Celulares

Por Giovana Guerra, para o TechTudo


Donos de celular Galaxy estão bravos com a Samsung pela forma como o sistema Android da empresa lida com aplicativos em segundo plano. É normal que sistemas de smartphones rodem aplicativos ainda que não estejam abertos, de forma que as informações estejam atualizadas. No entanto, a gigante sul-coreana modificou o mecanismo, levando a mais queixas.

O site Don’t Kill My App, dedicado a monitorar a forma como plataformas de celular lidam com a questão, passou a incluir a empresa na primeira colocação. A página questiona interrupções desnecessárias que podem impactar a experiência do usuário.

Conheça os destaques do Galaxy S21

Conheça os destaques do Galaxy S21

A lista do Don't Kill My App se manteve quase a mesma por anos, com a Huawei na liderança, seguida pela OnePlus na segunda colocação. Fabricantes que costumam promover mudanças mais agressivas na forma com que lidam com apps em segundo plano, como é o caso da Xiaomi, Asus e Oppo, sempre se mantiveram nas posições mais altas.

A Samsung se mantinha relativamente bem no ranking, mas acabou alcançando o topo com a atualização da One UI 3.0, que roda junto com o Android 11. A nova versão do sistema é configurada por padrão para promover o fechamento forçado – ou seja, matar – de apps em segundo plano, evitando assim que eles consumam bateria. O problema desse tipo de configuração é que ela afeta o funcionamento de recursos importantes, como aplicativos de saúde, que são impedidos de coletar dados quando são encerrados.

É importante ressaltar que essa é uma questão que vai contra o próprio Google. Antes mesmo das mudanças promovidas pela sul-coreana, o gigante das buscas já havia afirmado que tomaria medidas para evitar que os parceiros de Android seguissem por esse caminho.

Android 11 da Samsung é configurado para fechar apps em segundo plano — Foto: Pedro Vital/TechTudo

A boa notícia é que dá para reverter a situação de forma manual. É um caminho um tanto longo, mas basta abrir as Configurações → Aplicativos e buscar pelo app que não gostaria que fosse limitado. Depois disso, abra a opção Bateria → Otimizar o uso da bateria → Todos os aplicativos. Por fim, é só procurar o programa que leva ao fechamento dos apps em segundo plano e desativá-lo.

A Samsung não se pronunciou sobre o assunto.

Com informações de Don't Kill My App e 9to5Google

Nota de transparência: Amazon e TechTudo mantêm uma parceria comercial. Ao clicar no link da loja, o TechTudo pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação. Os preços mencionados podem sofrer variação.

Mais do TechTudo