Jogos de estratégia

Por Leandro Eduardo, para o TechTudo


Clash Royale é um jogo de estratégia disponível para download grátis em celulares Android e iPhone (iOS), e que roda no PC com emuladores como o BlueStacks. O principal objetivo do game da Supercell é derrubar as torres adversárias para ganhar troféus e glórias na arena. O card game tem 100 milhões de download na Google Play Store, enquanto é avaliado com nota 4,7 na App Store. Para baixar e rodar, o Clash Royale exige requisitos mínimos, seja nos dispositivos móveis ou no computador. Confira, a seguir, os requisitos para jogar Clash Royale em todas as plataformas.

Clash Royale: cinco dicas para jogar melhor

Clash Royale: cinco dicas para jogar melhor

Quer comprar jogos, consoles e PC's com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Android

Para jogar o Clash Royale no sistema operacional do Google, é necessário que o dispositivo esteja equipado com Android versão 4.2.2 ou superior e tenha no mínimo de 0,5 GB de memória RAM (embora 1 GB ou mais seja o mais recomendado). Além disso, é exigido resolução de tela 800x480 e 160 MB de armazenamento livre. A Supercell informa que, apesar desses requisitos mínimos, não há como assegurar que o jogo funcione perfeitamente em telefones ou tablets. A classificação indicativa do cardgame na Google Play é de 10 anos.

iOS

Já para rodar em dispositivos da Apple, Clash Royale exige sistema operacional iOS 9.0 ou posterior. Desde junho de 2019, Clash Royale não é mais compatível com dispositivos equipados com iOS 8 ou mais antigos. Já a classificação de conteúdo do Clash Royale na App Store é de 13 anos.

PC

Clash Royale pode ser jogado no PC por meio de emuladores, como o BlueStacks. Para usá-lo, é necessário que o computador esteja equipado com sistema operacional Windows 7 ou versão superior e processador Intel ou AMD. Além disso, são exigidos 2 GB de memória RAM e 5 GB de armazenamento disponível no desktop. O BlueStacks também requer que o jogador seja administrador do PC e tenha os drivers gráficos da Microsoft ou do fornecedor do chipset devidamente atualizados.

Via Supercell (1, 2) e BlueStacks

Mais do TechTudo