Jogos de RPG

Por Rafael Monteiro, para o TechTudo


The Elder Scrolls Online é um RPG Online desenvolvido pela Bethesda onde jogadores podem explorar o grande continente de Tamriel em sua segunda era. O game faz parte da franquia conhecida por games como The Elder Scrolls 4: Oblivion, The Elder Scrolls 5: Skyrim e o futuro The Elder Scrolls 6. A versão online está disponível por R$ 83,50 para PlayStation 4 (PS4) e PlayStation 5 (PS5), R$ 62 para Xbox One e Xbox Series X/S e R$ 61,60 no PC, através da loja digital Steam. Vale ressaltar que o jogo não possui suporte ao idioma português.

The Elder Scrolls Online traz a tradicional experiência da série no formato de um MMORPG — Foto: Reprodução/Steam

A história de The Elder Scrolls Online se passa centenas de anos antes dos eventos retratados em capítulos mais recentes da série. A narrativa foca na disputa entre as três principais facções pelo controle de Tamriel: Daggerfall Covenant, Ebonheart Pact e Aldmeri Dominion, enquanto criaturas das trevas e outros acontecimentos ganham atenção nas expansões. Ocasionalmente, jogadores encontrarão também histórias e seres que nos games posteriores são mencionados como lendas.

A jogabilidade traz os tradicionais conceitos de liberdade da série The Elder Scrolls, bem aplicados à forma de um RPG em primeira ou terceira pessoa. O jogador começa como um prisioneiro e pode criar seu próprio personagem com diferentes opções de raças e classes. O mundo aberto oferece grande liberdade para o usuário ir aonde quiser e se aventurar sozinho ou com amigos sem se preocupar com inimigos muito poderosos, já que a força dos adversários é ajustada de acordo com o nível do jogador.

The Elder Scrolls Online traz combates contra inimigos que não são fortes demais ao ajustar sua força de acordo com o nível do jogador — Foto: Reprodução/Steam

Não é preciso pagar uma taxa mensal para jogá-lo, mas jogadores podem escolher pagar por um pacote de assinatura que garante algumas vantagens. As expansões do game também são vendidas separadamente e há a moeda virtual Crowns para algumas transações. Vale ressaltar que a expansão Morrowind se tornou parte do pacote básico gratuito, sendo oferecida sem custos aos usuários.

O upgrade para a nova geração nos consoles é gratuito, tanto do PS4 para o PS5 quanto do Xbox One para o Xbox Series X/S. Essas versões possuem melhorias como taxa de quadros de 60 fps, luzes, sombras e reflexos mais detalhados, loadings menores, entre outras mudanças. Confira a seguir os requisitos mínimos para o jogo para o PC e macOS.

Requisitos mínimos

The Elder Scrolls Online: Requisitos mínimos para Windows

Requisitos mínimos Configuração recomendada
Sistema operacional: Windows 7 (64 Bits) Windows 7 (64 Bits)
Processador: Intel Core i3 540 ou AMD A6-3620 Intel Core i5 2300 ou AMD FX4350
Memória RAM: 3 GB 8 GB
Placa de vídeo: Geforce 460 ou Radeon 6850 com 1 GB Geforce GTX 750 ou Radeon HD 7850 com 2 GB
DirectX: 11 11
Armazenamento: 85 GB de espaço disponível 85 GB de espaço disponível

The Elder Scrolls Online: Requisitos mínimos para macOS

Requisitos mínimos Configuração recomendada
Sistema operacional: OS X 10.9 OS X 10.9 ou superior
Processador: Intel Core 2 Duo Intel Core i5
Memória RAM: 4 GB 4 GB
Placa de vídeo: Geforce 460 ou Radeon 5670 com 1 GB Geforce 640 ou Radeon 6850 com 1 GB
Armazenamento: 85 GB de espaço disponível 85 GB de espaço disponível
OpenGL: 4.1 4.1
Primeiras impressões do beta de Call of Duty: Vanguard

Primeiras impressões do beta de Call of Duty: Vanguard

Mais do TechTudo