Campeonatos

Por Victor de Abreu, para o TechTudo


O Fluxo é o campeão da Liga Brasileira de Free Fire (LBFF) 4. Após permanecer entre as melhores equipes da primeira fase, ele voltou a mostrar força neste sábado (20) durante as nove quedas da final. Com um BOOYAH! e muitos abates, a equipe de Bruno "Nobru" Goes superou os adversários diretos – Corinthians, LOUD e SS e-Sports – e garantiu o título brasileiro. Vale destacar que o Fluxo vai representar o Brasil na fase final da próxima Free Fire World Series, o Mundial de Free Fire que acontece em maio em Singapura.

A vice-campeã LOUD também será uma representante do Brasil no mundial, mas começará na fase de entrada para buscar uma das vagas para a fase final. Vale destacar que o jogador Ruan "Ruan" da Rocha, do Santos e-Sports, foi o MVP da competição com 111 abates. A seguir, você confere mais detalhes sobre a grande final da quarta etapa do torneio de Free Fire.

Em seu primeiro torneio, Fluxo é o grande campeão da LBFF 4 2021 — Foto: Divulgação/Garena Free Fire

A final da LBFF 4 contava com quatro equipes favoritas: Santos e-Sports, Fluxo, FURIA Esports e LOUD. Esse quarteto permaneceu na parte superior da tabela da primeira fase na maior parte do tempo e chegava com força e também com um pouco de vantagem de pontos para a decisão. Porém, foi o Corinthians, equipe que até o final da fase de pontos buscava a fuga do rebaixamento, que dominou as duas primeiras quedas do dia. Foram dois BOOYAHS! e um total de 20 abates, com oito deles indo apenas para Erik "Zenac" Filho na segunda queda, para o Timão dar um grande salto e assumir a liderança dessa final.

Na terceira queda, em Bermuda, o Corinthians fez apenas cinco pontos, dando espaço para seus rivais se aproximarem na tabela. O destaque da queda, no entanto, foi no final, quando LOUD e Vivo Keyd sobraram na disputa pelo BOOYAH! do mapa. Apesar da vantagem numérica, a LOUD acabou caindo pela boa visão de jogo de Jardel "DeadGOD" Pereira, que assegurou o BOOYAH! para sua equipe e mais 18 pontos para a conta. Apesar da derrota, a LOUD garantiu 23 pontos graças à grande quantidade de abates, sendo cinco apenas nas mãos de William "Will" Moura.

Boa jogada de DeadGOD no final de Bermuda garantiu o primeiro BOOYAH! da Vivo Keyd na final — Foto: Divulgação/Garena Free Fire

No primeiro retorno à Purgatório, o Corinthians voltou a se destacar e conseguiu sobreviver até o final da queda, mas acabou caindo para o Fluxo, que fez uma excelente queda e sobrou com seus três jogadores vivos para disputar pelo BOOYAH! no mapa. No final, o trio do Fluxo sobrou apenas contra Guimons, da Meta Gaming, que tentou morrer para o gás, mas acabou encontrado por seus adversários. A vitória rendeu ao Fluxo 20 pontos, mas o Corinthians também assegurou 17 pontos para se manter firme na liderança.

De volta em Kalahari, Santos e-Sports foi a primeira equipe a cair em um squad wipe do Cruzeiro eSports e se complicou de vez na busca do título da LBFF. No final da queda, a atual campeã SS e-Sports conseguiu um excelente posicionamento na guarita e contou com dois bons abates de Adilson "Aranha" Júnior para derrubar o Fluxo e fazer seu primeiro BOOYAH! na final. Na queda seguinte, a SS e-Sports fez sua dobradinha e se aproximou do topo da tabela. Enquanto isso, Fluxo foi capaz de superar o Corinthians na pontuação e assumir a liderança.

SS e-Sports fez dobradinha e se aproximou dos líderes na tabela de classificação — Foto: Divulgação/Garena Free Fire

Na última passagem por Purgatório, Meta Gaming levou a melhor: derrubou a equipe da LOUD no final e ainda contou com o jogador "Lost21" fazendo 11 abates, quebrando o recorde de abates em uma única queda da LBFF. Já em Kalahari, o Corinthians voltou a acordar após algumas quedas discretas, sobrou contra a LOUD no final e executou uma bela jogada ao lançar uma granada e derrubar quase todo o esquadrão adversário. Depois, bastou eliminar Ariano "Kroonos" Ferreira para garantir seu terceiro BOOYAH! da final e encostar de vez no líder Fluxo, que zerou nesta queda.

Por fim, na última queda em Bermuda, a disputa estava completamente em aberto. Fluxo, com 96 pontos, Corinthians, com 94 pontos, e LOUD, com 93 pontos, eram os principais concorrentes nesse último confronto. Logo no começo, o Corinthians perdeu três integrantes e se complicou de vez na disputa pelo título. A Meta Gaming, que tinha chances remotas de buscar a taça, também caiu cedo e deixou a briga para Fluxo e LOUD. Quem brilhou na queda foi o Cruzeiro, que encurralou o Fluxo e depois derrubou a LOUD para fazer o BOOYAH.

Na pontuação, Fluxo e LOUD ficaram empatados com 103 pontos, mas no critério de desempate, Fluxo ficou à frente graças ao seu único BOOYAH! conquistado no dia, superou a LOUD e ficou com a taça da LBFF 4.

Nobru e seus companheiros fizeram um grande salto na reta final e buscou o título brasileiro — Foto: Divulgação/Garena Free Fire

Resultados da Final

  • Queda 1 (Purgatório): BOOYAH! do Corinthians
  • Queda 2 (Kalahari): BOOYAH! do Corinthians
  • Queda 3 (Bermuda): BOOYAH! da Vivo Keyd
  • Queda 4 (Purgatório): BOOYAH! do Fluxo
  • Queda 5 (Kalahari): BOOYAH! da SS e-Sports
  • Queda 6 (Bermuda): BOOYAH! da SS e-Sports
  • Queda 7 (Purgatório): BOOYAH! da Meta Gaming
  • Queda 8 (Kalahari): BOOYAH! do Corinthians
  • Queda 9 (Bermuda): BOOYAH! do Cruzeiro eSports

LBFF 4 - Classificação Final

Colocação Equipe BOOYAHS! Abates Pontuação Premiação
Fluxo 1 35 103 R$ 105 mil
LOUD 0 41 103 R$ 85 mil
Cruzeiro eSports 1 41 98 R$ 75 mil
Corinthians 3 36 96 R$ 53 mil
SS e-Sports 2 31 89 R$ 53 mil
Meta Gaming 1 35 84 R$ 53 mil
Santos e-Sports 0 25 74 R$ 53 mil
Team Liquid 0 30 73 R$ 53 mil
FURIA Esports 0 31 69 R$ 53 mil
10° B4 eSports 0 24 57 R$ 53 mil
11° GOD e-Sports 0 19 48 R$ 53 mil
12° Vivo Keyd 1 18 42 R$ 53 mil

A Liga Brasileira de Free Fire é o campeonato mais importante do cenário do game no Brasil. Sua quarta etapa reuniu um total de 18 equipes e contou com uma premiação total avaliada em R$ 745 mil. Essa etapa também contou com duas equipes rebaixadas, que competirão na Série B na próxima etapa. Enquanto as 12 equipes finalistas já estão asseguradas na quinta etapa, as outras seis participantes serão decididas no Grupo de Acesso, que será disputado no dia 3 de abril.

Com informações de ffesports e Liquipedia

Mais do TechTudo