Jogos de aventura

Por Filipe Garrett, para o TechTudo


Assassin’s Creed pode ganhar um jogo situado no Brasil – isso, pelo menos, é o que diz um dos autores do enredo de Assassin's Creed: Valhalla, Alain Mercieca. Em entrevista ao site The Gamer, publicada nesta segunda-feira (12), ele afirmou ver na América do Sul muito conteúdo ainda inexplorado pela franquia, que costuma ser ambientada em épocas e locais marcantes da história da humanidade. No entanto, embora tenha manifestado interesse em um eventual game com cultura brasileira, Mercieca não deu confirmações para essa possibilidade futura.

Assassin's Creed Valhalla é ambientado na cultura nórdica e na história viking — Foto: Divulgação/Ubisoft

Quer comprar jogos, consoles e PCs com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Na entrevista, Mercieca comenta que existe uma rica “tapeçaria cultural da América do Sul que a série ainda não explorou completamente”. Ele lembrou ainda que a franquia já teve algum contato com a região, com o game Assassin's Creed IV: Black Flag, de 2013. O título tinha grande parte de sua gameplay situada no Caribe e pincelava a cultura da América Latina de colonização espanhola. O autor, no entanto, afirmou que, desta vez, tem mais interesse no Brasil.

Alain Mercieca, contudo, não se aprofundou muito no assunto, sem indicar exatamente que histórias do Brasil poderiam ser aproveitadas no jogo. Ele apenas comentou que o período “dos Incas aos Conquistadores espanhóis” compôs um momento histórico "muito fascinante", sugerindo a possibilidade de um jogo futuro que abordasse os conflitos do contato entre as civilizações pré-colombianas e os colonizadores europeus.

Vale lembrar que o próprio Brasil já fez uma breve aparição em um título anterior da série, Assassin's Creed 3 (2012). O game contava com uma missão específica que era ambientada em São Paulo.

Com informações de The Gamer

Ubisoft é a maior empresa dos games? Comente no Fórum do TechTudo.

PS5: saiba tudo sobre o novo console

PS5: saiba tudo sobre o novo console

Mais do TechTudo