X é seu tamanho 60% menor — Foto: Reprodução/Xbox

O Xbox Series S é um modelo puramente digital, sem drive de Blu-Ray – tecnologia que o Xbox Series X possui. A Microsoft ainda não confirmou se o Xbox Series S é menos potente que o Xbox Series X, porém a diferença de preço e especificações sugere que ele deve exibir visuais um pouco mais modestos.

Design do console

O design do Xbox Series S é bastante simples. Na cor branca, ele conta com uma forma geométrica retangular com quase metade do tamanho do Xbox Series X. Seu visual remete ao Xbox One S e contrasta com o preto do Series X.

O design do Xbox Series S lembra um pouco o do Xbox One S, porém com uma grande saída de ventilação — Foto: Reprodução/CBR

Um dos detalhes que mais chama a atenção é o grande disco preto gradeado no videogame, que gerou brincadeiras sobre dar uma aparência de rádio ou caixa de som ao console. Trata-se de uma saída de ventilação auxiliar que deve dissipar o ar quente do console tanto na horizontal quanto na vertical. No Xbox Series X, a ventilação concentra-se no topo do aparelho e saídas auxiliares ficam mais escondidas.

Retrocompatibilidade

O Xbox Series S traz a mesma capacidade de retrocompatibilidade do Xbox Series X para rodar jogos do Xbox original, Xbox 360 e Xbox One – no entanto, há uma limitação. Como o Series S não possui drive de disco, ele apenas pode rodar versões digitais desses games. Caso o jogador queira usar mídias físicas de gerações anteriores, é preciso optar pelo Xbox Series X. Por outro lado, o Xbox Series S é totalmente compatível com controles do Xbox One. Segundo a Microsoft, qualquer acessório que possa ser conectado com ou sem fio ao Xbox One será compatível com o Xbox Series X e Series S.

O Xbox Series S e Series X serão totalmente compatíveis com acessórios do Xbox One — Foto: Reprodução/Xbox

Comparação de tamanho

A Microsoft enviou versões "mock up" do Xbox Series X e Xbox Series S para diversos sites nos Estados Unidos. Tratam-se de versões não funcionais dos videogames, apenas com suas carcaças sem componentes internos, para fotos e comparações de tamanho. Em algumas delas, é possível ver que o Xbox Series S é ainda menor que um Xbox One X e não deve ocupar muito espaço em sua estante.

O Xbox Series S chega a ocupar menos espaço que o Xbox One X — Foto: Reprodução/The Verge

Preço

O preço de US$ 299 (por volta de R$ 1.588 sem impostos) foi confirmado pela Microsoft de surpresa após a revelação do console e levou a mais especulações sobre o preço do Xbox Series X. No entanto, em menos de 24 horas após a revelação do valor do Xbox Series S, a empresa revelou também o preço do Xbox Series X para US$ 499 (em torno de R$ 2.650 sem impostos).

Xbox Series S e Xbox Series X tiveram seus preços e detalhes revelados pela Microsoft — Foto: Reprodução/Xbox

Lançamento no Brasil

O Xbox Series S e o Xbox Series X chegam aos Estados Unidos em 10 de novembro, mas ainda não há uma data oficial para o Brasil. O Xbox One original foi lançado simultaneamente em vários países, e o Brasil estava incluso na lista. No entanto, o Xbox One X levou pouco mais de um mês para chegar por aqui: ele foi lançado em 7 de novembro de 2017 nos Estados Unidos e apenas em 15 de dezembro no Brasil. Não há motivos para imaginar que o Xbox Series S e o Xbox Series X atrasem em território nacional, mas também não há uma confirmação.

Qual é o melhor jogo de Xbox One? Comente no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo