Celular

Por Isabele Scavassa, para o TechTudo


Os recém-lançados iPhone 12 Pro e iPhone 12 Pro Max ficaram atrás de celulares da Xiaomi e Huawei em um teste de câmera conduzido pelo DxOMark, site especializado em fotografia. Os smartphones da Apple foram superados pelo Huawei Mate 40 Pro, Xiaomi Mi 10 Ultra e Huawei P40 Pro.

Os telefones mais parrudos da empresa de Steve Jobs não conseguiram chegar ao topo do ranking e amargaram o quarto e quinto lugar da lista. No entanto, ainda assim apresentaram pontos positivos e conseguiram atingir bons níveis de pontuação.

Cinco novidades do iPhone 12

Mesmo que apresentem desvantagens em relação à câmera da Huawei e Xiaomi, o iPhone 12 Pro e iPhone 12 Pro Max apresentaram avanços consideráveis em comparação aos antecessores. De acordo com os especialistas, estas otimizações aparecem em aspectos variados, como na qualidade da imagem e no foco automático, além de oferecer cores fiéis.

Os testes de câmera elaborados e executados pela DxOMark são feitos por engenheiros que analisam mais de três mil fotos capturadas pelos dispositvos, além de avaliar mais de duas horas e meia de vídeo produzido pelos smartphones. As condições como a de luminosidade e ambientação são feitas em local interno e externo, por vezes passando por condições proporcionadas dentro de um laboratório específico.

iPhone 12 Pro Max ficou em quarto lugar no ranking do DxOMark — Foto: Divulgação/Apple

Por mais que tenha recebido elogios em alguns quesitos, o iPhone 12 Pro Max deixou a desejar pela falta de de zoom longo, recurso que aparece frequentemente em outros aparelhos premium. O celular da Apple pode não satisfazer tanto os consumidores que exigem um maior alcance nas fotos.

De modo geral, alguns pontos negativos foram significativos na hora de compará-lo a outros celulares. O DxOMark destacou a faixa dinâmica limitada nas fotos, alguns ruídos perceptíveis, efeitos "fantasmas" nas imagens, cor pouco natural em cenas HDR, instabilidade de exposição e pouca luz em vídeos.

No entanto, o aparelho também se destacou por características como foco automático e exposição precisos, boa renderização de cores ​​na maioria dos vídeos e balanço de branco estável em ambientes internos e com pouca luz.

iPhone 12 Pro Max pontua 130 na classificação geral em teste de câmera — Foto: Reprodução/DxOMark

Apesar da posição no ranking, os smartphones da Apple tendem a oferecer um bom desempenho de imagem. Os recursos trazidos na câmera do iPhone 12 Pro Max são considerados destaques entre os conjuntos fotográficos em termos de inovação nos aparelhos da Apple. O DxOMark elogiou o sistema de estabilização ótica do sensor de imagem no Pro Max. É uma tecnologia superior à estabilização somente da lente, bem comum em smartphones premium.

Os modelos iPhone 12 Pro e iPhone 12 Pro Max desembarcam no Brasil em 20 de novembro por preços sugeridos entre R$ 9.999 e R$ 10.999, respectivamente. Eles trazem o processador A14 Bionic, chip que promete ser mais 50% mais potente que os rivais, Ceramic Shield (vidro cerâmico, em português) para garantir resistência ao aparelho, além do MagSafe, tecnologia de magnetismo que reúne ímãs para anexar carregadores em fio, acessórios e capinhas.

Com informações de DxOMark e Slash Gear

iPhone 12 vs iPhone 11: saiba o que muda na passagem de geração

Mais do TechTudo