Por Carlos Palmeira, para o TechTudo


A década que chega ao final em 2020 foi uma das mais importantes para a indústria dos videogames. O lançamento de títulos de grande destaque, como GTA V, Fortnite e Minecraft, possibilitou que o setor se consolidasse como um dos mais importantes do mundo e, agora, jogos eletrônicos lucram mais do que a música e o cinema. Para lembrar de produções que mudaram o meio para sempre, o TechTudo montou uma lista com os melhores games da última década. Veja, abaixo, os títulos mais importantes dos últimos 10 anos.

Vale dizer que, para nossa lista, levamos em consideração inúmeros critérios, como, por exemplo, os impactos trazidos por cada um dos games ao universo dos jogos, seja em forma de jogabilidade ou construção narrativa.

TechTudo completa 10 anos: veja o que mudou no mundo da tecnologia e jogos

TechTudo completa 10 anos: veja o que mudou no mundo da tecnologia e jogos

Quer comprar jogos, consoles e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Dark Souls

Dark Souls é uma série de RPGs de ação disponível para PlayStation 3 (PS3), Xbox 360, PlayStation 4 (PS4), Xbox One, PC e Nintendo Switch. O primeiro jogo da franquia foi lançado em 2011, com desenvolvimento pela From Software e distribuição pela Bandai Namco. Pelas inovações de level que trouxe, o título se tornou um dos mais importantes não só da década, mas da história dos games também.

Além de ser considerado um primor técnico, já que mistura excelente jogabilidade e cenários envolventes com trilha sonora marcante e chefões inesquecíveis, o jogo tem como grande destaque a sua dificuldade. Mesmo sendo muito complexo e até mesmo frustrante em alguns momentos, Dark Souls consegue balancear punição e recompensa. Progredir no game é desafiador, mas, a cada inimigo ou chefe abatido, a sensação de vitória unida à noção de que você está melhorando seu desempenho são gratificantes.

Dark Souls é um jogo épico que se destaca pela dificuldade — Foto: Divulgação/From Software

A produção da From Software, que deu continuidade ao sucesso que já havia sido Demon’s Souls, se tornou referência para os videogames. Definir um jogo como “tipo Dark Souls” é o mesmo que dizer que se trata de um game difícil. Na indústria, esse conceito cunhou o gênero “Souls-like”. O patamar em que chegou Dark Souls fez, inclusive, com que o nome de seu diretor, Hidetaka Miyazaki, se tornasse um dos mais elogiados da atualidade.

Fortnite

Fortnite é um jogo gratuito para PS4, Xbox One, macOS, PC, lançado em 2017 pela Epic Games. Depois o game também ganhou versão mobile. O título pertence aos gêneros de ação e Battle Royale, que consiste em colocar dezenas de jogadores para lutar em uma arena até que somente um sobreviva.

Com elementos que misturam o sistema Battle Royale tradicional a construções, a jogabilidade divertida e frenética de Fortnite acabou conquistando diversas crianças e adultos com todas as novidades que empregou ao gênero. A competitividade online fez, e continua fazendo, com que o título quebre recordes atrás de recordes. Mais recentemente, por exemplo, mais de 15 milhões de jogadores participaram simultaneamente de um evento do vilão Galactus, da Marvel, empresa que tem feito parcerias com a Epic. Na mesma ocasião, mais de 3 milhões de pessoas assistiram à partida.

Fortnite está na quinta temporada e segue batendo recordes — Foto: Divulgação/Epic Games

Não é somente dentro do universo dos videogames que Fortnite se destaca. A produção virou um dos maiores fenômenos culturais da nossa época. As populares dancinhas, feitas por personagens, explodiram mundo afora. Inúmeras personalidades, que vão de jogadores de futebol, como o francês Griezmann, até a ex-primeira-dama dos EUA Michele Obama, já reproduziram os passos do jogo, mostrando o seu alcance e importância.

GTA V

GTA V é um game de ação e aventura de mundo aberto que pode ser jogado no PS3, Xbox 360, PS4, Xbox One, PC e nos novos consoles, PlayStation 5 (PS5) e Xbox Series S/X, via retrocompatibilidade. A produção foi desenvolvida e publicada pela Rockstar, uma das empresas mais importantes do setor de videogames. O jogo, lançado em 2013, é um sucesso absoluto de venda e crítica.

O quinto lançamento numerado da franquia Grand Theft Auto foi bastante elogiado em vários aspectos, desde o visual ate à construção de mundo e quantidade de tarefas, mantendo a competência em praticamente todas as mecânicas. Outro ponto bastante exaltado no jogo foi a qualidade da narrativa, que, pela primeira vez na série, colocou três protagonistas para dividirem a tela.

GTA V possui protagonistas marcantes e uma história elogiável — Foto: Divulgação/Rockstar

Apesar de toda a qualidade técnica, não foi somente esse fator que fez com que GTA V alcançasse um patamar diferenciado. O jogo é simplesmente o produto do mercado de entretenimento mais lucrativo da história. Até 2018, quando haviam sido vendidas 90 milhões de cópias, o game já havia lucrado para a Rockstar um montante inacreditável de US$ 6 bilhões (atualmente, cerca de R$ 31 bilhões na conversão direta).

Minecraft

Minecraft é um game do gênero sandbox lançado em 2011 pela Mojang e disponível para PC, Xbox 360, Xbox One, PS3 e PS4, com versões mobile para Android e iPhone (iOS). O título consiste em um mundo 3D pixelizado, em que é possível extrair recursos do cenário para construir os mais diferentes tipos de edificações, desde casas até reinos completos. Foi justamente a criatividade estimulada pelo universo do jogo fez com que ele se tornasse um dos melhores e mais importantes da década.

Mais do que simplesmente um jogo, Minecraft é um “Centro de Entretenimento”. As infinitas possibilidades de criações fizeram com que ele se tornasse um sucesso também entre as crianças. Com esse público, a produção é considerada até mesmo uma ferramenta didático-pedagógica, que estimula a cognição.

Minecraft possui reconstruções de vários universos como Harry Potter — Foto: Divulgação/Mojang

Não são só as crianças, no entanto, que se divertem com Minecraft. O jogo se tornou o mais vendido de todos para PC, chegando a 9 milhões de cópias vendidas, e surfou bastante na onda de gameplays, que tomou conta do YouTube a partir de 2010. Com vários modos de jogo, o titulo pode agradar os mais diferentes players. Vale a lembrança de que cerca de 126 milhões de pessoas jogam Minecraft mensalmente e, em 2020, o jogo bateu 200 milhões de unidades comercializadas em todas as suas plataformas.

Portal 2

Portal 2 é um jogo de puzzle, disponível para PC, PS3 e Xbox 360, lançado em 2011 pela Valve. O game coloca o jogador para fugir de salas fechadas, utilizando uma arma que cria portais dimensionais. A premissa, que foi bastante elogiada pela originalidade, fez com que ele se tornasse referência para jogos de quebra-cabeça.

Sendo uma continuação, Portal 2 evoluiu conceitos que haviam sido apresentados no primeiro game, sendo os gráficos, a história e a qualidade dos puzzles importantes saltos da sequência. Além disso, a série se destaca por apresentar desafios que demandam bastante reflexão dos jogadores. Apesar de subverterem a física que conhecemos, as fases são intuitivas e geram uma boa sensação de recompensa, quando superadas.

Portal 2 é elogiado pelo level design e soluções criativas para resolver os puzzles — Foto: Reprodução/Carlos Palmeira

Além das características citadas anteriormente, vale mencionar a curva de aprendizado, o humor e a narrativa do título, bastante elogiados pela crítica. Considerado um dos games mais criativos de todos os tempos, Portal 2 está presente em praticamente todas as listas de melhores jogos da década.

Red Dead Redemption 2

Red Dead Redemption 2 é um jogo de aventura em mundo aberto, jogável no PS4, no Xbox One e noPC. Lançado em 2018 pela Rockstar, integra a série Red Dead, que conta histórias ambientadas no Velho Oeste dos Estados Unidos. O título é considerado o ponto alto da franquia e um dos mais elogiados da década, devido à sua profundidade de enredo e riqueza de detalhes.

Com personagens densos e uma história bem contada, Red Dead Redemption 2 é considerado um exemplo de como os videogames podem oferecer grandes experiências narrativas. O jogo também impressiona pelos gráficos e mundo aberto rico em elementos, com animais e plantas. A jogabilidade é outro quesito elogiado, já que melhora aspectos do game anterior.

Red Dead Redemption 2 faz uma das melhores reconstruções do Velho Oeste nos videogames — Foto: Divulgação/Rockstar

Tudo em Red Dead Redemption 2 é grandioso, mas é sua estrutura narrativa que o traz à esta lista. Vale dizer que são cerca de 60 horas na campanha principal, e a duração que pode ser estendida, caso o jogador queira fazer as missões paralelas e pegar os itens colecionáveis. Por ser relativamente recente, a opinião geral é de que muito do impacto que a produção causou será sentido efetivamente mais para frente. Um fato inegável, porém, é que o jogo é definitivamente um dos melhores e mais importantes lançados nessa década.

Skyrim

The Elder Scrolls 5: Skyrim é um jogo de RPG de ação, lançado em 2011 pela Bethesda e disponível para PC, PS3, Xbox 360, PS4, Xbox One e Switch. Em um enredo típico de fantasia medieval, com cavaleiros, dragões e magia, o jogo é elogiado por proporcionar a possibilidade de uma narrativa praticamente pessoal dentro desse universo geral.

A história de Skyrim dá continuidade ao enredo de Oblivion, título anterior da série The Elder Scrolls. A possibilidade de alterar a narrativa, ou até mesmo de ignorar a trama principal para seguir um rumo próprio, foi bastante valorizada. O gameplay e a história são complementados pela trilha sonora, que foi considerada uma das melhores de todos os tempos.

Dovahkiin, protagonista de Skyrim, é considerado um dos melhores personagens da década — Foto: Divulgação/Bethesda

No quesito jogabilidade, Skyrim também se destaca. Podendo variar entre primeira e terceira pessoa, o jogo tem um bom sistema de combate, que inclui o uso de poderes mágicos e armas como adagas, espadas, machados, martelos e arcos. O impacto da produção pode ser medida em vários aspectos. Um deles é a cultura, já que centenas de memes inspirados no jogo foram criados nessa década, e outro, o nível de imersão do jogo. Além disso, Skyrim também serviu de inspiração para títulos posteriores, como The Witcher 3.

The Last of Us

The Last of Us é um jogo de ação e aventura de PS3 e PS4, desenvolvido pela Naughty Dog e publicado em 2013, pela Sony. O exclusivo do PlayStation tem ambientação em um mundo pós-apocalíptico, em que um fungo afeta o cérebro das pessoas e as transforma em seres violentos e irracionais. Mesmo não sendo tão bem avaliado por aspectos técnicos, como a inteligência artificial dos inimigos, por exemplo, o jogo é considerado um dos melhores da década principalmente por conta de sua estrutura narrativa.

A história do game acompanha Joel e Ellie, dois personagens que, no desenrolar do jogo, desenvolvem uma relação de pai e filha. Esse enredo, de autoria do diretor Neil Druckmann, foi um dos mais elogiados nos últimos anos e fez com o que game conquistasse vários dos prêmios mais importantes da indústria. O título é considerado revolucionário no aspecto narrativo e influenciou várias outras produções que vieram depois.

A relação entre Ellie e Joel é um dos pontos altos de The Last of Us — Foto: Divulgação/Naughty Dog

Em junho de 2020, a agora franquia ganhou uma continuação. The Last of Us 2 foi, inclusive, premiado como “Melhor Jogo do Ano”, no The Game Awards 2020, cerimônia considerada o “Oscar dos Videogames”. Os enredos do jogo foram tão impactantes à indústria que a HBO produzirá até mesmo uma série com a história de Ellie e Joel.

The Legend of Zelda: Breath of the Wild

The Legend of Zelda: Breath of the Wild é um jogo exclusivo de Switch, lançado em 2017. Desenvolvido pela Nintendo, o game é do gênero de ação e aventura. Sequência de uma das séries de maior sucesso da história dos videogames, não é difícil encontrar quem ache que Breath of the Wild é um dos melhores jogos não só da década, mas também da história.

Um dos destaques do game é o seu mundo realmente aberto. Com poucas instruções, o jogador é convidado a explorar livremente o reino de Hyrule, onde se passa a franquia. A história pode ser completada de maneira não linear, e seus puzzles podem ser concluídos de dezenas de formas diferentes. Mesmo quase quatro anos após seu lançamento, ainda são divulgados vídeos na Internet, com maneiras criativas de lutar contra os inimigos ou terminar um quebra-cabeça.

The Legend of Zelda: Breath of the Wild foi um dos jogos mais importantes da década — Foto: Divulgação/Nintendo

Reconhecido como o melhor jogo lançado em 2017, no The Game Awards da época em questão, Breath of the Wild possui um mundo rico em um dos visuais mais bonitos já vistos em um jogo eletrônico. Como um importante medidor de importância, a indústria já começou a ver frutos inspirados no título. Genshin Impact e Immortals Fenyx Rising, por exemplo, são dois games lançados em 2020 de inspiração visível no Zelda de Switch.

The Witcher 3

The Witcher 3: Wild Hunt é um RPG de ação, lançado em 2015 para PS4, Xbox One, PC, Switch, Xbox Series S/X e PS5. Ele foi desenvolvido e publicado pela polonesa CD Projekt RED, mesma produtora de Cyberpunk 2077. O jogo deu continuidade a uma franquia que surgiu como adaptação de uma série polonesa de livros e ganhou dezenas de prêmios, sendo um dos mais elogiados da década e referência para outros lançamentos.

Entre os pontos que fizeram com que a produção ganhasse tanto destaque, está a combinação entre boas narrativas e um mundo aberto. O jogo tem centenas de missões, cada uma com sua história particular e personagens com boas motivações. A repercussão das escolhas morais de cada jogador no decorrer da trama foi, também, bastante valorizada, já que até o final do game pode ser diferente, dependendo do caminho que for traçado.

The Witcher 3 é um RPG de ação com excelentes histórias — Foto: Divulgação/CD Projekt Red

Além disso, o protagonista Geralt of Rivia conquistou o publicou com seu sarcasmo e senso moral. A explosão do título na geração PS4 e Xbox One fez com que a história original (a dos livros) ganhasse uma adaptação cinematográfica. Em dezembro de 2019, a Netflix estreou a primeira temporada de “The Witcher”, que, apesar de não se basear nos games, faz referências ao produto eletrônico.

Você ainda joga games retrô nos consoles? Comente no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo