Celular
Publicidade

Por Larissa Infante, para o TechTudo


O celular Xiaomi Mi 9 traz ficha técnica avançada – tanto que foi considerado um dos modelos mais poderosos no ano do seu lançamento, segundo o aplicativo AnTuTu. O aparelho trouxe como destaque a impressão digital integrada à própria tela e câmera tripla de até 48 MP, mas não chegou a apresentar proteção contra água e nem suporte a cartão microSD. O dispositivo desembarcou no Brasil em maio de 2019 pelo preço sugerido de R$ 3.999. Atualmente o Xiaomi Mi 9 não é mais vendido oficialmente pela gigante chinesa no mercado nacional, o que pode encarecer o aparelho.

Abaixo separamos os prós e contras do celular Xiaomi Mi 9. Confira a seguir todos os detalhes da ficha técnica e descubra se o aparelho ainda vale a pena.

Xiaomi Mi 9 chegou ao Brasil em 2019

Xiaomi Mi 9 chegou ao Brasil em 2019

PONTOS POSITIVOS

1. Ficha técnica avançada

Um dos pontos altos do Xiaomi Mi 9 é a ficha técnica com especificações avançadas. O celular vem com o processador Snapdragon 855, um dos mais poderosos de 2019 da Qualcomm, com oito núcleos e velocidade de até 2,84 GHz. Além disso, o smartphone tem memória RAM de 6 GB e armazenamento de 128 GB. É possível ainda encontrar a versão de 64 GB.

O processador foi desenvolvido para rodar jogos de alto desempenho e promete uma experiência rápida e otimizada para gamers. O aparelho saiu de fábrica com o Android 9 (Pie), mas pode ser atualizado para o Android 10 com a interface MIUI 11, que promete otimizar o funcionamento e traz recursos extras ausentes no Android convencional. Um deles é o mecanismo de gerenciamento de tarefas, que aprende os hábitos do usuário com o tempo.

Mi 9 traz ficha técnica avançada — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Além disso, o aparelho traz uma bateria de 3.300 mAh que, segundo a fabricante, é suficiente para um dia inteiro de uso, além de recarga rápida de 27 W.

2. Conjunto robusto de câmeras

Outro diferencial importante do Mi 9 é o conjunto de câmeras. São três sensores, sendo que o principal tem 48 MP e abertura f/1.75, além da lente teleobjetiva, de 12 MP e abertura f/2.2, e da câmera ultra wide, de 16 MP e abertura f/2.2.

O celular chinês conta ainda com câmera frontal de 20 MP e abertura f/2.0, zoom óptico de duas vezes e zoom digital de dez vezes, foco a laser e por detecção de contraste, além de modo retrato, modo noturno e modo panorâmico. O conjunto ainda faz uso de inteligência artificial para melhorar a qualidade das fotos e vem com sistema HDR.

Mi 9 tem sistema de câmera tripla com sensor de 48 MP — Foto: Divulgação/Xiaomi

O smartphone consegue gravar vídeos em resolução 4K a 60 fps (frames por segundo) e vem com modo slow motion (gravação em câmera lenta) de até 960 fps. A câmera frontal grava em Full HD a uma velocidade de 30 fps.

3. Tela sofisticada com leitor de digitais

A tela do Xiaomi Mi 9 de 6,39 polegadas, tecnologia AMOLED, resolução Full HD+ (2340 x 1080 pixels) e densidade de 403 ppi, conjunto que deve ser suficiente para garantir boa qualidade durante a exibição de filmes, séries, leitura de textos, entre outras funções. O aparelho tem notch em forma de gota para abrigar a câmera frontal. Além disso, traz um aproveitamento de 90,7% da área do display, segundo a Xiaomi.

As laterais do smartphone são de metal com o restante do corpo em vidro. A fabricante chinesa apostou na proteção Gorilla Glass 6 para a traseira, contra quedas e arranhões. O leitor de digitais fica sob o display do Xiaomi Mi 9 e não há desbloqueio por reconhecimento facial. O modelo vem ainda com um botão na lateral dedicado ao Google Assistente, além de uma porta USB-C.

Xiaomi Mi 9 tem leitor de impressão digital sob a própria tela — Foto: Reprodução/Xiaomi

PONTOS NEGATIVOS

1. Ausência de porta P2 para fones de ouvido

Além do valor do Xiaomi Mi 9, um ponto negativo é que ot aparelho da Xiaomi não vem com a tradicional porta P2 (3,5 mm) para fones de ouvido. Para plugar fones de ouvido, é preciso utilizar acessório compatível com a entrada USB-C. A boa notícia é que o adaptador já vem incluso na caixa do aparelho, ou seja, não é preciso desembolsar. O smartphone vem também com conectividade para Bluetooth 5.0, que permite conectar fones de ouvido sem cabo.

Mi 9 não tem entrada para fones de ouvido — Foto: Divulgação/Xiaomi

2. Sem fones de ouvido na caixa

O adaptador para entrada de fones de ouvido já vem incluso na caixa, mas isto não acontece com os fones propriamente ditos. A embalagem vem ainda com uma capa protetora, adaptador de energia e cabo USB-C, mas nada de fones. Quem quiser ouvir músicas, terá que comprar o acessório separadamente ou usar de compras anteriores.

Mi 9 não vem com fones de ouvido na caixa — Foto: Divulgação/ Xiaomi

3. Sem proteção contra água

Um outro ponto negativo do Mi 9 é que o modelo não vem com certificações IP67 e IP68 para oferecer proteção contra água e poeira. Portanto, o aparelho não pode ser mergulhado. A tecnologia vem sendo adotada cada vez mais frequentemente em telefones intermediários e é importante para manter a durabilidade dos componentes internos do smartphone em momentos de chuva ou suor, por exemplo.

Xiaomi Mi 9 não pode ser mergulhado — Foto: Reprodução/Xiaomi

4. Não suporta cartão microSD

O celular Xiaomi Mi 9 tem armazenamento de 128 GB, o que deve ser suficiente para guardar muitas fotos e vídeos. No entanto, não é possível ampliar a capacidade do aparelho, já que ele não é compatível com o cartão microSD. Com isso, o usuário fica restrito apenas à capacidade original do aparelho, o que pode ser insuficiente para quem utiliza muito o celular.

Xiaomi Mi 9 ou Galaxy S10 Plus: confira o comparativo em vídeo

Xiaomi mi 9 ou Galaxy S10 Plus: compare preço e ficha técnica

Xiaomi mi 9 ou Galaxy S10 Plus: compare preço e ficha técnica

Ficha técnica do Xiaomi Mi 9

  • Lançamento no Brasil: maio de 2019
  • Preço de lançamento: R$ 3.999
  • Tela: 6,39 polegadas
  • Resolução de tela: Full HD+
  • Câmera principal: tripla, 48, 16 e 12 MP
  • Câmera frontal: 20 MP
  • Processador: Snapdragon 855 (octa-core de até 2,84 GHz)
  • Memória RAM: 6 GB
  • Armazenamento: 64 GB/128 GB
  • Cartão de memória: não
  • Bateria: 3.300 mAh
  • Sistema: Android 9 (Pie)
  • Dimensões e peso: 157,5 x 74,67 x 7,61mm; 173 gramas
  • Cores disponíveis: violeta, azul e preto

Com informações da Xiaomi

Mais do TechTudo