Segurança

Por Clara Fabro, para o TechTudo


O Google baniu pelo menos nove aplicativos da Play Store na última semana. Os programas se disfarçavam de apps utilitários de edição de fotos, exercícios, horóscopo e otimização de desempenho para para roubarem as credenciais de login do Facebook de usuários com um golpe de phishing. As informações são do portal de segurança digital Dr. Web e, segundo o site especializado, os apps foram baixadas mais de 5,8 milhões de vezes.

Play Store bane apps baixados mais de 5,8 milhões de vezes — Foto: Rodrigo Fernandes/TechTudo

Play Store aparece desatualizada: como resolver? Descubra no Fórum do TechTudo.

De acordo com o portal, os aplicativos maliciosos solicitavam login no app com as credenciais do Facebook para liberar funções extras ou para interromper a exibição de anúncios. Assim, quando um usuário acessava a página e informava seus dados, os criminosos por trás da plataforma usavam um malware para roubar o e-mail e a senha de acesso do Facebook das vítimas.

Na prática, o golpe funcionava como uma espécie de phishing. Usando a página legítima de acesso ao Facebook, os criminosos conseguiram burlar os sistemas de proteção da Google Play Store e roubar as credenciais de acesso à rede social. Todos os aplicativos maliciosos detectados pelos analistas do portal ofereciam recursos úteis e funcionavam regularmente. Segundo o site, esse pode ter sido um dos motivos pelos quais usuários não suspeitaram das plataformas.

Em posicionamento enviado ao site americano Ars Technica, o Google informou que também baniu os desenvolvedores dos aplicativos de sua loja oficial. Segundo o gigante das buscas, a partir de então eles não poderão mais submeter apps à Play Store. No entanto, como lembra o site, é possível que esses mesmos desenvolvedores criem outros perfis e disponibilizem novos apps maliciosos na Play Store. Portanto, é preciso ter cautela ao baixar apps de desenvolvedores desconhecidos na loja do Google.

Saiba se proteger

O portal de segurança digital Dr. Web dá algumas dicas para se proteger e evitar golpes do tipo. Segundo o site especializado, é importante baixar apps apenas de fontes confiáveis e que sejam fornecidos por desenvolvedores conhecidos. Além disso, também é interessante se ater a avaliações deixadas por outros usuários nas páginas dos aplicativos, já que elas podem indicar algumas atividades suspeitas das plataformas.

Com informações de Dr. Web, Ars Technica e Engadget

Google Play Store: como resolver os principais problemas

Google Play Store: como resolver os principais problemas

Mais do TechTudo