Smartwatches

Por Filipe Garrett, para o TechTudo

Reprodução/Apple

O Watch Series 6 é o relógio top de linha da Apple, substituto do Watch Series 5. Equipado com eletrocardiograma (ECG), oxímetro para medir oxigenação e detector de quedas, ele oferece também acompanhamento de atividades físicas e exercícios com reconhecimento de atividades como caminhada, corrida e bicicleta. O relógio também vem com tela Always On, opções com acesso à rede 4G e promessa de bateria para 18 horas de uso. Lançado por R$ 5.299 na versão menor – de 40 mm –, o produto já se encontra a R$ 2.731 no momento. Já a versão de 44 mm é vista por R$ 3.179.

Apple Watch Series 6 ganhou mais cores e manteve tela OLED — Foto: Divulgação/Apple

Ficha técnica Apple Watch Series 6:

  • Tela: OLED de 1,5 polegada (40 mm) ou 1,7 polegada (44 mm)
  • Resolução de tela: 324 x 394 pixels (40 mm) ou 448 x 368 pixels (44 mm)
  • Proteção: Vidro de cristais de safira
  • Processador: Apple S6 dual-core
  • Memória RAM: não informado
  • Armazenamento: 32 GB
  • Conectividade: 4G (dependendo da versão), Bluetooth 5.0, Wi-Fi 4 (802.11bgn), NFC e GPS
  • Sensores: Acelerômetro, barômetro, altímetro, giroscópio, bússola, sensor de luz, sensor de ruído, oxímetro e eletrocardiograma,
  • Sistema operacional: watchOS 7.0 (atualização para 7.4.1 disponível)
  • Bateria: para 18 horas com carregamento sem fio
  • Dimensões: 40 x 34 x 10,7 mm (40 mm) e 44 x 38 x 10,7 mm (44 mm)
  • Peso: 30,5 gramas (40 mm) e 36,5 gramas (44 mm)
  • Cores disponíveis: cinza espacial, prata, dourado, azul e vermelho
  • Lançamento: setembro de 2020
  • Preço: a partir de R$ 2.731

Tela e design

O Watch Series 6 oferece uma tela com tecnologia OLED – a mesma dos iPhones – com 1,78 polegadas e resolução máxima de 448 x 368 na versão de 44 mm, o que classifica o visor como Retina. Com isso, a tela garante uma densidade de 326 pixels por polegada, nível de definição necessário para que pixels individuais sejam indistinguíveis ao usuário.

A versão de 40 mm tem tela naturalmente menor, mas ainda assim registra a mesma definição. O display também oferece recurso Always On em que a tela pode ficar ativa o tempo todo, diferencial que não aparece, por exemplo, no Watch SE, mais em conta.

O design externo do Series 6 muda pouco em relação ao modelo anterior. O relógio continua resistente a mergulhos de até 50 metros de profundidade e oferece uma construção com opções em alumínio, titânio e aço inoxidável, com tela revestida por safira para maior resistência tanto a impactos como a riscos. A Digital Crown – coroa sensível ao toque que permite interagir com o sistema operacional – permanece.

Com pulseiras intercambiáveis, além da opção loop solo, que se ajusta sozinha ao pulso para maior conforto, o Watch Series 6 está disponível em prata, dourado, cinza, azul e vermelho.

Smartwatch AX1 é bom? Tire suas dúvidas no Fórum do TechTudo

Apple promete 18 horas de autonomia da bateria — Foto: Divulgação/Apple

Bateria

Como é tradicional em seus produtos, a Apple é reticente a respeito de dados crus de ficha técnica, como a capacidade bruta em mAh da bateria. A marca se limita a afirmar que o Series 6 vem com uma unidade interna que o permite operar por até 18 horas com uma carga completa.

A recarga se dá exclusivamente por meio de indução com um cabo com carregador que é vendido acompanhado do Series 6.

Desempenho

O Series 6 vem equipado com processador Apple S6, criado pela maçã especificamente para o gadget. Segundo a Apple, o processador dual-core é até 20% mais rápido do que o S5, usado no Series 5 e também no SE.

Como é um smartwatch independente do celular, o Series 6 permite instalação de apps e possibilita que o usuário armazene dados internamente. O relógio conta com 32 GB de espaço interno para informações, com uma porção desse total reservada para o sistema operacional.

Saúde e qualidade de vida

Apple Watch 6 acompanha prática esportiva e tem sensores de qualidade de vida e saúde — Foto: Divulgação/Apple

O Watch Series 6 vem bem servido de recursos de qualidade de vida e acompanhamento de indicadores de saúde do usuário. O relógio oferece, por exemplo, eletrocardiograma (ECG), que pode monitorar a frequência cardíaca e detectar anomalias de forma mais precisa do que sensores com aplicação similar, mas que usam um tipo de leitura óptica. O modelo também conta com monitor de nível de oxigenação do sangue.

Outra ferramenta famosa do acessório é o detector de quedas. Ele consegue perceber quando o portador do dispositivo levou um tombo e pode até alertar equipes de resgate e serviços de emergência. Esse tipo de funcionalidade já se comprovou útil e algo além da simples curiosidade, com relatos de vidas que foram salvas pela intervenção do relógio.

De resto, o Watch Series 6 vem com funcionalidades que são mais ou menos típicas em produtos do mesmo gênero: há monitor de qualidade do sono, indicadores de níveis de ruído no ambiente, além de aplicativos e funções para acompanhamento de prática esportiva – além disso, o usuário pode recorrer a apps dedicados a essas funções.

Sistema e recursos

Relógio vem com oxímetro que mede níveis de oxigenação no sangue — Foto: Divulgação/Apple

O Series 6 sai de fábrica com o wacthOS 7 instalado, mas já pode ser atualizado para o watch 7.4.1, versão mais recente do sistema operacional para relógios da Apple no momento. Top de linha da Apple entre os vestíveis, o Series 6 é um relógio inteligente que não depende do celular para funcionar, sobretudo na versão 4G, que se conecta a redes de telefonia por meio de chip eSIM interno. Há também modelos sem essa capacidade cuja conectividade é restrita ao Wi-Fi e a redes 4G por meio de um smartphone próximo.

Com conectividade às redes de telefonia, o relógio possibilita acesso à Internet, mas também a serviços de mensagens e realização de chamadas telefônicas. Embora não precise de um iPhone por perto, o Series 6 pode reproduzir notificações do telefone.

O dispositivo também possui Wi-Fi 4 (802.11bgn), Bluetooth 5.0 (é possível conectá-lo a AirPods para ouvir música e podcasts via Apple Music), NFC e compatibilidade com serviços de pagamento por aproximação e, a exemplo de outros produtos da Apple, conta com suporte integral à Siri.

Preço e disponibilidade

O Apple Watch Series 6 foi lançado pela Apple em setembro de 2020 e chegou ao mercado brasileiro em meados de outubro. Naquela altura, o produto tinha preço sugerido de R$ 5.299, valor que se mantém à versão de entrada do relógio em versão de 40 mm com conectividade GPS. O modelo GPS + redes celular de 40 mm sai por R$ 6.499 na loja oficial da marca.

Quem preferir tela maior paga mais. O Watch Series 6 de 44 mm com GPS começa em R$ 5.649 na loja da maçã, enquanto que a versão com redes de telefonia sai por R$ 6.849. No marketplace da Amazon, é possível encontrar o modelo de 44 mm com GPS por preços a partir de R$ 3.179. Já o modelo de 40 mm com GPS aparece por R$ 2.731.

Com informações de Apple

Nota de transparência: Amazon e TechTudo mantêm uma parceria comercial. Ao clicar no link da loja, o TechTudo pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação. Os preços mencionados podem sofrer variação.

Mais do TechTudo