Wearables

Por Pedro Cardoso, para o TechTudo

Divulgação/Xiaomi

A pulseira fitness Mi Smart Band 6 vendeu 1 milhão de unidades em menos de um mês, de acordo com o CEO e fundador da Xiaomi. O aparelho foi anunciado ao lado dos celulares Mi 11 Pro e Mi 11 Ultra em 29 de março e as vendas se iniciaram no dia 2 de abril. Lei Jun aproveitou para celebrar a conquista numa rede social.

A sucessora da Mi Band 5 – também chamada de Mi Band 6, apesar do nome oficial ser mais complexo – conta com novidades principalmente na tela, cuja área visual está 50% maior. A densidade fica em 325 pontos por polegada.

Mi Smart Band 6 vem com tela maior e detecta mais exercícios — Foto: Divulgação/Xiaomi

A Mi Smart Band 6 traz tecnologia AMOLED na composição do seu display, que tem 1,56 polegada de tamanho. Além disso, o dispositivo reconhece 30 modos de atividades físicas, com direito a sensor de SpO2, que pode conferir a oximetria do usuário, e a monitoramento cardíaco.

A nova smartband tende a rastrear melhor os movimentos do usuário durante os treinos por causa do GPS integrado. A Xiaomi também assegura que a Mi Band 6 pode monitorar o sono de forma mais acurada, trazendo dados mais precisos de seu comportamento durante a noite.

A Mi Smart Band 6 está à venda na China em duas versões: com NFC por US$ 43 e sem NFC por US$ 35. Dá R$ 234 e R$ 190 em conversão direta, respectivamente. O produto não tem previsão de lançamento no Brasil.

O site da Xiaomi no Brasil ainda vende a Mi Smart Band 5 pelo preço promocional de R$ 429. O aparelho fez sucesso em nosso review.

Com informações de GizmoChina

Tudo sobre o Galaxy A52

Tudo sobre o Galaxy A52

Mais do TechTudo