Streamers

Por Marciel Agostini, para o TechTudo


Alexandre “Gaules” Borba, 37 anos, é um streamer e ex-jogador profissional de Counter-Strike. Campeão mundial de CS 1.6 em 2007 como treinador da MIBR, Gaules foi o segundo streamer mais assistindo do mundo no primeiro trimestre de 2021 na Twitch, inclusive com transmissões ao vivo da NBA. Em 2020, ele foi eleito Personalidade do Ano e Melhor Streamer do Ano no Prêmio eSports Brasil 2020. Com uma história de altos e baixos dentro do cenário de games, ele superou decepções profissionais e um quadro grave de depressão até se tornar o fenômeno atual da Twitch com a Tribo Gaulesa.

Apesar de iniciar sua carreira na g3x, foi na grande rival MIBR que Gaules conquistou seu principal título — Foto: Divulgação/Gaules

Seu início como jogador de CS

Gaules teve seu primeiro contato com CS aos 14 anos quando foi apresentado ao game por amigos na lan house Monkey Tatuapé, de São Paulo. De espírito competitivo, seu primeiro grande desafio foi conseguir uma vaga no time da Monkey, onde foi convidado para fazer parte de uma equipe secundária da lan.

Após participar como reserva de uma seletiva da extinta Cyberlate Professional League (CPL), Gaules não saiu mais da equipe principal da Monkey até 2001, quando ele deu início ao g3neretionX. Logo no primeiro ano de G3X, o time já conseguiu o título da World Cyber Games (WCG) Brasil, que deu a vaga para a disputa mundial de CS 1.6, ficando na oitava colocação.

Carreira como treinador

Gaules atuou como treinador da MIBR entre 2007 e 2008 — Foto: Reprodução/Twitter Gaules

Entretanto, quis o destino que o primeiro grande título de Gaules fosse com a maior rival da época, a MIBR. Em 2007, atuando como treinador e comandando um estrelado time que contava com Lincoln “fnx” Lau, Thiago “btt” Monteiro, Wellington “ton” Caruso, Bruno “bit” Lima e Olavo “cky” Napoleão, a equipe brasileira conquistou a DreamHack Winter ao vencer a final contra a SK Gaming de SpawN e companhia.

No ano seguinte, Gaules continuou se destacando como treinador da MIBR. O time chegou à segunda colocação da DreamHack, desta vez perdendo a final para a SK Gaming. O time, contudo, garantiu o título de "A-Tier" ao conquistar a GameGune 2008 após vencer a mousesports na final da competição.

Trajetória como empresário

Gaules foi o primeiro streamer a transmitir uma partida da NBA na Twitch, em 2020 — Foto: Reprodução/Instagram Gaules

No ano de 2008, Gaules estava se formando em Marketing e conseguiu um estágio na empresa Samsung. Com isso, ele decidiu se aposentar como treinador de Counter-Strike. Durante sua passagem pela empresa, Gaules se envolveu com os primeiros projetos no mundo dos games como empresário.

Uma das iniciativas em que trabalhou foi a Brasil Gaming League e a Seleção Brasileira de Games, em 2011, com o propósito de fomentar e profissionalizar os esports no país. Além disso, Gaules também foi sócio proprietário da Agência X5 e da Mega Arena X5, que fazia transmissões e eventos presenciais.

Luta contra a depressão

Início das streams em 2017 foi uma forma de Gaules superar a depressão — Foto: Reprodução/YouTube Gaules

Com os novos desafios na carreira também vieram as decepções e o pior momento de sua vida em 2017. Acumulando dívidas devido aos seus projetos como empresário, Gaules entrou em depressão e chegou a tentar suicídio.

Após este episódio, iniciou seu tratamento com psicanálise e achou na profissão de streaming uma forma para ajudar a superar o momento difícil, iniciando assim a Tribo. Com lives durante a madrugada, Gaules mesclava gameplays com conversas com subs. Seu objetivo desde o início era usar seu conteúdo para ajudar o próximo, da mesma forma que recebia apoio.

Sucesso como streamer

Gaules foi o segundo streamer do mundo mais assistido no primeiro trimestre de 2021 — Foto: Reprodução/Twitter Gaules

Aos poucos, Gaules foi aumentando o número de seguidores na Twitch, começando a transmitir campeonatos e quebrando recordes atrás de recordes. Em 2020, ele foi eleito Personalidade do Ano e Melhor Streamer do Ano no Prêmio eSports Brasil. Segundo o site Stream Hatchet, Gaules foi o segundo streamer mais assistido do mundo no primeiro trimestre de 2021.

Além disso, segundo a Twitch Tracker, seu canal possui atualmente mais de 55 mil subs, sendo o quarto maior da plataforma neste quesito (dados de 21/09). No mesmo ano, o sucesso ultrapassou os games e chegou na NBA. Gaules foi o primeiro streamer mundial a transmitir jogos da liga profissional de basquete americano na Twitch.

Mesmo com recordes, Gaules continua com sua missão filantrópica ajudando inúmeras causas. Em 2020, ele doou R$ 31 mil em prol do combate do incêndio no Pantanal. O ex-treinador também apoia o surgimento de novos streamers, como nos casos de Wesley “Lindinho” e André “Liminha” Shimura.

JOGOS QUE VIRARAM FENÔMENO NA TWITCH

JOGOS QUE VIRARAM FENÔMENO NA TWITCH

Mais do TechTudo