Jogos de aventura

Por Rafael Monteiro, para o TechTudo


Kena: Bridge of Spirits é um game de aventura em terceira pessoa anunciado para o PlayStation 5 (PS5), PlayStation 4 (PS4) e PC (via Epic Games Store). A gameplay coloca o player para acompanhar uma jovem guia de espíritos que precisa salvar um vilarejo de uma estranha maldição que o corrompe. O jogo tem data de lançamento prevista para dia 24 de agosto de 2021 e preços de R$ 214,90 nos consoles da Sony, e R$ 190,99 no PC.

Apesar de um exclusivo para PlayStation e PC em seu lançamento, existe a expectativa de que o jogo também chegue para Xbox Series X/Series S, Xbox One e Nintendo Switch no futuro. Confira, a seguir, as principais informações divulgadas sobre o título até agora, além de seus requisitos mínimos para download no computador.

Kena: Bridge of Spirits tem o lançamento previsto para o dia 24 de agosto de 2021 — Foto: Divulgação/Ember Lab

A Ember Lab

O desenvolvimento de Kena: Bridge of Spirits está nas mãos da Ember Lab, um estúdio independente com pouca experiência em games de grande porte, mas com bagagem em filmes e animação. Fundada pelos irmãos Josh e Miker Grier, a empresa ficou conhecida por produzir uma animação criada por um fã na Internet, chamada "Majora's Mask - Terrible Fate", e baseada na franquia The Legend of Zelda da Nintendo. O vídeo teve mais de 10 milhões de visualizações e é possível ver as influências da série da Nintendo em Kena, o primeiro game original da produtora.

Kena: Bridge of Spirits é um jogo de ação e aventura sobre guiar espíritos para o pós-vida — Foto: Reprodução/PlayStation Blog

História

Kena é uma jovem guia espiritual viajante que descobre um vilarejo em seu caminho, assolado por uma maldição. Nele há um templo repleto de máscaras de madeira, que deveriam honrar espíritos que se foram e se decompor com os anos. Elas, no entanto, permanecem intocadas após muito tempo. Esse fato indica que algo está errado com a ordem natural das coisas e Kena precisa tentar consertar isso.

A história de Kena: Bridge of Spirits desafia a jovem guia espiritual a restaurar a ordem natural com a ajuda dos Rots — Foto: Reprodução/Epic Games Store

Para restaurar o equilíbrio da natureza o jogador precisará reunir os "Rots", criaturinhas pretas e fofinhas que podem ser encontradas pelo mundo (os criadores do game os compararam aos Toads da série Paper Mario). Eles são responsáveis pela decomposição da matéria, e o fato de os Rots estarem espalhados pelo mundo significa que eles não têm realizado seu trabalho direito.

O subtítulo do game, "Ponte dos Espíritos" (Bridge of Spirits), parece se referir à própria Kena, que precisa tentar ajudar os espíritos que ficaram para trás ao descobrir quais traumas os prendem, para assim poderem seguir adiante. Os espíritos que se recusam a partir acabam sendo tomados pela corrupção e se tornam criaturas agressivas que atacam Kena pelo caminho.

O mundo do jogo terá locais que prestam homenagem a locais do oriente, como o Japão e Bali. Os criadores do game ressaltaram que Kena não é desse lugar, ela veio de uma região bem mais distante. Não foi mencionada uma estimativa de duração para a campanha, mas a Ember Lab mencionou que o título poderia ser concluído "em um final de semana", com atividades extras para quem quiser jogar mais.

Em Kena: Bridge of Spirits os Rots são pequenas criaturinhas pretas responsáveis pela decomposição natural das coisas — Foto: Reprodução/Epic Games Store

Qual seu jogo indie favorito? Comente no Fórum do TechTudo.

Gameplay

A aventura de Kena se dará em áreas vastas, porém Bridge of Spirits não é um jogo de mundo aberto. O vilarejo no começo do game será uma espécie de central que conecta o usuário as outras partes do game. A base da jogabilidade é um misto de ação, aventura e plataforma em terceira pessoa na qual o usuário terá desafios de combate, raciocínio e capacidades de salto.

Há duas faces para a jogabilidade: Kena e os Rots. A jovem guia espiritual utiliza um cajado para atacar com golpes leves e pesados, além de lançar magias e um escudo de bolha. Seu cajado também pode ser utilizado como um arco e flecha, que no PlayStation 5 utiliza os gatilhos com resistência do Dual Sense para fazer o jogador sentir a tensão na corda do arco. Durante a aventura o jogador poderá melhorar suas habilidades.

Kena: Bridge of Spirits apresenta inimigos na forma de espíritos tomados pela corrupção e Kena tem vários tipos de ataques para enfrentá-los — Foto: Reprodução/Epic Games Store

Os Rots estarão espalhados pelo mundo, e cada vez que o jogador encontra um deles, aumentará seu time permanentemente. Nas batalhas, os Rots podem distrair inimigos, descobrir fraquezas e até criar efeitos especiais em seu ataque para causar mais impacto. Eles não morrem, porém, não é possível deixar todo o trabalho para os Rots. É preciso atacar os inimigos para as criaturinhas se sentirem corajosas o bastante para agir com o jogador.

Fora dos combates, os Rots podem ser usados para mover blocos e outros tipos de objeto, como uma ponte, para acessar áreas antes inalcançáveis. Assim que uma área for libertada da corrupção, o jogador também pode retornar e encontrar novos elementos que não estavam lá antes. Os Rots também poderão ser personalizados com chapéus encontrados pelo jogo ou comprados com gemas. Não haverá microtransações para compra de cosméticos.

Fora dos combates de Kena: Bridge of Spirts os Rots podem ser usados para resolver quebra-cabeças e mais — Foto: Reprodução/Epic Games Store

Data de lançamento

O lançamento de Kena: Bridge of Spirits em agosto é bastante esperado pelos fãs, que já tiveram dois atrasos na chegada do game. O jogo foi apresentado pela primeira vez em 11 de junho de 2020 durante o evento PlayStation's Future of Gaming, da Sony, na mesma época que seria realizada a feira de jogos E3, que foi cancelada devido à pandemia.

Inicialmente, Kena: Bridge of Spirits seria lançado no final de 2020, porém a produtora Ember Lab adiou o game e postou uma mensagem em sua conta de Twitter, citando a quarentena como um dos motivos para o atraso. A nova previsão de lançamento foi para o primeiro trimestre de 2021, mas um segundo adiamento durante uma apresentação State of Play o levou para a atual data, de 24 de agosto.

Plataformas

Inicialmente, Kena: Bridge of Spirits está confirmado para PlayStation 5, PlayStation 4 e PC. Trata-se de um exclusivo por tempo limitado nos consoles, o que significa que ele pode dar as caras em outras plataformas, como o Xbox Series X/Series S, Xbox One ou Nintendo Switch, após um período não determinado, como talvez um ano. No entanto, não há confirmação e a produtora normalmente não pode comentar sobre outras versões durante o período de exclusividade.

Jogadores que adquirirem Kena: Bridge of Spirits no PlayStation 5 (PS5) podem esperar um visual mais exuberante — Foto: Reprodução/Epic Games Store

A Ember Lab comentou que Kena: Bridge of Spirits não foi um jogo pensando para o PlayStation 5. Eles já tinham a base do game no PS4 e depois usaram o poder extra do PS5 para melhorar a experiência. No PS5 o game promete ter loadings mais rápidos, além de uma floresta mais densa e exuberante, rica em detalhes.

Os Rots, por sua vez, terão sua representação visual limitada no PS4. Mesmo que o jogador encontre todos os 100 Rots, eles não aparecerão no PS4, mas no PS5 sim. O jogador ainda poderá usá-los em golpes e outras funções e eles terão a mesma eficácia, apenas a parte estética será diferente.

Requisitos mínimos

Requisitos mínimos & recomendados de Kena: Bridge of Spirits

Requisitos mínimos Configuração recomendada
Sistema operacional: Windows 7, 8.1, 10 (64 Bits) Windows 7, 8.1, 10 (64 Bits)
Processador: Intel Core i3-3220 ou AMD FX-6100 Intel Core i7-6700K ou AMD Ryzen 7 1700
Memória RAM: 8 GB 16 GB
Placa de vídeo: Nvidia Geforce GTX 650 ou AMD Radeon HD 7750 Nvidia GTX 1070 ou AMD RX Vega 56
DirectX: 11 11
Armazenamento: 25 GB de espaço disponível 25 GB de espaço disponível

*Nota de transparência: Aliexpress e TechTudo mantêm uma parceria comercial. Ao clicar no link da loja, o TechTudo pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação. Os preços mencionados podem sofrer variação e a disponibilidade dos produtos está sujeita aos estoques.

Vale a pena comprar um ps4 em 2021?

Vale a pena comprar um ps4 em 2021?

Mais do TechTudo