Por Rafael Monteiro, para o TechTudo

Divulgação/Nintendo

Nintendo Switch e Steam Deck são duas opções de console que funcionam de forma portátil. Enquanto o primeiro está há algum tempo no mercado e sai por a partir de R$ 2.124 no Brasil, o modelo mais recente foi anunciado no dia 15 de julho pela Valve, responsável pela plataforma Steam, e tem lançamento previsto para dezembro de 2021. O aparelho é um PC portátil com tela e controles de videogame, muito parecido com o console híbrido da Nintendo.

O Steam Deck já teve seu preço divulgado: a partir de US$ 399 (por volta de R$ 2.032, sem impostos), porém ainda não tem data para chegar ao Brasil, e tampouco um valor definido para o mercado nacional. Veja a seguir o comparativo de ficha técnica dos dois consoles portáteis e saiba qual deles é melhor para você.

O Steam Deck é um novo aparelho anunciado pela Valve, mais potente que o Nintendo Switch e capaz de rodar jogos da loja Steam — Foto: Reprodução/Steam Deck

Qual é mais potente?

O Steam Deck traz um hardware bem mais poderoso que o Nintendo Switch. Além de mais recente, o dispositivo vem com tecnologias como processador de arquitetura Zen 2 da AMD, além de armazenamento entre 64 GB (o dobro do Switch) e 512 GB. Na memória RAM, o console deve trazer 16 GB com o novo padrão DDR5, enquanto o modelo da Nintendo vem com 4 GB DDR4.

Isso deve significar maior capacidade na hora de rodar jogos que o Switch não seria capaz, como Control, Star Wars Jedi: Fallen Order e No Man's Sky, entre outros. Toda essa potência também significa um preço mais alto: o Steam Deck básico deve chegar custando o dobro do modelo mais barato do Nintendo Switch.

Hardware

O processador de arquitetura Zen 2 do Steam Deck é um quad-core capaz de atingir entre 2,4 e 3,5 GHz de velocidade. Já sua placa de vídeo contará com 8 unidades de computação RDNA 2, também da AMD, capazes de até 1,6 Teraflops (uma forma de medir potência bruta de placas de vídeo). Tudo isso com 16 GB de memória RAM no mais recente DDR5. A capacidade da placa de vídeo pode não parecer impressionante quando comparada a dispositivos mais poderosos como o Xbox Series S, por exemplo, que tem capacidade de 4 Teraflops. Ainda assim, é bem maior que a do Nintendo Switch.

O Steam Deck possui um hardware impressionante que supera facilmente o do Nintendo Switch — Foto: Reprodução/Steam Deck

O console da Nintendo utiliza um processador Tegra X1 da Nvidia que também atua como placa de vídeo ao mesmo tempo. O chip possui clock de 1 GHz, enquanto a GPU integrada tem 738 MHz e capacidade aproximada de 400 Gigaflops (1 Teraflop = 1.000 Gigaflops). O Nintendo Switch também possui apenas 4 GB de memória RAM DDR4, quatro vezes menos e uma geração atrás em relação ao Steam Deck.

Tela, tamanho e peso

O Steam Deck possui uma tela LCD de 7 polegadas com resolução 1280 x 800p (16:10), enquanto o rival utiliza um display semelhante, mas com 6,2 polegadas e HD (1280 x 720p). Ambas são sensíveis ao toque. A princípio, há pouca diferença entre os dois modelos, mas a Nintendo recentemente anunciou um novo modelo de Switch com tela OLED, que oferece cores muito mais vibrantes e maior resolução.

O preço, por sua vez, também sobe: US$ 349 (aproximadamente R$ 1.777, sem impostos), um pouco abaixo do que vai custar o Steam Deck. Vale ressaltar que a versão está prevista para chegar ao Brasil em 2022.

O Steam Deck é apenas um pouco maior que o Nintendo Switch, com tela maior, porém pesa mais de meio quilo — Foto: Reprodução/Steam Deck

Nas dimensões, o Steam Deck possui 298 mm x 117 mm x 49 mm, enquanto o Nintendo Switch conta com 238,76 mm x 101,6 mm x 13,97 mm. Um fator onde a potência do Steam Deck causa uma desvantagem é no peso, com 669 gramas, bem mais que as 399 gramas do Switch. O peso de um portátil pode fazer diferença em sessões longas de jogo.

Armazenamento

Em seu modelo mais básico, o Steam Deck vem com armazenamento de 64 GB eMMC, mas também deve chegar em duas outras versões, mais caras: uma com 256 GB SSD NVMe por US$ 529 (em torno de R$ 2.694) e outra com 512 GB SSD NVMe por US$ 649 (por volta de R$ 3.305). O eMMC é um pouco mais lento que os modelos SSD, mas não muito. O Nintendo Switch, por sua vez conta com 32 GB de armazenamento em seu modelo padrão e 64 GB no novo modelo OLED.

Tanto o Steam Deck quanto o Nintendo Switch podem usar cartões micro SD para expandir seu armazenamento, mas no Steam Deck eles são mais essenciais — Foto: Reprodução/Steam Deck

A questão do armazenamento, no entanto, não se trata apenas de números. Ambos os aparelhos podem expandir sua capacidade com cartões microSD. O Nintendo Switch tem uma ligeira vantagem, pois seus jogos são otimizados, menores e há a possibilidade de usar jogos físicos em cartuchos. Já o Steam Deck depende unicamente de seu armazenamento para instalar os jogos de PC, que não costumam ser otimizados e ocupam muitos GB.

Jogos

Este ponto é onde os dois dispositivos mais divergem. O Steam Deck promete rodar a maioria dos jogos disponíveis na coleção dos usuários. Alguns títulos mais pesados, como Star Wars Jedi: Fallen Order, por exemplo, que não está disponível no Nintendo Switch, já foram inclusive demonstrados no console.

No entanto, sua placa de vídeo não parece ser potente o suficiente para rodar em alta qualidade jogos projetados para PlayStation 5 (PS5) e Xbox Series X, mesmo em uma resolução menor.

O Steam Deck impressiona ao rodar jogos do PC que o Nintendo Switch não seria capaz de rodar — Foto: Reprodução/Steam Deck

Ainda assim, o Steam Deck poderia ter acesso a mais jogos multiplataforma que o Nintendo Switch, além de acesso a jogos Indie que saem primeiro no PC e levam por volta de um ano para chegar aos consoles. Talvez a maior surpresa é que o Steam Deck nem mesmo ficará limitado à loja Steam. Jogadores poderão fazer compras também na Epic Games Store, segundo a Valve.

O Nintendo Switch, por outro lado, continua tendo vários títulos exclusivos da Nintendo, projetados especialmente para um tipo de público. Os consoles da empresa sempre tiveram esse diferencial e isso não deverá mudar. The Legend of Zelda: Breath of the Wild, considerado um dos melhores jogos da geração, pode ser jogado apenas no console da Nintendo. Sua sequência está marcada para 2022. Mais franquias famosas, como Mario, Metroid, Animal Crossing, entre outras, não poderão ser encontradas no Steam Deck.

A Nintendo conta com algumas das franquias mais tradicionais no mundo dos games exclusivamente em seus consoles — Foto: Reprodução/Nintendo

Preço

Enquanto o Steam Deck tem preço definido a partir de US$ 399 (por volta de R$ 2.032, sem impostos), o modelo padrão do Nintendo Switch sai por US$ 299,99 (em torno de 1.502) e é vendido oficialmente no Brasil por R$ 2.999. No e-commerce, o valor cai para ao menos R$ 2.124. Há também custos embutidos no Steam Deck.

O dispositivo da Valve, vale ressaltar, tem mais custos embutidos. Ele pode precisar de um cartão microSD para dar conta de jogos de PC, com arquivos maiores, além de um dock para conectar o dispositivo à TV, algo já previsto no valor final do Switch.

Além do preço inicial o Steam Deck pode exigir custos extras para um cartão micro SD e sua doca para conetar à TV — Foto: Reprodução/Steam Deck

O Switch tem um modelo mais caro disponível com o OLED Model, que sai a US$ 349,99 (aproximadamente R$ 1.777, sem impostos) e chegará ao Brasil apenas em 2022. Além desse, há ainda uma opção mais barata: o Nintendo Switch Lite, que perde algumas funcionalidades, como os controles destacáveis e a possibilidade de conectar à TV, mas custa apenas US$ 199 (R$ 1.013).

Conclusão

O Steam Deck é um dispositivo bastante interessante para usuários que queiram jogar seus games do PC em um dispositivo mais prático e portátil. Mas, é importante considerar que o preço no Brasil provavelmente será um pouco alto. Enquanto isso, o Nintendo Switch parece não competir diretamente com esse público e continua a oferecer suas experiências diferenciadas com franquias tradicionais. O Steam Deck tem toda a capacidade de virar algumas cabeças nos próximos anos, mas o Switch continua uma ótima opção para se divertir com os jogos tradicionais da Nintendo.

Ficha técnica Nintendo Switch vs Steam Deck

Nintendo Switch (padrão) Steam Deck (padrão)
Processador Tegra X1 (1 GHz) AMD Zen 2 quad-Core (2,4 a 3,5 GHz)
Placa de vídeo Tegra X1 768 MHz RDNA 2
Memória RAM 4 GB DDR4 16 GB DDR5
Armazenamento 32 GB 64 GB
Tela LCD 6,2 polegadas LCD 7 polegadas
Resolução 1280 x 720p (16:9) 1280 x 800p (16:10)
Tamanho 238,76 mm x 101,6 mm x 13,97 mm 298 mm x 117 mm x 49 mm
Peso 399 gramas 669 gramas

Com informações de Nintendo (1 e 2), Nintendo, Steam Deck (1 e 2), Steam Deck, Kotaku (1, 2 e 3), GameSpot, The Verge, Eurogamer, TechPowerUp, MetaCritic

ZELDA SKYWARD SWORD e BREATH OF THE WILD: Te ajudamos a escolher qual jogar!

ZELDA SKYWARD SWORD e BREATH OF THE WILD: Te ajudamos a escolher qual jogar!

Mais do TechTudo