Por Rafael Monteiro, para o TechTudo


O PlayStation (PS4), o Xbox One, o Nintendo Switch e os PCs têm em média três vezes mais bactérias do que o assento de um vaso sanitário - pelo menos é isso que diz um estudo promovido pelo site da Betway. A pesquisa foi feita pelo laboratório MCS, que analisou amostras aleatórias de 12 consoles (quatro de cada) e quatro computadores, além de um vaso sanitário e uma mesa de cozinha. Com isso, foi revelado que consoles são muito mais sujos que o assento sanitário, inclusive em seus joysticks (com exceção dos gatilhos L e R do Xbox One).

Joysticks do Xbox One e PS4 acumulam grande número de bactérias — Foto: Murilo Molina/TechTudo

Quer comprar jogos, consoles e PCs com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Na pesquisa, foram colhidas amostras das superfícies de cada console, joystick e PC para realizar o teste de cultura de bactérias. Cada objeto testado é medido por um número de "unidades formadoras de colônia", em que mais unidades constatadas significam um maior número de bactérias presentes.

O assento do vaso sanitário tinha em média 30 dessas unidades de colônia, enquanto o PlayStation 4 tinha 72,5, seguido pelo Xbox One com 62,5. Entre os consoles, o Switch foi o mais limpo, com 55. O PC foi o eletrônico mais sujo, com um valor de 165. A maior surpresa, no entanto, ficou com a mesa de cozinha, com 265 unidades.

A contagem de bactérias do PlayStation 4 aumenta bastante em diferentes partes. Os joysticks foram os mais sujos em seus botões, partindo de 190 unidades e, em casos extremos, chegando a 650. No Xbox One, as abas do controle chegavam ao valor de 82,5. Seus gatilhos, porém, foram uma grande surpresa, com apenas 15 unidades. O Switch, apesar de sua portabilidade, mostrou-se o menos sujo tanto no console quanto nos Joy-Cons, com o número de 62,5.

Comparativo entre o PlayStation e o Xbox — Foto: Divulgação/Betway

O PC se mostrou um dispositivo muito mais sujo do que os consoles. Embora muitas vezes o teclado leve a fama de menos limpo, ele teve em média 165 unidades, enquanto o mouse chegou a 247,5. Um ponto que chama atenção no computador é que até mesmo o botão de ligar teve 115 unidades. O PC e o Xbox One tiveram alguns casos isolados, em que um teclado chegou a apresentar 3,5 mil unidades formadoras de colônia, e um joystick, mais de 5,6 mil. O número alto, no entanto, não foi registrado em outros aparelhos da amostra.

PCs são ainda mais sujos do que consoles, diz pequisa — Foto: Divulgação/Betway

A maior parte das bactérias encontradas nos videogames, joysticks e PCs eram inofensivas e não causavam doenças. No entanto, é importante manter seus dispositivos eletrônicos limpos para evitar os micro-organismos que realmente podem causar problemas. Para fazer a limpeza, é possível usar um pano úmido com água ou até mesmo produtos específicos para limpar a parte externa dos eletrônicos. Vale lembrar que é essencial ter cuidado com líquidos, e não exagerar na quantidade utilizada.

Com informações de Betway e MCS

5 jogos com os melhores gráficos do PS4 e Xbox One

5 jogos com os melhores gráficos do PS4 e Xbox One

Mais do TechTudo