Computadores

Por Filipe Garrett, para o TechTudo


Mac Mini com M1 é um desktop da Apple à venda no Brasil que promete superar o desempenho daversão anterior com Core i5 ou Core i7 da Intel. Segundo a fabricante, o mini PC deve ser suficiente para trabalhos de produtividade e até mesmo edição de fotos e vídeos. Outro ponto de destaque da presença do processador de fabricação própria da marca é a eficiência energética: a maçã fala em consumo até três vezes menor em relação a chips da fabricante de CPUs.

O mini PC aparece por preços a partir de R$ 6.999 no varejo nacional, trazendo 8 GB de RAM e 256 GB de armazenamento em SSD. O valor fica abaixo dos R$ 7.779 cobrados pelo MacBook Air mais em conta no varejo com as mesmas especificações – mas que vem completo, com tela, teclado e trackpad. A seguir, confira mais detalhes de ficha técnica, design e preços do Mac Mini com M1.

Mac Mini com M1 mantem design tradicional da linha e aposta em mudanças no interior — Foto: Divulgação/Apple

Ficha técnica Apple Mac Mini:

  • Lançamento: Dezembro de 2020
  • Preço: a partir de R$ 6.999
  • Processador: Apple M1 com oito núcleos (CPU) e GPU também de oito núcleos
  • Memória RAM: 8 ou 16 GB
  • Armazenamento: 256, 512 GB, 1 ou 2 TB
  • Portas e interfaces: duas USB 4 com Thunderbolt 4, duas USB, HDMI 2.0, P2 (3,5 mm), RJ-45 (Gigabit), Bluetooth 5.0 e Wi-Fi 6 (802.11ax)
  • Dimensões e peso: 19,7 x 19,7 x 3,6 cm; 1,2 kg

Design

O Mac Mini é um desktop compacto com design que não é intrusivo, sendo pensado para simplesmente “desaparecer” no escritório ou em casa. Com acabamento em alumínio, o computador da Apple é vendido na cor prata.

Do ponto de vista de conectividade, o Mac Mini com M1 é bem completo. Diferente dos MacBooks Air e Pro atuais, o modelo tem uma boa oferta de interfaces, trazendo duas portas USB-C com Thunderbolt 4, duas USB do tipo A, saída para fones de ouvido de 3,5 mm, HDMI com suporte para 4K e RJ-45. Já nos padrões sem fio, o computador conta com Bluetooth 5.0 e Wi-Fi 6.

Desempenho

A atual geração do Mac Mini já conta com processador de fabricação própria da Apple. O chip M1 tem oito núcleos de processamento e uma GPU integrada também com oito núcleos. A fabricante não entra em muitos detalhes técnicos sobre o chip, como clock base, velocidade máxima, entre outros aspectos.

Processador M1 do Mini é o mesmo dos MacBooks e iMac — Foto: Divulgação/Apple

Segundo a maçã, o processador M1 é até três vezes mais rápido do que as unidades Intel de oitava geração que vinham montadas na versão anterior do Mac Mini. Nos gráficos, o salto também é expressivo: a GPU da fabricante rende até seis vezes mais do que a placa gráfica integrada Intel UHD Graphics 630 do modelo anterior.

O Mini pode ser encontrado no mercado com 8 ou 16 GB de memória RAM. No armazenamento, é possível configurar o modelo com até 2 TB em SSD no site oficial da marca, que oferece a versão mais simples com 256 GB – no varejo, as opções começam em 512 GB.

Recursos

O computador compacto da Apple tem performance para rivalizar com PCs bem mais caros e que, no papel, seriam mais poderosos. Ao usar o mesmo processador de um MacBook Pro ou do novo iMac, o Mac Mini deixa de ser só um desktop de entrada simples e pode ser posicionado como um computador mais versátil, capaz de dar conta de trabalhos mais pesado.

Novas versões do macOS para M1 permitem rodar apps e games de iPhone (iOS) — Foto: Reprodução/Apple

Além do perfil de performance que melhora com o novo M1, o modelo atual também se beneficia da total integração entre macOS e iOS. Como o processador de fabricação própria da Apple usa arquitetura e conjunto de instruções ARM, o Mac Mini passa a ser naturalmente compatível com apps e games disponíveis para iPhone, permitindo instalação e uso nativo de conteúdos do tipo.

Outra virtude do M1 está na promessa de operação silenciosa. Embora as gerações anteriores com Intel nunca tenham sido criticadas por serem barulhentas, a marca fala em um chip mais econômico no consumo e que gera menos calor mesmo quando submetido a trabalhos pesados. O resultado um gasto 60% menor, de acordo com a Apple, o que reflete na temperatura e no pouco ruído no dia a dia.

Limitações

Baixo consumo, design compacto, processador poderoso e sistema operacional que permite rodar apps de iPhone parecem grandes trunfos do Mac Mini. Mas, antes de comprar, é preciso ter em mente alguns pontos.

Usuário precisa providenciar teclado, mouse e monitor para usar o Mac Mini — Foto: Divulgação/Apple

O primeiro deles é que o Mac Mini vem sozinho na caixa: você terá de providenciar teclado, mouse e um monitor para o computador, fatores que podem pesar no orçamento final – a um ponto em que a proposta deixa de ser tão interessante, dependendo das escolhas.

Outra questão importante referente ao Mini é que o sistema, assim como outros computadores da Apple, não é tão amigável a upgrades. Tanto memória RAM como SSD são soldados na placa-mãe da unidade, tornando praticamente impossível para usuários comuns a substituição ou troca dos componentes por versões de maior capacidade.

Preço

Na loja oficial da Apple, o Mini sai por valores que começam em R$ 8.699 na versão de 8 GB de memória RAM e 256 GB de espaço em disco. Para 512 GB com 8 GB de RAM o valor vai a R$ 11.199, valor bem acima dos R$ 8.106 cobrados em algumas lojas do varejo pela mesma opção de hardware. Na variante mais simples, com menos espaço de armazenamento, as ofertas começam em R$ 6.999 no momento.

Olhando para o Mac Mini de entrada, o valor do computador fica bem perto dos preços mais baixos para o MacBook Air (começando em R$ 7.779 na Amazon), que vem com o mesmo processador e especificações gerais, além de teclado, tela e trackpad integrados. No Mac Mini, esses recursos precisam ser comprados à parte, e a conta pode deixar o sistema mais caro, dependendo do que você já tem em mãos.

Nota de transparência: Amazon e TechTudo mantêm uma parceria comercial. Ao clicar no link da loja, o TechTudo pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação. Os preços mencionados podem sofrer variação e a disponibilidade dos produtos está sujeita aos estoques.

Mais do TechTudo