Atletas

Por Victor de Abreu, para o TechTudo


Jogadores profissionais de League of Legends (LoL), DotA 2 e outros esports costumam se aposentar cedo. E o ano de 2020 foi marcado por anúncios de aposentadoria de diversos jogadores profissionais de destaque. A decisão de um pro player de largar o competitivo acontece por diversos motivos, como lesão, vontade de seguir novos rumos e até mesmo prestar serviço militar. A seguir, confira alguns atletas brasileiros e internacionais que abandonaram seus games e se aposentaram em 2020.

Veja jogadores dos esportes eletrônicos que se aposentaram em 2020 — Foto: Divulgação/The International

Quer comprar jogos, consoles e PC's com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Jesse "JerAx" Vainikka (DotA 2)

O finlandês Jesse "JerAx" Vainikka é um jogador de DotA 2 que atuava profissionalmente como support desde o ano de 2013. Ele anunciou sua aposentadoria em janeiro de 2020 aos 27 anos de idade, alegando falta de paixão em seguir competindo no DotA 2 e o desejo de iniciar outra carreira.

Nos esports, sua primeira grande equipe foi a Team Liquid, mas foi na OG que ele fez história. Ao lado de companheiros como Anathan "ana" Pham e Topias "Topson" Taavitsainen, JerAx entrou para a história ao levar a OG ao bicampeonato do torneio mais importante de DotA 2, o The International, tendo conquistado em 2018 e em 2019. Vale destacar que a OG é a única equipe até então com dois títulos da competição.

JerAx fez parte da lendária line-up bicampeã do The International — Foto: Divulgação/OG

Saahil "Universe" Arora (DotA 2)

Em abril de 2020, outro jogador famoso de DotA 2 optou por pendurar o mouse e o teclado. Saahil "Universe" Arora atuava profissionalmente como offlaner desde 2011 e passou por diversas equipes famosas, como Team Liquid, Team Secret e, a principal delas, Evil Geniuses. Entre diversos títulos em sua carreira, o que se destaca é a conquista do The International 2015 com a camisa da EG. Por sinal, com seu Earthshaker, ele foi uma das peças chaves na jogada conhecida como "Echo Slam de seis milhões de dólares", uma das mais icônicas dos esportes eletrônicos.

Ninjas in Pyjamas foi a última equipe de Universe antes de se aposentar do cenário de DotA 2 — Foto: Divulgação/ESL

Considerado um dos melhores offlaners da história e sendo o jogador com o maior número de vitórias profissionais com o Dark Seer, 126 ao todo, Universe se aposentou aos 30 anos de idade com o desejo de seguir novos rumos em sua vida.

Jian "Uzi" Zi-Hao (League of Legends)

No dia 3 de junho, o cenário de League of Legends foi surpreendido com a notícia de que o lendário atirador Jian "Uzi" Zi-Hao estava se aposentando, com apenas 23 anos de idade. Segundo o jogador chinês, ele tomou essa decisão por conta das lesões em seus pulsos e também devido a algumas complicações com diabetes tipo 2. Uzi deu seu primeiro passo para se tornar uma lenda no Mundial de LoL 2013, quando foi capaz de executar belas jogadas, em especial com a campeã Vayne, e ser o grande destaque na campanha do vice-campeonato da Royal Club.

Uzi é considerado um jogador lendário de LoL — Foto: Divulgação/Riot Games

Pela mesma equipe, Uzi viria a levar seu segundo vice-campeonato no Mundial de LoL 2014 e entraria em um período sem grandes conquistas e com mudanças constantes de equipes. Foi apenas em seu retorno para a Royal Never Give Up, mesma equipe, mas com um nome diferente, que Uzi conseguiu seu primeiro título internacional, o Mid-Season Invitational 2018. Mesmo não tendo levantado tantas taças, ele seguiu sendo considerado como um dos melhores atiradores da história.

Du "NuckleDu" Dang (Street Fighter)

O norte-americano Du "NuckleDu" Dang tomou a decisão de se aposentar do cenário competitivo de Street Fighter V no dia 6 de julho, aos 24 anos de idade. Seu anúncio se deu após ele sofrer um grave acidente de carro ocorrido no dia 2 de julho. De acordo com informações trazidas pelo seu amigo Kevin "DualKevin" Barrios na época, NuckleDu teria uma longa, mas total recuperação após o acidente. Ainda assim, o norte-americano tomou a decisão de se afastar do competitivo.

NuckleDu foi o primeiro norte-americano campeão de Street Fighter V. — Foto: Divulgação/Capcom

NuckleDu ganhou notoriedade no competitivo de Ultra Street Fighter IV com personagens como Guile e Decapre. Seu principal título, no entanto, veio no Street Fighter V, com a conquista da Capcom Cup 2016, onde ele voltou a utilizar o Guile, mas também tinha a R.Mika como personagem em seu leque de escolhas. Mesmo aposentado, o NuckeDu ainda fez uma aparição na Street Fighter League 2020 após conversas com a Capcom, mas ele segue firme com sua decisão.

Dear (StarCraft II)

Dear foi campeão mundial de StarCraft II em 2013 — Foto: Divulgação/Thisisgame

O sul-coreano Baek "Dear" Dong Jun anunciou sua aposentadoria do cenário competitivo de StarCraft II no dia 17 de agosto, aos 26 anos de idade. Ele viu a necessidade de parar devido ao serviço militar obrigatório na Coreia do Sul. Foi afirmado por ele que o serviço começaria já em outubro de 2020, mas não se sabe ao certo quanto tempo ele irá durar. Ele atuava como um jogador de Protoss no game desde 2010 e teve como principais conquistas na sua carreira o regional WCS Season 3 Korea GSL: Premier League 2013, e o StarCraft II World Championship Series 2013, considerada a competição mais importante da categoria.

Gabriel "Kami" Bohm (League of Legends)

No Brasil, uma das aposentadorias mais marcantes foi a de Gabriel "Kami" Bohm, um dos principais nomes da história do competitivo de League of Legends no país. Kami anunciou sua aposentadoria no dia 23 de novembro, aos 24 anos, alegando que poderia fazer outras atividades fora do LoL, e que também sentia falta de se divertir com determinados campeões no MOBA. Kami era um dos poucos profissionais ainda em atividade que esteve presente nos primórdios do competitivo em 2011. O ex-pro player marcou seu nome como um dos melhores jogadores da história do país e por ter vestido a camisa da paiN Gaming do começo ao fim de sua carreira.

Um dos maiores jogadores de LoL do Brasil, Kami se aposentou em 2020 — Foto: Divulgação/Riot Games

Kami se aposentou do LoL tendo feito história com dois títulos do Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL), em 2013 e em 2015, também tendo sido grande nome na campanha da paiN Gaming no Mundial de LoL 2015, com duas vitórias e quatro derrotas, sendo essa a melhor campanha de uma equipe brasileira na competição até hoje.

TechTudo completa 10 anos: veja o que mudou no mundo da tecnologia e jogos

TechTudo completa 10 anos: veja o que mudou no mundo da tecnologia e jogos

Yiliang "Doublelift" Peng (League of Legends)

O mês de novembro marcou a despedida de outra lenda do League of Legends. O norte-americano Yiliang "Doublelift" Peng anunciou sua aposentadoria no dia 25 de novembro, com 27 anos, tendo como razão sua vontade de iniciar um novo capítulo em sua vida. Doublelift iniciou sua carreira em 2011 pela Counter Logic Gaming (CLG), se tornando rapidamente uma das maiorias referências para os atiradores no LoL, e também em um dos jogadores de maior sucesso no cenário norte-americano do game.

Apesar da habilidade reconhecida, seu primeiro de muitos títulos veio apenas em 2015, com a conquista da NA LCS Summer 2015, ainda atuando pela Counter Logic Gaming. Depois, ele deixou a CLG para vestir a camisa da rival TSM. Ele ainda viria a jogar pela Team Liquid por duas temporadas antes de encerrar sua carreira na mesma TSM. Ao todo, foram oito títulos da LCS na América do Norte e um vice-campeonato no Mid-Season Invitational 2019.

Doublelift se aposentou sendo um dos grandes nomes do cenário mundial de LoL — Foto: Divulgação/Riot Games

Mais do TechTudo