Jogos de ação

Por Bruno Magalhães, para o TechTudo


Outriders é um novo RPG de ação em terceira pessoa publicado pela Square Enix e desenvolvido pela People Can Fly, empresa responsável por Bulletstorm e Gears of War: Judgement. O jogo vai na contramão da tendência do mercado e dispensa a fórmula dos controversos “jogos como serviço”, apostando em uma campanha single-player com início, meio e fim já a partir do seu lançamento e suporte a um cooperativo para até três pessoas.

Os jogadores devem desbravar os perigos de um planeta inóspito chamado Enoch, que acaba por se tornar no refúgio da humanidade após grandes cataclismos assolarem o planeta Terra. Seu lançamento está previsto para 1º de abril com versões para PC, PlayStation 4 (PS4), PlayStation 5 (PS5), Xbox One e Xbox Series X/S. Veja, a seguir, tudo sobre Outriders.

Outriders é novo RPG de tiro em terceira pessoa dos criadores de Bulletstorm — Foto: Reprodução/Square Enix

Quer comprar consoles, jogos e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Lançamento, preço e Xbox Game Pass

Outriders fica disponível oficialmente a partir do dia 1º de abril tanto na antiga como na atual geração e consoles. Será possível jogar no PC (Steam), PlayStation 4, PlayStation 5, Xbox One e Xbox Series X/S e o game já está em pré-venda por R$ 279,90 em todas as plataformas.

Um detalhe interessante é que o jogo fica incluso no catálogo do Xbox Game Pass, serviço de assinatura da Microsoft, já no dia do seu lançamento. Vale notar, no entanto, que será possível jogar sem custo adicional apenas nos consoles Xbox e em dispositivos mobile, via xCloud.

Outriders traz suporte a multiplayer crossplay entre todas as plataformas — Foto: Divulgação/Square Enix

Requisitos

As especificações mínimas e recomendadas de sistema para rodar Outriders sem problemas no PC também já foram divulgadas oficialmente pela Square Enix. Confira, a seguir, o que é necessário para jogar o lançamento:

Requisitos mínimos e recomendados de Outriders (PC)

Mínimo Recomendado
SO Windows 10 Windows 10
Processador Intel i5-3470 / AMD FX-8350 Intel i7-7700 /AMD Ryzen 5 1600
RAM 8 GB de RAM 16 GB de RAM
GPU GeForce GTX 750ti / AMD Radeon R9 270x GeForce GTX 1060 6 GB / AMD Radeon RX 480 8 GB
DirectX Versão 11 Versão 12
HD 70 GB de espaço livre 70 GB de espaço livre
Desempenho 720p / 60 FPS 1080p / 60 FPS

História e enredo

Situado no ano de 2159, Outriders retrata a necessidade da raça humana de deixar o planeta Terra para trás, que já não suporta mais as suas condições climáticas. Duas colônias são enviadas para um mundo desconhecido, chamado de Enoch, com a intenção de reconhecer, dominar e habitar o planeta.

No entanto, as forças atípicas deste lugar acabam sendo rígidas demais e, incapazes de voltar para casa, alguns personagens são colocados em sono criogênico em um ato desesperado. No futuro, eles acordam em um verdadeiro cenário de guerra, com grupos disputando pela sobrevivência e tomada de território.

Neste momento da história, o personagem principal do jogador é atingido por uma tempestade de energia conhecida como Anomalia, que é capaz de conferir poderes especiais e está diretamente ligada ao sistema de classes que ele utilizará ao longo da sua jornada.

Pyromancer é uma classe bastante durável em Outriders por ser capaz de recuperar a própria vida ao queimar inimigos — Foto: Divulgação/Square Enix

Gameplay

Outriders é sobretudo um híbrido de jogo de tiro em terceira pessoa e RPG que chama a atenção pela sua velocidade e uso de poderes especiais, que são diferentes para cada classe selecionada e desbloqueados por uma árvore de habilidades. Existem classes que recompensam uma abordagem mais agressiva, recuperando vida a cada inimigo derrotado, enquanto outras são melhores concedendo suporte à longa distância ou assumindo a linha de frente como um verdadeiro escudo.

O jogo também promete muitos momentos de exploração em um mundo massivo não apenas em densidade de conteúdo, mas também em distância. Segundo os desenvolvedores, os jogadores serão guiados por áreas de combate e regiões abertas para exploração ao longo da jornada. Se forem atentos o suficiente, serão capazes de descobrir regiões inéditas com recompensas e até mesmo criaturas desconhecidas.

Alguns NPCs nos assentamentos da humanidade também oferecem missões específicas, como as de caçadores de recompensas. Conforme os personagens reconhecem o seu valor, a própria base de operações sofrerá mudanças e transmitirá o sentimento de “ambiente vivo”.

Outriders não é um "jogo como serviço" e traz início, meio e fim já a partir do seu lançamento — Foto: Divulgação/Square Enix

Multiplayer e crossplay

O componente multiplayer de Outriders carrega a ideia de que tudo fica mais divertido quando feito com amigos e não necessariamente é uma obrigação para a experiência. A qualquer momento da campanha principal, os jogadores podem se juntar às sessões de amigos ou convidá-los livremente com uma navegação rápida no menu — não existe um ambiente à parte dedicado apenas ao modo online.

Há, ainda, muitas atividades secundárias com o intuito de manter os jogadores interessados em partidas mais longas, além de um sistema inteligente que ajusta automaticamente a dificuldade do mundo dependendo do progresso e performance dos jogadores. Caso os desafios fiquem fora de controle, é possível reduzir o nível do mundo manualmente a qualquer momento.

Além disso, a desenvolvedora confirmou que o game terá suporte ao multiplayer crossplay entre todas as plataformas. Isso significa que será possível jogar com qualquer pessoa, independente de onde estejam.

Com informações de Square Enix

Qual o melhor jogo de tiro? Opine no Fórum do TechTudo!

PS5: saiba tudo sobre o novo console

PS5: saiba tudo sobre o novo console

Mais do TechTudo