Celulares

Por Isabele Scavassa, para o TechTudo

Divulgação/Samsung

A Samsung está em primeiro lugar no ranking de remessas globais de celulares, segundo acompanhamento da empresa Strategy Analytics. A Apple também se destaca em segundo lugar e a Xiaomi, que ficou em terceiro. Os resultados se baseiam nas movimentações do primeiro trimestre de 2021.

A classificação atual mostra uma mudança significativa dos resultados do segundo trimestre do ano passado, quando Huawei estava no topo do ranking. Em 2019, a fabricante chinesa chegou a ultrapassar a Apple em vendas globais. Agora, na contramão dos anos anteriores, a gigante chinesa não figura no top 5.

Remessas globais de smartphones: primeiro trimestre de 2020 contra primeiro trimestre de 2021 — Foto: Reprodução/Strategy Analytics

A Samsung conquistou um salto expressivo no primeiro trimestre deste ano. Os números da fabricante foram de 58 milhões para 77 milhões de unidades vendidas em comparação com o primeiro trimestre de 2020. A Apple, por sua vez, vai de 39 milhões para 57 milhões. Em terceiro lugar na classificação, a Xiaomi eleva seus números de 28 para 49 milhões, um aumento de 5% na participação de mercado.

Houve um aumento de 24% na venda de celulares em geral em 2021, na comparação com mesmo período de 2020. Aplicando em números, isso significa uma remessa de 340 milhões de smartphones. Esse é um contraponto significativo à queda nos números em 2020, em especial no começo da pandemia.

Tudo sobre o iPhone 12

Tudo sobre o iPhone 12

Os números crescentes podem ser explicados por dois tipos de demandas: as de consumidores que buscavam substituir aparelhos já antigos e aqueles que procuram aparelhos compatíveis com 5G. Nesse sentido, o mercado chinês teve uma movimentação em prol da adesão de aparelhos com a internet de quinta geração, um dos motivos para alta de 35% no país.

O diretor executivo da Strategy Analytics, Neil Mawston, comenta que o desempenho da Samsung no trimestre é resultado da linha Galaxy A, renovada neste ano com opções que trazem 4G ou 5G, mas também conta com influência da venda da linha Galaxy S21, lançada no começo de 2021.

Com informações de SamMobile e Strategy Analytics

Tudo sobre o Samsung Galaxy A52

Tudo sobre o Samsung Galaxy A52

Mais do TechTudo